13 Dicas de Como Atrair Clientes com o Marketing de Conteúdo

content marketing hacks

Você está com dificuldades em como atrair clientes com seus esforços de marketing de conteúdo? Não se preocupe, você não é o único. A maioria dos blogueiros não sabe como atrair clientes com o marketing de conteúdo.

Eu vou te mostrar 13 maneiras que você pode dar um salto de crescimento no seu marketing de conteúdo, para que você possa aumentar seu tráfego de busca em 206% e atrair clientes para o seu negócio online.

A verdade é que você pode aumentar o seu tráfego de busca em 13,15% em cerca de 30 dias, se você implementar estas dicas. E você sabe quais são os resultados finais disso? Você irá…

  • Saber como atrair clientes com o marketing de conteúdo
  • Aumentar o tamanho da sua lista de email
  • Gerar comentários mais valiosos
  • Incentivar visitantes a voltar para o seu blog
  • Construir a sua marca pessoal online
  • E muito mais…

Com um plano e uma estratégia sólida, você estará muito à frente de seus concorrentes. Então vamos começar:

Faça download deste material com macetes de como atrair clientes com o marketing de conteúdo que você pode começar a usar ainda hoje.

1. Faça um brainstorm de ideias virais antes de pensar em como atrair clientes

O que faz com que certas ideias se tornem virais, enquanto outras passam despercebidos? Jonah Berger, professor associado de marketing na Wharton School, estava certo quando disse que conteúdo útil e prático que evoca emoções fortes (raiva, perda de medo, dor, risos e assim por diante) são mais compartilhadas. Na verdade, quando o seu conteúdo faz as pessoas rirem ou se sentirem entretidas, elas são mais propensas a compartilhar a sua ideia.

image25

Já foi o tempo em que nós escrevíamos conteúdo que apelava ao Google e outras ferramentas de busca. Hoje em dia, o foco deve ser na criação de conteúdo útil e emocionalmente ressonante, que o seu público-alvo vai se beneficiar. Nesse ponto, eles vão ajudá-lo a espalhar a sua mensagem.

Você não pode pregar uma ideia viral a cada momento, mas apenas algumas ideias virais em um mês poderão levar muitos visitantes e leads qualificados para o seu negócio online.

Isso significa que você tem que se destacar na multidão, ou seu link será esquecido.

Comece uma sessão de brainstorming respondendo estas perguntas:

  • Você tem alguma ideia de uma tendência que as pessoas vão querer saber?
  • A sua ideia é engraçada?
  • Sua ideia irá gerar polêmica no seu mercado?
  • Sua ideia irá provocar uma resposta emocional nos leitores — por exemplo, dor, prazer, raiva, surpresa, etc.?
  • Você pode adicionar vídeo, infográfico ou imagens que chamam a atenção?
  • Dos posts e artigos que você já escreveu, que tipo normalmente recebe a maioria dos compartilhamentos?
  • Seus leitores preferem posts curtos ou conteúdos mais longos?
  • Como você pode se conectar facilmente com influenciadores do seu mercado e pedir para eles compartilharem seu conteúdo?
  • Qual é o melhor dia/hora para publicar o seu conteúdo?

Lembre-se que o conteúdo com sabor ou emoções positivas terá melhor desempenho online. Quando você provocar consistentemente emoções positivas, as pessoas serão naturalmente atraídas para você.

Outra abordagem é evitar reinventar a roda. Identificar os autores de conteúdo, os proprietários de sites e blogueiros, que tendem a dominar com cada parte do conteúdo que eles criam. Encontre seus artigos com melhor desempenho, em seguida, aproveite seus tópicos e estilos de títulos para elaborar algo mais poderoso e sedutor.

Para encontrar conteúdo viral no seu mercado, siga estes dois passos:

Passo #1: Vá no Buzzsumo. Insira sua palavra-chave (exemplo, “SEO on-page”) e clique em “go.”

image46

Passo #2: Verifique os resultados para encontrar os títulos que tiveram a maioria dos compartilhamentos sociais.

image56

Buzzsumo nos mostra que, no ano passado, o tópico “SEO on-page” foi extremamente popular. Mais de 10.000 pessoas compartilharam artigos sobre isso no Twitter.

Lembre-se que a maioria dos tópicos que se tornou viral não explodiu da noite para o dia. A grande maioria deles teve tempo para ganhar força, o que muitas vezes é sustentável no longo prazo.

A mesma regra de viralidade se aplica a vídeos e outros tipos de conteúdo. A sustentabilidade é muito melhor do que um surto viral que cai da noite para o dia.

image52

Voltando à nossa lista de títulos, o próximo passo é modelar o seu título depois de um daqueles títulos virais. Estude-os e, em seguida, crie um melhor:

Título viral original #1: 5 Mais Gatilhos Mentais para Gerar Conversões em Seu Site ou Landing Page

Títulos novos e clicáveis:

  • 15 Poderosos Gatilhos Mentais para Gerar Conversões no Seu Site
  • 13 Infalíveis Gatilhos Mentais que Vão Aumentar Sua Taxa de Conversão

Título viral original #2: Guia Ilustrado para SEO On-page Segmentado Avançado

Títulos novos e clicáveis:

  • O Guia Definitivo para SEO On-page Avançado Que Funciona
  • Como um Guia Ilustrado de SEO On-page Vai Aumentar Seus Rankings de Busca

Upworthy usa gatilhos emocionais e senso de urgência para inspirar seus fiéis leitores a compartilhar links no Facebook, Twitter e LinkedIn.

Dê uma olhada em alguns títulos recentes da Upworthy que se tornaram virais:

image42

Aqui está outro exemplo de um tema bem-sucedido que se tornou viral do Copyblogger Media.

image14

2. Escreva artigos detalhados

É um fato claro e simples que o Google adora artigos detalhados. Essa é uma excelente estratégia de como atrair clientes com o marketing de conteúdo e tenha certeza que seus prospects vão amar.

O termo “detalhado” significa dar uma consideração cuidadosa a todos os detalhes e aspectos de um assunto. Isso significa que você pesquisou extensivamente seu tema, e, em seguida, cuidadosamente criou um artigo de mais de 2.000 palavras.

serpIQ nos dá uma imagem mais clara do tamanho do conteúdo de páginas que aparecem no topo do Google 10. Os artigos de 2.000 palavras ou mais tendem a funcionar muito bem nos resultados de pesquisa.

image07

Então, publicando de forma consistente artigos detalhados, você não só vai melhorar o seu tráfego de busca e rankings, mas você também pode obter mais compartilhamentos sociais e crescer o seu negócio online.

image26

Artigos detalhados também convertem melhor. Marketing Experiments descobriu que um discurso de vendas em formato longo converte 30% mais do que uma versão mais curta em sua homepage. Além disso, o Conversion Rate Experts aumentou a taxa de conversão do CrazyEgg em 64%, apenas usando um discurso mais longo, mantendo a mesma mensagem.

Aqui estão algumas dicas que você deve ter em mente ao escrever artigos detalhados:

  • Escolha um assunto/tema amplo – por exemplo, o tráfego na web, fazer um blog – em seguida, estude ele profundamente.
  • Direcione seu título para uma palavra-chave de cauda longa – por exemplo, Como Construir um Blog de Sucesso.
  • Pesquise dados recentes e confiáveis para basear fatos e opiniões.
  • Faça seu conteúdo extremamente interessante.
  • Adicionar imagens relevantes, gráficos, vídeos ou apresentações de slides.
  • Trabalhe a geração de leads no corpo do artigo através da estratégia de atualização de conteúdo.
  • Crie links para sites relevantes com autoridade.
  • Inclua uma chamada à ação (call to action) – por exemplo, o download de um relatório grátis, assinar a lista de newsletter, ou comprar um produto)
  • Comunique os autores dos blogs mencionados no artigo e peça para eles o compartilharem.

Nós estamos criando artigos detalhados para os leitores do blog da KISSmetrics desde o início, crescendo os leitores mensais de 0 para 350.000.

image21

3. Crie títulos clicáveis e compartilháveis 

Ted Nicholas, o renomado redator, uma vez disse que “a preparação de um título poderoso é responsável por pelo menos 73%” do seu sucesso sobre como atrair clientes.

Se você deseja capturar a atenção do seu público-alvo, então você deve prestar muita atenção aos seus títulos.

Você tem aproximadamente 8 segundos para agarrar a atenção dos leitores antes de perdê-los para seus concorrentes.

Lembre-se que cada parte do conteúdo que você escreve tem apenas um propósito – levar o leitor a ler a frase seguinte, e então a próxima. É por isso que você precisa títulos magnéticos que obrigam o seu público para clicar e ler.

Veja como você pode escrever um título clicável e compartilhável:

1). Adicione um toque de curiosidade: Upworthy publica regularmente exemplos perfeitos de títulos clicáveis ​​e compartilháveis. Não admira que os seus posts conseguem geralmente mais de 500.000 compartilhamentos no Facebook:

image02

Se você é um blogueiro ou consultor, escrever títulos clicáveis ​​irá ajudá-lo a fazer uma grande primeira impressão e atrair clientes potenciais.

Ao lerem seus títulos e conteúdos, eles começam a igualar a qualidade do seu conteúdo com o seu valor. Eles começam a acreditar que, se te contratarem, você vai entregar os mesmos resultados para os negócios deles.

Os clientes não estão atrás de mais page views ou diminuir a taxa de rejeição. Os clientes querem resultados que irão gerar mais dinheiro.

Esses títulos ajudam a Upworthy a receber mais de 88 milhões de visitantes únicos por mês.

image18

4. Teste botões de chamada para ação

O que é uma chamada para ação (call to action)?

Aqui está uma definição concisa:

image55

Essa última linha – “uma propaganda de varejo ou comercial sem uma chamada para ação é considerada incompleta e ineficaz” – significa que uma chamada para ação é um elemento necessário em todo artigo, post, vídeo e ebook que você publicar.

Você pode facilmente aumentar a sua taxa de conversão em 13% ou mais apenas testando seus botões de chamada para ação. Isso por si só pode fazer uma grande diferença e resolver parte do seu problema de como atrair clientes.

De acordo com a Unbounce, “a chamada para ação representa um ponto crítico, entre rejeição e conversão.” Em outras palavras, se você não quer que seus leitores deixem sua landing page, então você deve prestar atenção na forma, tamanho, e cor do botão de chamada para ação.

image11

Existem diferentes maneiras de criar um teste A/B para os botões de chamada para ação, mas o objetivo é determinar a melhor cor, tamanho, forma, e texto que irá inspirar mais pessoas a tomar a ação desejada.

Aqui estão alguns exemplos de botões de chamada para ação (call to action) eficazes:

i). Registro no Square: Square é uma solução de pagamento de ponto-de-venda utilizado principalmente por varejistas dos EUA. O seu botão de chamada para ação é branco com um fundo ciano. A cor do texto é azul.

image54

Ponto importante: Teste diferentes cores dos botões, mas não use muitas cores diferentes que parecem berrante para os leitores. Faça testes A/B, a fim de determinar a combinação de tamanho/cor ideal para os seus clientes potenciais.

ii). GiftRocket: GiftRocket é uma loja de presentes online que utiliza uma estratégia de call to action para envolver os usuários e inspirá-los a clicar.

image31

Ponto importante: O botão de chamada para ação não insiste que os clientes a “comprem” ou “assinem” — em vez disso, cutuca as pessoas para “Enviar um GiftRocket” para seus entes queridos.

O texto da landing page também tem um punhado de verbos fortes (palavras de ação), e está escrito na voz ativa. E a imagem no lado esquerdo explica os “presentes”.

Você pode pegar uma página do “livro” da GiftRocket e apelar aos clientes e prospects (a maioria dos quais detestam sentir-se “vendidos”) criando um texto para o call to action que não é insistente.

Aqui estão alguns botões de chamada para ação genéricos que você deve evitar, bem como algumas grandes ideias para textos alternativas:

image09

Pequenos ajustes funcionam muito bem em botões de chamada para ação. Quando Michael Aagaard testou “Peça Informações” versus “Obter Informações” sobre um botão de chamada para ação, o resultado surpreendeu a todos: “Obter Informações” aumentou a taxa de conversão em 38,26%.

image30

5. Alavanque sua área “acima da dobra”

Acima da dobra é a primeira área no seu site que é visível quando a página carrega, antes do usuário rolar para baixo. Estudos recentes mostram que as pessoas vão rolar para baixo uma página, mas eles vão gastar 80% do seu tempo acima da dobra e apenas um mísero 20% abaixo da dobra.

Se você quer mesmo melhorar o processo de como atrair clientes, coloque sempre acima da dobra os elementos importantes que irão atrair os prospects.

Eu sempre coloco os elementos mais importantes do meu blog, como a barra de menu, o meu formulário de geração de leads, títulos e trechos de conteúdo e botões de call to action, acima da dobra:

image57

Tente evitar o uso de sliders acima da dobra, exceto quando há uma boa razão para isso. Sliders perturbam seus leitores e potenciais clientes, e não funcionam tão bem.

Os clientes potenciais não querem desperdiçar seu tempo à procura de informações importantes sobre o seu blog. Se você é um freelancer ou consultor de SEO, facilite para os seus clientes potenciais encontrem sua página serviços rapidamente.

Se você colocar informações importantes acima da dobra, com certeza você vai obter mais visualizações para essa informação, e converter mais visitantes em clientes.

image01

Ben Hunt aumentou significativamente sua taxa de click-through. Ele conseguiu que 680 pessoas clicassem na sua promoção acima da dobra, enquanto apenas 109 pessoas responderam à promoção, quando foi colocado abaixo na coluna lateral.

image33

A maioria dos profissionais de internet marketing inteligentes reservam a parte acima da dobra para elementos que constroem a lista de leads. Isso é exatamente o que David Garland fez com seu principal blog, The Rise to the Top.

image35

6. Faça guest blogging avançado

Existem basicamente duas formas de construir um público excepcional para seu blog através de conteúdo:

i). Escrever artigos detalhados no seu blog e dizendo as pessoas certas sobre eles

ii). Escrever guest posts surpreendentes em blogs relevantes de outras pessoas

image45

Enquanto você pode criar links de autoridade por meio de guest blogging, não foque apenas no link building. Os blogueiros podem adicionar uma tag nofollow para o seu link, retirando o valor de SEO que o Google iria passar para seu site.

(Eu escrevi recentemente um post sobre como aumentar o tráfego de busca sem a construção de links. Isso se tornou popular, porque um monte de pessoas estavam doentes e cansados ​​de correr atrás de links.)

GrooveHQ documentou como chegaram a 1 milhão de pessoas por meio de guest blogging na KISSmetrics, AngelHack, Buffer, Onstartups, Shopify e outros sites.

image28

Quando se trata de guest blogging, meu melhor conselho é para fazê-lo para construir o seu público, não para conseguir links ou melhorar seus rankings. Claro que, no processo de guest blogging, você vai se beneficiar de rankings orgânicos naturais e um aumento nas menções sobre a marca. Na verdade, você pode fazer do guest post o seu caminho para o sucesso.

image03

O benefício mais importante do guest post é a oportunidade de dar valor a uma audiência nova e inspirá-los a visitar o seu site.

Danny Iny tornou-se o Freddy Krueger dos blogs em 2013, em grande parte, através da implementação de uma estratégia de guest blogging. Ele construiu um negócio de marketing online de seis dígitos a partir do zero. Hoje, ele é um dos renomados especialistas online com um blog muito popular.

image53

Se você está pronto para melhorar suas habilidades de guest blogging, há uma estratégia avançada que pode ajudá-lo a resolver o problema de como atrair clientes. Veja como funciona:

Passo #1: Pesquisa de blogs relevantes. Um blog relevante pode ser simplesmente qualquer blog que atrai as pessoas ideais pro seu negócio.

Vá ao Google e digite “dicas de marketing online para iniciantes.”

image43

Se você é um web designer freelancer, por exemplo, um blog relevante para você é um blog de um pequeno negócio ou startup, e não o blog de um companheiro designer. As pessoas que leem blogs de pequenas empresas e de startups provavelmente vão precisar de um site para eles em algum ponto. Seu companheiro de designer não tem essa mesma necessidade.

Passo #2: Meça a influência social do site – O fato de que uma página está bem no ranking do Google não significa necessariamente que ela vai conduzir uma grande quantidade de tráfego de busca para seu site.

Você também quer saber quantas pessoas que provavelmente vão compartilhar seu guest post no Twitter, Facebook, LinkedIn, etc. Para descobrir isso, insira a URL do blog (por exemplo SearchEngineJournal.com) no Buzzsumo e verifique quantos compartilhamentos que cada um dos últimos posts do blog gerou:

image23

Você pode ver que nos últimos 6 meses, os posts que foram publicados no Search Engine Journal geraram mais de 2.000 tweets e compartilhamentos no Facebook.

Isto significa que quando você enviar o seu guest post para esse blog, você deve esperar uma quantidade razoável de tráfego imediato, compartilhamentos sociais, links de autoridade, e até tráfego de pesquisa a longo prazo.

Passo #3: Procure por posts antigos relacionados ao seu tópico nos arquivos do site que você irá fazer o guest post.

image40

Se você encontrar um post de blog que foi bem recebido, você encontrou uma mina de ouro. Você deve, então, melhorá-lo. Crie um título melhor. Melhore a ideia existente e escreva um post de blog mais detalhado, aproveitando-se da estratégia de atualização de conteúdo.

A imagem acima é um post que foi escrito em março de 2014. Ele tinha 22 comentários e gerou 484 compartilhamentos sociais. Mas o título não é realmente orientado ao benefício. Então, vamos reescrevê-lo:

Título original: Contraste em Visual da Web: Por Que Você Olhou Primeiro Para Este Título

Novos títulos criados para seus guest posts:

  • Como o Visual da Web Influencia os Leitores do Seu Blog a Clicar (Estudos Científicos)
  • 15 Estudos Científicos Mostram Porque o Visual da Web Atrai Leitores para Seu Blog

Agora que você já estabeleceu uma ideia de como fazer um grande guest post, escreva e-mails de divulgação para se conectar com pessoas influentes que irão promover seus guest posts.

Essa estratégia simples mas avançada de guest blogging pode ajudá-lo a gerar grandes quantidades de tráfego qualificado, atrair clientes e alcançar rankings de busca melhores e sustentáveis.

7. Use A.I.D.A. para conseguir mais comentários

Um tempo atrás, eu compartilhei um estudo de caso de como eu gerei US$ 25.000 com 249 comentários. Essa história surpreendeu a muitos, mas é verdade. Comentários de alto valor podem direcionar o tráfego para o seu blog, bem como ajudá-lo a estabelecer uma relação com um blogueiro.

Comment keyboard key. Finger

Os 249 comentários que deixei em outros blogs me enviaram 3.973 visitantes e seis leads de consultoria. Eu fui capaz de transformar um desses leads em uma consultoria de US$ 25.000. Em poucas palavras, os comentários me ajudaram a adquirir um novo cliente.

Você pode criar o mesmo tipo de resultados, fazendo o contrário dessa estratégia. Em vez de deixar comentários em outros blogs, permita que outras pessoas comentem no seu blog. Um atalho de crescimento rápido que você pode implementar hoje, e que produz grandes resultados, é baseado na estratégia AIDA.

AIDA significa:

  • A – Capturar a Atenção
  • I – Construir Interesse
  • D- Criar um forte Desejo
  • A – Chamar para uma Ação

Quando você usa a estratégia AIDA, você não só obtém comentários valiosos que podem ajudar a motivar os seus clientes ideais para contatá-lo, mas você também pode obter melhores rankings de busca vindos do texto adicionado.

Quanto mais detalhado é seu conteúdo, mais o tráfego de busca e rankings você vai gerar.

Lembre-se que 78,82% dos leitores de blog preferem ler artigos “como fazer” que contêm dicas e truques para alcançar um resultado específico.

image34

Veja como usar a estratégia AIDA para escrever o conteúdo que os leitores irão gostar e que vai levá-los a deixar comentários valiosos:

i). Capturar Atenção: Existem dois lugares para captar a atenção no seu blog. A primeira é o design global, mas o mais importante é o seu título.

Se o design do site é fraco, mas o título é forte, você não pode atrair milhares de pessoas. Mas um design que é focado no usuário, profissional e bem-marcado, juntamente com um título atrativo, vão inspirar as pessoas a clicar no título e ler mais.

Derek Halpern usa a curiosidade para captar a atenção em seus títulos:

image51

Nota: Use estes títulos como um modelo para ajudar você a criar um melhor. Por exemplo, vamos fazer o segundo título ainda mais clicável:

  • The Psicologia dos Seus Clientes que Você Não Sabia
  • Como Entrar na Psicologia dos Seus Clientes e Ganhar Mais

ii). Construir interesse: Você constrói o interesse em seu post no blog começando com uma introdução forte e persuasiva.

Por exemplo, Steve Kamb, fundador da NerdFitness, geralmente começa seus posts com uma questão emocional que tende a desafiar o status quo:

image19

Fazer as perguntas certas irá levar as pessoas a reagirem na caixa de comentários e compartilhar suas próprias visões de mundo. Perguntas abertas dão espaço suficiente para as pessoas a responder plenamente a qualquer pergunta que já foi solicitada.

Iniciando a sua introdução com uma pergunta, você conseguirá mais pessoas interessadas em seu conteúdo. Então, uma vez que o interesse existe, o desejo de trabalhar com você ou permanecer fãs leais aumenta.

Sua introdução deve também ser breve e direto ao ponto. Lembre-se, você não consegue fazer os leitores deixarem seus contatos, comprarem ou fazer um trabalho extra na introdução, mas você pode usar a introdução para atraí-los dentro do corpo do texto, onde você pode convertê-los.

iii). Criar desejo: Bom redatores entendem como criar desejo por um produto específico. Um método para fazer isso usa subtítulos, bullet points e citações.

Você pode fazer o mesmo. Estes elementos vão fazer o seu conteúdo ser lido mais facilmente, de modo que seu cliente ideal vai se apaixonar por ele.

image41

Use bullet points para formatar seu conteúdo e seus leitores vão achar temas difíceis mais fáceis de compreender e aplicar.

iv). Call to Action: Uma maneira simples de como atrair clientes é um pequeno empurrão que diz às pessoas o que fazer no final de cada post. Melhores chamadas para ação são, algumas vezes, tudo o que você precisa para converter os visitantes do blog em leitores, e leitores em clientes.

Time for Action

Por exemplo, se o seu blog é sobre otimização de taxa de conversão, você poderia usar esta conclusão:

Você está tentando melhorar suas taxas de conversão de vendas? Eu posso ajudá-lo. Entre em contato hoje para consultoria grátis.

Spencer Haws, fundador do Niche Pursuits, usa a mesma estratégia para gerar comentários nos seus posts. No final de um post recente, veja o que ele escreveu:

image47

Você pode usar a estratégia AIDA ao escrever seus posts e artigos, na criação de vídeos, gravação de podcasts, ou dando uma palestra. Ele funciona igualmente bem para qualquer tipo de conteúdo.

8. Aumente a audiência através de recursos multimídia

“Multimídia” aqui se refere à utilização de todos os meios de comunicação de marketing para atingir seu público-alvo. Em outras palavras, não basta escrever artigos ou posts. O conteúdo em vídeo está dominando a internet atualmente.

image10

Aqui estão alguns dos principais canais multimídia que você deve aproveitar:

Mobile marketing: Quem não está consciente do impacto da tecnologia móvel no mundo de hoje? Toneladas de marketing e transações online efetuadas tanto em smartphones ou tablets.

Lembre-se que muitos dos seus clientes potenciais têm dispositivos móveis, mas nem todos eles têm PCs que estão conectados à internet.

image48

Como você criar conteúdo otimizado para dispositivos móveis? Você precisa de um design responsivo para o seu site.

image37

Podcasts, vídeos, etc .: Pat Flynn usa diferentes tipos de conteúdo multimídia para alcançar seu público-alvo, incluindo mensagens de blog, vídeos, podcasts, livros, palestras e muito mais.

image17

Apresentações de slides: Ana Hoffman cria apresentações de slides que geraram 243.000 exibições para seu blog.

image13

9. Disponibilize materiais valiosos na sua página de recursos

A página de recursos é uma página especial onde você lista as ferramentas e materiais que você usa para construir e executar o seu negócio online. Na maioria dos casos, ela gera dinheiro para o dono do site.

Steve Chou prefere chamar sua página de recursos de “Ferramentas”. Não importa como você a chama, o importante é que você tenha uma. Basta adicionar uma nova página para o seu blog WordPress ou site e listar suas ferramentas favoritas.

image00

A Camila Porto chamou sua página de recursos de “Ferramentas,” já o Henrique Carvalho, do Viver de Blog, a chamou de “Ferramentas para Blog.”

No entanto, em vez de tentar vender uma oferta de afiliados, por que não usar a sua página de recursos para capturar leads? Melhor ainda, dar valiosos e-books e relatórios que poderiam beneficiar seus clientes ideais.

Eles vão voltar e pagar por seus serviços premium se você impressioná-los com o seu conteúdo valioso e grátis.

Isso é exatamente o MailChimp faz na sua página de recursos. Dê uma olhada nos valiosos e-books que você pode baixar gratuitamente.

image08

Unbounce tem uma abordagem um pouco diferente. Em vez de apenas disponibilizar e-books e whitepapers, eles também dão livre acesso a qualquer um que quer assistir seus webinários. Até mesmo a Página Vídeos de Luta são todos grátis:

image27

Observe que pode levar algum tempo antes de colher os benefícios de dar informações valiosas em forma de webinários, e-books e vídeos. Mas não desista. Enquanto você está fazendo o mundo um lugar melhor para os seus clientes potenciais, eles vão, eventualmente, voltar e se sentir obrigados a trabalhar com você.

10. Atualize um post lista top 10

Posts lista top 10 são extremamente populares. Na verdade, se você buscar online para várias palavras-chave, você vai encontrar um artigo “top 10” em algum lugar na primeira página. Por exemplo, vamos dizer que fazer uma pesquisa para “Dicas de negócio para Startup”. Veja o resultado do Google:

image06

Implemente este atalho de crescimento (growth hack) se você deseja criar um conteúdo detalhado que vai ser estar sempre em destaque, muito útil, e cheio dicas práticas.

Eu criei posts de lista top 10 (ou semelhantes), cada um dos quais me ajudou a construir mais de 100.000 visitantes mensais no blog. Eu normalmente consigo mais de 100 comentários com esse tipo de post.

Siga estes passos simples para atualizar um post lista “top 10”:

Passo #1: Escreva “top 10” + a palavra-chave (por exemplo, “10 melhores + dicas de SEO”) na caixa de pesquisa do Google.

image38

Passo #2: Analise os resultados. Clique no primeiro resultado para estudar cuidadosamente o conteúdo e ver como é valioso. Você acha que você pode criar um melhor peça sobre este tema?

image32

Esta página contém um infográfico, com menos de 1.000 palavras de texto adicional.

O título do post é “Top 10 Dicas de SEO Mais Importantes para a Otimização de URL.”

Atualize o título, seguindo estes passos simples:

  • Escreva um título que excede a “contagem” original – por exemplo, “Top 15 Dicas de SEO Vitais para Otimização de URL.”
  • Pesquise dados precisos para basear seus pontos.
  • Escreva um post mais longo. Como o post inicial é inferior a 1.000 palavras, você poderia escrever um artigo 2,500+ palavras.
  • Capture imagens de tela para mostrar exatamente o que você está falando no conteúdo.
  • Procure imagens nítidas e relevantes para incluir no seu post.
  • Crie links para páginas de conteúdo de autoridade para apoiar seus pontos.
  • Use vários subtítulos e bullet points para aumentar a legibilidade.
  • Utilize atualização do conteúdo para gerar leads.
  • Inclua uma chamada para ação (call to action).

Seus clientes potenciais estão procurando esse fator definidor que faz você se destacar da concorrência. Se todo mundo está escrevendo um artigo “top 10” (provavelmente porque é mais fácil de fazer), então seu trabalho é deslumbrar os seus clientes e prospects, fazendo mais – digamos, por elaborar uma lista “top 30” ou “top 50” sobre um tema quente.

Isso foi exatamente como Michael Dunlop cresceu seu blog para 100.000 visitantes por mês.

Exemplos de artigos “top lista” que geraram mais de 100 comentários valiosos junto com vários milhares de compartilhamentos sociais, são:

11. Siga as 7 regras táticas do e-mail marketing

As 7 regras podem parecer antiquadas, mas são muito eficazes quando aplicadas à suas campanhas de e-mail marketing.

As 7 regras afirmam simplesmente que, antes de apresentar seu produto ou serviço pago a um cliente potencial, você tem que dar muito de valor para eles durante os próximos sete dias. Em outras palavras, se os clientes potenciais se inscreverem na sua lista de e-mails hoje, não cometa o erro de tentar vender amanhã. Seja paciente. O marketing eficaz nunca é feito com pressa. A regra de 7 não vai falhar se você colocar as outras pessoas em primeiro lugar, e seu segundo produto.

image22

A única razão das pessoas assinarem sua lista de e-mail é porque acreditam que você vai educar, informar e/ou entretê-los, ajudá-los a alcançar um objetivo pessoal ou profissional.

Se você bombardeia constantemente seus assinantes com e-mails promocionais, a sua taxa de cancelamento será muito elevada. Evite muitos e-mails nos primeiros sete dias. Em vez disso, foque na construção de relacionamento em primeiro lugar.

image50

Seu conteúdo valioso não tem de ser algo que você tem a oferecer para venda. Poderia ser uma coleção de seus melhores posts.

Se você esteve na minha lista de e-mail, você sabe que eu só envio mensagens de blog, em vez de e-mails promocionais. Ainda sim, eu recebo taxas de abertura decentes; na verdade, a minha lista de e-mail responde por 28% do meu tráfego. Isto é exatamente como os meus e-mails de resposta automática chegam na caixa de entrada dos membros da minha lista:

image49

Utilize uma ferramenta de autoresponder (por exemplo, Getresponse) para configurar e-mails de follow-up que serão enviados aos seus assinantes novos diariamente ou a cada dois dias durante uma semana. Esses e-mails devem ser curtos, mas cheios de informações úteis.

12. Faça uma curadoria de conteúdo viral, não crie

Para nossos propósitos, “curadoria” significa organizar, compilar e tornar o conteúdo facilmente acessível em uma única página ou blog. Posicionamento é o segredo da curadoria de conteúdo bem-sucedida.

image20

Brian Clark concorda que a curadoria de conteúdo pode ajudá-lo a criar um fluxo de receita recorrente. Afinal, se você deixar seus clientes potenciais navegarem pela web, procurando a informação correta, eles provavelmente vão mudar para o site concorrente que torna mais fácil para eles.

É demorado encontrar o melhor conteúdo que atende uma necessidade específica. Mas se você fizer isso, os clientes potenciais que se beneficiam regularmente de sua curadoria de conteúdo confiarão em você.

Um exemplo perfeito de curadoria de conteúdo é este post escrito por Jeff Walker no CrazyEgg. Na imagem abaixo, você verá como ele liga para os blogs certos, enquanto a adição de um estilo que faz com que o conteúdo seja excepcionalmente valioso.

image24

Onde encontrar conteúdo incrível para a curadoria (compilar): Vá ao Google e digite a palavra-chave ou título que você quer escrever sobre. Cada resultado de busca que aparece é um URL potencialmente viável para se conectar, quando você fizer a curadoria.

image44

Alternativamente, você pode usar uma rede de compartilhamento de conteúdo para encontrar peças relevantes para sua curadoria. Uma rede dessas é a GrowthHackers.

image12

Pessoalmente, eu descobri que a criação de conteúdo a partir do zero é muito mais fácil do que a curadoria de conteúdo. É demorado para ler e digerir essa grande quantidade de conteúdo. Não é uma boa estratégia para blogueiros preguiçosos ou profissionais de marketing de conteúdo.

Mas para aqueles que querem realmente deixar sua marca e salvar um enorme tempo dos seus clientes e leitores, curadoria funciona.

13. Capitalizar sobre as tendências atuais

A cada dia, um novo produto é lançado. Ou alguma coisa terrível acontece. Ou Google dá errado com um novo algoritmo de atualização.

Em vez de lamentar-se sobre estas mudanças e tendências atuais, se aproveite delas para criar conteúdo rico e valioso que seus potenciais clientes se beneficiarão. Você poderá obter tráfego imediato se você está entre os primeiros a escrever sobre um novo desenvolvimento.

image36

Por exemplo, enquanto milhares de pessoas estavam reclamando sobre atualizações e penalidades do algoritmo do Google, eu criei um dos melhores artigos sobre as atualizações Google Panda, Penguin, Hummingbird e Pigeon. Embora o post ainda seja novo, tem gerado buzz e mais de 70 valiosos comentários até agora (na versão em inglês).

Uma coisa vital a ser observado é que, se você capitalizar sobre as tendências atuais, seu tráfego vai crescer – mas se sua ideia é ultrapassada, poderia piorar seu tráfego.

image29

Na indústria de internet marketing e negócios, vários sites estão sempre à frente dos outros. A razão é porque os autores assistem dezenas de conferências e seminários onde especialistas da indústria anunciam novas tendências ou desenvolvimentos.

Você pode se manter atualizado dos últimos acontecimentos nas indústrias de tecnologia e entretenimento, visitando frequentemente Mashable e TechCrunch.

image39

Se você é um blogueiro, profissional de marketing de conteúdo, ou consultor de SEO como eu, você vai querer visitar o Search Engine Land para se manter informado.

image05

Lembre-se que as tendências atuais por si só não vão conduzir os visitantes para o seu blog. É sua responsabilidade criar conteúdo de alta qualidade, e promovê-lo para o público certo utilizando guest blogging, blogger outreach  (blogueiros que fazem referência ao seu conteúdo), e, é claro, marketing de mídias sociais.

Conclusão

A maioria dos profissionais de marketing de conteúdo tem dificuldade para gerar tráfego de busca e em como atrair clientes. Um dos melhores meios que você pode usar para clientes ideais são as referências boca a boca.

Mas referências boca a boca só são possíveis quando você oferece um excelente serviço, entrega no prazo, e faz do objetivo do cliente o seu #1 objetivo.

Não importa quais táticas de SEO você decidir implementar para melhorar seu tráfego e os rankings de busca do seu blog, no final do dia, “boca a boca” é o que importa para a sua marca.

Quais outras estratégias que você usou para atrair clientes para o seu negócio online?

Share