Como Converter Visitantes em Assinantes de Email: 15 Dicas Rápidas

email

Você gostaria de saber como eu faço para converter visitantes e incentiva-los a assinar minha lista de e-mail? Eu uso algumas estratégias simples que não irritam os meus leitores – e eu vou compartilhá-las com você neste artigo.

ExactTarget constatou que, “91% dos consumidores relataram verificar seus e-mails pelo menos uma vez todos os dias,” o que significa que seu trabalho é convencê-los a abrir seus e-mails – um trabalho que não é tão impossível quanto você pode achar.

O e-mail marketing veio pra ficar e ele pode te ajudar a converter visitantes e aumentar sua renda.

Uma pesquisa realizada pela Associação dos Apicultores de Michigan revelou que 79% dos entrevistados preferem receber e-mails, mais do que qualquer outro meio.

image18

“O dinheiro está na lista”. Esse tem sido um mantra comum há anos no mundo do marketing digital, e há uma boa razão para isso.

Quando você considera a intensidade das distrações no Facebook, Twitter e outras redes de mídia social, torna-se mais claro que o melhor lugar para se comunicar melhor com os clientes em potencial é através das suas caixas de entrada.

Existem várias vantagens de ter uma lista, mas tudo se resume a isto: e-mail funciona melhor do que exibição de publicidade e propaganda nas mídias sociais juntos.

image67

Sim, o meu blog gera muito tráfego grátis vindo do Google e outros motores de busca, mas o tráfego de busca leva mais tempo para crescer. Na verdade, dependendo da sua estratégia, pode levar de 24 a 72 horas para conseguir que o Google indexe uma nova página de conteúdo.

Mas você pode enviar um e-mail e dentro de 2 minutos, centenas, senão milhares de pessoas vão visitar o seu site.

Faça o download desta planilha para converter visitantes em assinantes de e-mail.

Sem mais delongas, aqui estão 15 dicas rápidas para ajudá-lo a convencer mais pessoas a assinar sua lista.

1. Converter Assinantes Incentivando-os a Encaminhar Seus E-mails

Não importa quantas pessoas você tenha na sua lista atualmente, você pode aumentar esse número incentivando seus assinantes a encaminhar seus e-mails. Motive-os, oferecendo tanto valor que eles vão querer fazer um favor a você – e aos amigos deles.

Nem todas as soluções e-mail marketing permitem sugestões de encaminhamento, mas você pode verificar com sua ferramenta de autoresponder.

Se os termos de serviço te permitirem, faça. Se não, encontre uma forma alternativa de conseguir que seus assinantes atuais espalhem o seu conteúdo. Os destinatários desses encaminhamentos são mais propensos a se inscreverem na sua lista, porque foram recomendados de alguém que eles confiam.

image22

2. Utilize QR Codes de Dispositivos Móveis para Converter Visitantes

Com os códigos QR (QR Codes), os usuários do seu site móvel ganham a oportunidade de acessar suas campanhas, incluindo os formulários de assinatura. Códigos QR – aqueles códigos de barras 2D que qualquer um pode criar – atendem a todos os que desejam a flexibilidade.

image58

Códigos QR geralmente consistem em quadrados pretos e brancos (embora você possa torná-los coloridos e com gráficos, para fazer os códigos visualmente mais apelativos). Cada um destes quadrados é referido como um módulo.

Quando um código QR é gerado, alguns módulos específicos devem ser descobertos e não editados, ou então o código não irá funcionar eficazmente. Aqui, todos eles são destaque em cores diferentes:

 

image16

Então, vamos supor que você é uma empresa imobiliária. Você deseja que os usuários móveis acessem facilmente suas listas. Você pode fazer um código com um dos geradores de código QR e torná-lo acessível (de modo que os usuários podem digitalizá-lo para revelar o que está por trás do código).

Então, quando os usuários digitalizarem o código QR, eles vêem suas listas.

image49

Na mesma linha, você pode criar um código QR para a sua caixa assinatura, para que os usuários móveis possam digitalizá-lo para acessar o formulário ou a oferta (ebook, curso on-line, software) que você está disponibilizando.

Você pode criar um código QR gratuitamente em: qr-code-generator.com ou qrstuff.com

3. Converter Visitantes com Formulários de Assinatura em Locais Estratégicos

Cada seção do seu site é importante para a construção de links, mas quanto mais formulários de assinatura você colocar estrategicamente no seu site, mais chances você terá de converter visitantes em assinantes.

Marie Forleo tem seus formulários de assinatura acima da dobra. Érico Rocha, Bruno Picinini, Rafael Seabra, e vários outros blogueiros seguem a mesma estratégia.

image54

No NeilPatel.com/br (o blog que você está lendo), meu formulário de assinatura está na barra lateral. Uma razão para isso é que eu quero que meus leitores sejam capazes de detectá-lo imediatamente, independentemente da página que eles vieram.

Minha barra lateral está sempre presente no blog – então eu vou ter uma porcentagem maior de leitores para se inscrever.

image10

Outros lugares estratégicos onde você pode colocar o seu formulário de assinatura para converter visitantes em assinantes são:

  • Ao final dos seus posts
  • No rodapé do site
  • Dentro do corpo do artigo, usando a estratégia de atualização de conteúdo (você verá mais sobre isso adiante)
  • Coloque formulários de assinatura na sua página “sobre”

4. Lembrar aos Usuários que Eles Podem Cancelar a Qualquer Momento

E-mail é indispensável – mesmo o e-mail em dispositivos móveis está crescendo em popularidade e uso. Isso significa que seus assinantes estão sendo cortejados por muitas marcas. Sua responsabilidade como um profissional de marketing de conteúdo/blogueiro é garantir que os visitantes do site estejam protegidos.

image40

A taxa média de cancelamento para a maioria das pequenas empresas é inferior a 1%. Ocasionalmente, D Bnonn Tennant envia e-mails para seus assinantes pedindo para eles cancelarem se eles não estão mais interessados em receber seus e-mails.

Aqui está um exemplo de um e-mail recente dele:

image51

Nas palavras de Tennant, ele recebe uma taxa de abertura de 38,9% no e-mail acima e uma taxa de cliques 15,4% – mas a taxa de cancelamento de inscrição é de apenas 5,8%.

A verdade é que a maioria das pessoas não estão dispostas a cancelar quando você lhes dá a oportunidade de fazê-lo. E confiem em mim, se eles decidem ficar em sua lista, eles vão esperar pelos seus e-mails e te dar mais atenção.

5. Convide Seus Fãs nas Mídias Sociais para Se Inscreverem Num Concurso

As pessoas gostam de participar e competir com outras pessoas. Este é também um aspecto de “prova social”, que envolve fazer o que os outros estão fazendo, em parte porque eles estão fazendo isso.

Um concurso de mídia social expõe o seu site e sua mensagem a muitas pessoas, algumas das quais são seus clientes potenciais ideais. Então você pode facilmente levá-los de volta ao seu site.

image23

Antes de executar um concurso, você tem que escolher uma plataforma. Concursos podem ser executados com sucesso no Facebook, LinkedIn ou no seu próprio blog. Todd Giannattasio cresceu sua lista de e-mail em 254% após a execução de um concurso no Facebook

image33

Você pode oferecer vários prêmios apenas para persuadir e converter visitantes do site ao se inscreverem. Pesquisas mostram que quando você oferece vários prêmios, você verá uma maior taxa de conversão do que você faria com um único prêmio.

Então, ao invés de doar US$ 500 a um único vencedor em seu concurso no Facebook, você pode quebrar esse valor, desse modo:

  • Primeiro prêmio: $250
  • Segundo prêmio: $150
  • Terceiro prêmio: $50

Não se esqueça que a finalidade de seu concurso é convidar pessoas para vir verificar se o seu site e, a partir daí, persuadi-los a entrar na sua lista de e-mail.

6. Use Leadboxes Dentro do Seu Conteúdo para Converter Visitantes

Dizer Imediatamente aos usuários do seu site para se inscreverem na sua lista pode acabar os afastando. A maioria dos usuários não gostam de assinar um formulário, porque eles já tiveram experiências ruins com certos profissionais de marketing, que oferecem ficar rico da noite para o dia sem sair de casa, que constantemente os bombardeiam com novas ofertas.

image32

Mas se você, levar os usuários do ponto A ao ponto B, sem forçá-los a se inscrever, eles vão responder positivamente quando a oportunidade for apresentada.

A fim de evitar afastar os visitantes do seu site na primeira visita, use um LeadBox para convertê-los em assinantes e-mail.

O que é um LeadBox?

Veja como a empresa o define na página do produto:

image27

LeadBoxes podem triplicar o tamanho da sua lista de e-mail, se você usá-los da maneira certa.

Levar as pessoas a assinar sua lista pode ser fácil, mas garantir que os assinantes são de alta qualidade é um grande desafio. De acordo com o B2B Tech Marketing, “O maior desafio que 61% dos profissionais de marketing B2B enfrentam quando se trata de geração de leads é gerar leads de alta qualidade.” E todos nós sabemos que os assinantes de qualidade, se tornarão leads de qualidade para o seu negócio.

Normalmente, um LeadBox se parece com isso – você provavelmente já viu isso inúmeras vezes na internet:

image44

Você pode colocar um LeadBox em qualquer lugar do seu site com um único shortcode.

Muitos profissionais de marketing e profissionais de diferentes setores usam LeadBoxes para aumentar suas taxas de assinatura. Jana Gouchev, proprietária do Gouchev Law, escritório de advocacia de negócios em New York City, usou uma caixa de geração de leads para aumentar sua taxa de conversão de 12% para 42% – um aumento de 250%.

image26

Ian Brodie, autor de Email Persuasion, também usa caixas de geração de leads nas suas landing pages. Ao direcionar o tráfego para uma landing page simples, com anúncios do Facebook, juntamente com um LeadBox convincente de assinatura, ele aumentou sua taxa de inscritos no e-mail em 91%.

image02

Gerar assinantes qualificados é a parte difícil do trabalho. Mas você pode torná-lo mais fácil, colocando caixas de assinatura em posições estratégicas onde os usuários clicam frequentemente. Mas, como você sabe quais as áreas do seu site que recebem mais cliques?

A maioria dos proprietários de sites assumem que o melhor lugar para colocar o LeadBox de assinatura é “acima da dobra.” Claro, isso vai funcionar e você provavelmente vai chamar a atenção do seu usuário, mas pode haver outras áreas no seu blog que chamam mais atenção.

Ferramentas de heatmap (ou mapas de calor) como Crazyegg te ajudarão a visualizar o comportamento dos visitantes do seu site. Você saberá exatamente quais lugares do site tiveram o maior número de cliques. Então você pode colocar LeadBoxes nessas áreas para conseguir mais assinantes.

image43

A maioria dos profissionais de marketing preferem usar leadbox nas suas landing pages, uma vez que isso não vai mostrar o formulário que os usuários precisam preencher, a não ser que ele clique em um botão ou texto âncora. Um exemplo típico é página inicial do blog do David Risley.

image00

A localização do seu Leadbox pode muito bem determinar quantos assinantes você adiciona à sua lista. John Lee Dumas, fundador do Entrepreneuronfire.com, usa LeadBoxes na sua barra lateral.

image53

Veja exatamente o que o usuário vê depois de clicar nela:

image56

muitos lugares estratégicos onde você pode colocar seu LeadBox – por exemplo, ao final de cada post, ou na sua página “sobre”.

Tenha em mente que, para maximizar o seu ROI, você tem que identificar as 3 principais personalidades atraídas para o seu negócio: Leads, Prospects (Clientes Potenciais) e Clientes.

Cada uma dessas pessoas exige uma abordagem um pouco diferente. É por isso que colocar o LeadBox certo ao lado da informação certa funciona.

image45

Claire Pelletreau adicionou 88 novos assinantes à sua lista usando um LeadBox, sem criar nenhuma landing page. Ela simplesmente lançou um anúncio no Facebook; quando o anúncio é clicado, a pop-up do LeadBox é acionada:

image52

Quando um usuário clica no anúncio acima no Facebook, uma LeadBox aparece solicitando o endereço de e-mail do usuário, bem ali no ambiente do anúncio. Esta é uma ótima tática de marketing, pois elimina todas as etapas intermediárias. Veja pop-up logo abaixo:

image05

7. Use Estrategicamente o “Aprimoramento de conteúdo” para Converter Visitantes

Em 2010, 40% dos gastos das pequenas empresas com marketing passaram para a criação de conteúdo. Os profissionais de marketing entendem que o conteúdo é a força vital de todos os negócios online. Se você quiser deixar sua marca como um empreendedor online, você tem que investir em conteúdo de alta qualidade.

image46

Você tem que produzir consistentemente conteúdo personalizado que apela especificamente para o seu público-alvo – não o mundo em geral. Estatísticas recentes do Dragon Search Marketing mostram que 61% das decisões de compra dos consumidores são influenciadas por conteúdo personalizado.

image34

“Aprimoramento de conteúdo” tem provado ser uma das maneiras mais eficazes para transformar os leitores em assinantes de e-mail. Ele coloca conteúdo útil em primeiro plano, antes de qualquer outra coisa, e mostra claramente o valor a seus clientes potenciais.

Quando você consegue assinantes através do aprimoramento de conteúdo, você pode construir um público fiel deles, porque já estão pré-vendidos sobre sua ideia ou produto. E assim que você construir um público que confia em você, seu ROI aumentará.

image03

Então, o que é exatamente aprimoramento de conteúdo (content upgrade)?

image57

É simplesmente uma forma de aprimorar o seu valioso conteúdo com a funcionalidade de geração de leads. Em outras palavras, você deve posicionar estrategicamente uma caixa de assinatura ou um LeadBox no seu conteúdo para que os leitores possam facilmente se inscreverem na sua lista e conseguir um benefício especificado.

image60

Basicamente, com aprimoramento de conteúdo, você oferece aos leitores para baixar o mesmo conteúdo que estiver lendo ou (preferencialmente) uma versão aprimorada. Por exemplo, na imagem acima, Brian Dean dá um bônus exclusivo: um checklist passo a passo que irá mostrar como melhorar as conversões usando a “estratégia de aprimoramento de conteúdo”.

Aprimoramento de conteúdo pode sobrecarregar sua lista de e-mail. Maria Coz cresceu sua lista de 0 a 600 em 30 dias com essa mesma estratégia; está produzido resultados surpreendentes para outros profissionais de marketing também. Na verdade, eu recentemente comecei a usá-la aqui no blog NeilPatel.com e minha lista já cresceu. Nas palavras de Maria, esta é a forma como ela definiu aprimoramento de conteúdo:

“O aprimoramento do conteúdo é um download bônus que vai com seus posts. É mais específico do que sua  oferta de assinatura de e-mail genérica, e é precisamente por isso que é tão eficaz. É um conteúdo extra que está diretamente relacionado com o post do blog que seus leitores estão imersos no momento.”

Você tem que ser muito específico ao usar aprimoramento de conteúdo. Devesh Khanal do blog Crazy Egg dá um exemplo:

image19

Em outras palavras, sua oferta deve ser relevante, valiosa, imediatamente utilizável e certa para os leitores atuais.

Além disso, mantenha a oferta muito bem relacionada com o conteúdo na página. Não faz sentido oferecer um ebook sobre estudo de palavras-chave quando o seu post é sobre o aumento nas vendas. Sabendo como pesquisar palavras-chave não irá afetar diretamente quantas vendas você fecha.

Eu também constatei que, se você remodelar o seu conteúdo, isso ajuda a construir a sua lista. Por exemplo, você poderia remodelar o seu artigo em uma apresentação e pedir que os usuários a acessem – depois que eles se inscreverem. Você também pode remodelar seus vídeos para melhorá-los.

Bryan Harris compartilhou recentemente um estudo de caso sobre como Gary Vaynerchuk conseguiu aumentar seus assinantes em 71% em 2013.

image17

Tendo produzido vários vídeos, ele entende que nem todos têm o tempo para sentar e assistir a vídeos por meia hora. Afinal, as estatísticas nos dizem que a média da atenção dos usuários é de 8 segundos, um segundo a menos do que a de um peixinho dourado.

image20

Então Gary remodelou seus vídeos completos em pessoal, keynote, perguntas e respostas e vídeos de animação. Se você é fã de Gary ou cliente dele e prefere vídeos mais longos, você sempre poderá vê-los. Mas se não, ele tem vídeos mais curtos para você que ainda são úteis e valiosos.

Algumas diretrizes para fazer o aprimoramento do seu conteúdo funcionar:

  • Certifique-se de que o seu conteúdo é de alta qualidade.
  • Use aprimoramento de conteúdo para preencher uma necessidade que não é preenchida pelo post (por exemplo, uma versão em PDF com a lista de dicas do post).
  • Forneça recursos úteis que são relacionados ao seu conteúdo.
  • Seja conciso. Diga às pessoas exatamente o que eles vão conseguir se juntando à sua lista de e-mail.

8. Faça Testes A/B nos Formulários de Assinatura

Uma estatística recente de Ion Interactive descobriu que mais de 20% dos profissionais de marketing sentem que falta uma estratégia eficaz para testes nas landing pages.

Testes A/B não são opcionais. É uma necessidade se você quiser aumentar as conversões.

image63

O teste não é um divertimento ou uma coisa fácil de fazer. Ela exige uma compreensão tática de números e como esses números se correlacionam com o que os clientes ideais estão procurando. De acordo com Bryan Eisenberg, 61% das empresas realizam menos de cinco testes por mês.

Seu formulário de assinatura de e-mail é um fator importante para a converter visitantes em assinantes. Se o formulário não está bem direcionado, é claro que você sabe o que aconteceria – serão frustrações o caminho inteiro, mesmo que você esteja recebendo um grande número de visitantes de busca ou o tráfego de referência.

Então você tem que se certificar de que os formulários que você está pedindo às pessoas para preencher são otimizados para conversões. Essa é a essência da otimização da taxa de conversão.

“Uma medida exata vale mais do que mil opiniões de especialistas” – Almirante Grace Hopper

Você tem que ser capaz de estimar quantas assinaturas seu formulário é capaz de gerar, com base no número de visitantes que seu site recebe diariamente. Fazer algumas mudanças aqui e ali podem fazer uma grande diferença em incentivar as pessoas ou desencorajá-las a se inscreverem na sua lista.

Conversionista observou que as taxas de conversão melhoraram suas metas e os objetivos de seus usuários também. Lembre-se você não está apenas tentando melhorar as assinaturas dos seus formulários – você está fazendo isso porque a receita dos seus negócios precisam aumentar.

Pessoalmente, eu gostaria de executar um teste A/B na minha landing page, bem como páginas do blog antes de escrever sobre meus resultados no blog. Há alguns anos, eu testei o efeito de remover campos do formulário na minha landing page do Neil Patel (isso foi antes de eu começar este blog).

Meu formulário de apresentação tinha quatro campos:

  • Nome
  • E-mail
  • URL
  • Receita

Eu sempre pensei que ter quatro campos fosse bom porque eles são fáceis de preencher. Mas eu estava errado.

Em primeiro lugar, eu fiz um teste para ver quais resultados eu teria ao mudar de “receita” para “o que podemos ajudá-lo?” Para minha surpresa, essa mudança não produziu qualquer resultado mensurável.

Então eu decidi remover o campo “receita” por completo, deixando apenas três campos – nome, e-mail e URL.

image36

Esta pequena alteração resultou numa melhoria na minha taxa de conversão em 26%. Quem teria acreditado que a remoção de um campo poderia produzir um resultado tão significativo? Naquele momento, eu percebi que eu nunca poderia tomar nada como garantido. Pequenas coisas importam.

image42

Não é apenas sobre os campos do formulário, mas também onde o próprio formulário é colocado. A maioria dos profissionais de marketing de conteúdo usam o posicionamento “acima da dobra”, porque eles acreditam que é a parte mais vista de uma landing page.

Mas o resultado não é necessariamente o mesmo para todos os sites e mercados. Às vezes, a área mais focada de uma página está abaixo da dobra. Lembre-se: Sempre faça testes!

Michael Aagaard da Conversion Verve compartilhou um estudo de caso em que uma empresa de serviços de entrega de alimentos mudou seu formulário de assinatura de acima da dobra para a parte inferior da página. A mudança produziu 304% mais conversões.

image29

Outro fator importante do projeto é um formulário livre de distrações. Torne mais fácil para seus usuários se inscreverem, livre de qualquer obstrução. Ao remover distrações na landing page, especialmente com relação ao formulário, uma empresa de planejamento de eventos aumentou sua taxa de inscritos por e-mail em 89,8%.

image35

9. Estabeleça Langing Pages Separadas para Converter Visitantes Convidados

Quando eu digo “visitantes convidados,” estou falando de pessoas que leem o seu guest post em outro site, acham o conteúdo valioso, e o seguem de volta para seu próprio site.

Uma estratégia eficaz de guest posts pode ajudá-lo a conseguir novos assinantes. Danny Iny construiu seu blog FirePole Marketing a partir do zero, usando o poder dos guest posts. E Gregory Ciotti gerou mais de 35.000 assinantes de e-mail para Help Scout através de guest posts.

image04

Eu ainda contribuo para sites de autoridade, como Forbes e Search Engine Journal porque eu vi a quantidade de tráfego que você pode gerar para o seu site por ser consistente.

De acordo com SteelHouse, usar métodos de segmentação e de testes corretos podem aumentar as taxas de conversão acima de 300%, porque você prova aos visitantes que você pode resolver os problemas deles.

Quando eu escrevo um guest post em outros blogs, eu costumo criar uma landing page especificamente para receber os visitantes. Ela também serve como um recurso para aqueles que querem aprender mais sobre mim.

image21

Você pode fazer o mesmo com uma landing page simples, com muito espaço em branco (ótimo para a experiência do usuário). Ou você pode usar um construtor de landing pages, como Instapage ou Unbounce, para criar uma landing page separada e relevante para seus usuários visitantes.

image38

Se você escreveu um artigo detalhado no seu blog que é relevante para o seu guest post, você pode criar um link para ele no seu perfil de autor ou referenciá-lo no post. Desde que seu objetivo seja persuadir os visitantes a se inscreverem na sua lista, não há necessidade de direciona-los a sua home page, se ela não for otimizada para os visitantes.

Usuários visitantes irão se beneficiar mais de uma página de destino com um formulário de assinatura e conteúdo de alta qualidade. Um exemplo é Okdork, de propriedade do Noah Kagan.

image14

Lembre-se que seus visitantes convidados já estão qualificados. Tudo que eles precisam de você é um empurrão para entrar na sua lista, então seja relevante com a sua oferta e use landing pages feitas sob medida para eles.

Danny Iny faz isso muito bem. Quando ele escreve um guest post, se os membros do público-alvo são principalmente os escritores e profissionais de marketing de conteúdo, ele vai fazer o link para uma página do seu curso de escrita para converter os leitores em assinantes.

image15

Aqui está uma imagem de um guest post que ele fez para o Copyblogger – observe como ele criativamente cita seu próprio curso de escrita:

E aqui está a landing page que os visitantes são direcionados a partir do guest post do Danny:

image13

10. Persuada Usando Conteúdos Detalhados Multimídia

É hora de dar ao seu marketing de conteúdo um impulso multimídia. De acordo com Ahava Leibtag, conteúdo multimídia em formato longo é a próxima grande tendência para o marketing de conteúdo.

image09

Estudos mostram que retemos cerca de 20% do que vemos – o dobro da taxa de retenção para as coisas que só ouvimos. Mas quando combinamos texto, som e efeitos visuais, a nossa taxa de retenção aumenta para 65%!

Marketing de conteúdo multimídia atende às preferências de cada usuário, não importa qual preferência possa ser (por exemplo, vídeo, artigo, áudio, ebook, curso on-line).

Não é um atalho para a aquisição de milhares de clientes, mas quanto mais conteúdos detalhados multimídia que você cria para o seu negócio, mais impressionantes serão os resultados.

Conteúdo “bom” – seja ele na forma de posts, artigos ou vídeos – já não é suficiente para ajudá-lo a dominar o seu nicho. Há muito conteúdo “bom o suficiente” por aí. Você tem que ir além do bom suficiente – você tem que fazer o seu conteúdo ótimo.

Qualquer um pode lançar um blog em WordPress no prazo de 15 minutos e começar a desenvolver artigos genéricos. Os profissionais de marketing espertos têm dominado a arte de conteúdo detalhado multimídia, como parte de sua estratégia de marketing para crescer seu negócio.

Eles estão combinando infográficos, vídeos, apresentações em SlideShare, e outras formas de conteúdo em uma única máquina de conteúdo. Mesmo no mundo dos negócios offline, as pessoas estão usando uma estratégia de conteúdo multimídia para atrair mais usuários.

image08

Seu conteúdo tem que ser de alta qualidade, prático, e – tanto quanto possível – evergreen (perene). Utilizando multimídia ajuda você a atingir todos os três.

Você pode combinar multimídia com uma estratégia de remodelação do conteúdo, ao pegar um conteúdo antigo e remodelá-lo em um novo formato, trazendo uma vida nova ao seu trabalho velho.

Por exemplo, você pode criar um vídeo curto com base em um post de alto desempenho no blog, o que talvez explique mais um ponto específico, em seguida, faça o upload para o YouTube e compartilhe com seus fãs nas mídias sociais.

Ou você poderia reformatar as postagens mais antigas em ebooks, artigos e outras publicações, em seguida, fazer o upload do novo formato para o Scribd.com. Ao formatar seu blog em qualquer desses bens vendáveis, você pode criar um novo fluxo de receita enquanto, simultaneamente, gera tráfego para sua landing page para coletar os e-mails dos leads.

Marketing de conteúdo não são apenas “posts,” vídeos ou podcasts. Você pode combinar todos eles. Vamos dizer que você deseja criar um conteúdo exclusivo para ensinar as pessoas sobre “e-mail marketing”:

  • Escreva um artigo mais de 2.000 palavras.
  • Crie uma apresentação de slides de 15 a 37 páginas e faça upload para o Slideshare.
  • Crie um pequeno vídeo de 5 minutos para explicar o que é personalização de e-mail.
  • Grave um arquivo de áudio ou podcast para responder a perguntas sobre sequencia de e-mails follow-up.
  • Empacote o seu artigo em formato de ebook PDF e envie para Scribd, Docstoc e outros diretórios de ebook.
  • Crie um vídeo animado no PowToon para alcançar e converter visitantes.
  • Compartilhe uma citação do artigo com seus seguidores no Twitter.
  • Pegue a mesma citação e insira na sua página do Facebook.
  • Crie um infográfico com base nessa experiência para mostrar o que funciona.

Lembre-se que a melhor maneira de se conectar com os clientes potenciais é através de storytelling. Então, quando você criar conteúdo multimídia, certifique-se de transmitir a sua mensagem corretamente. Você pode usar histórias para conectar o seu infográfico, artigo, vídeo e podcast.

11. Pré-Venda Seus Próximos Conteúdos

Os clientes podem não querer seus anúncios – mas eles vão migrar para o conteúdo da sua marca, desde que ele resolva um problema deles. Se você quer mais assinantes, então comece a pré-vender esse conteúdo. Pré-venda é basicamente educar as pessoas sobre um determinado produto, antes mesmo dele ser lançando ou pedindo para eles comprarem.

image64

Antes de enviar as pessoas para a sua carta de vendas, você deve primeiro educá-las. Comentários de produtos são uma forma de pré-venda, mas não necessariamente a mais eficaz. Brian Clark, fundador da Copyblogger, tem realizado pré-vendas com conteúdo de alto valor.

Ele acredita que ensinar vende. Isto significa que quanto mais você ensinar, mais você está semeando o seu público-alvo. Eles vão saltar para a sua oferta quando você apresentá-la a eles.

image31

Eben Pagan usa pré-venda com os seus cursos online. Aqui está o que ele normalmente faz, com base em minhas observações como um de seus assinantes:

Ele vai criar 3 vídeos de alta qualidade:

  • O primeiro vídeo faz você ciente das oportunidades para atingir um objetivo específico (por exemplo, aumentar a sua lista ou aumentar as vendas).
  • O segundo vídeo mostra exemplos e estudos de caso de pessoas que não conseguiram atingir a meta especificada porque não aplicavam as técnicas corretas.
  • O terceiro vídeo mostra exatamente como aplicar as dicas do Eben para o seu próprio negócio e como replicar seus resultados.

Após o terceiro vídeo, Eben vai abrir seu curso online e obter uma resposta surpreendente. As pessoas se inscrevem imediatamente.

image37

Ele continua a acompanhando com outros vídeos valiosos, planilhas e aconselhamentos profissionais para que você fique engajado. Isso é pré-venda na sua melhor forma. Os consumidores precisam de educação antes de fazer uma compra ou inscrever na sua lista, e você é o melhor para fornecer isso.

image47

Então, se você tem um produto que pretende lançar dentro de alguns meses, comece a pré-venda para seu público-alvo mais cedo. Eduque-os de graça; Não se preocupe se eles vão comprar quando você lançar o produto.

image11

Quando chega a hora, eles vão comprar – porque você ganhou confiança deles.

Para praticamente qualquer tarefa ou objetivo, um usuário experiente pode provavelmente encontrar informações suficientes online gratuitamente. Mas leva tempo para encontrar essa informação, e a maioria das pessoas não têm esse tempo. Elas preferem um produto embalado, onde todas as informações que eles precisam é prontamente disponível a partir de uma fonte, e é fácil de digerir.

Pré-venda ajuda a preencher essa necessidade, e aumenta a lista de seus assinantes para arrancar.

12. Recompense Pessoas que Comentaram pela Primeira Vez e Redirecione-as para uma Thank-You Page

Você é, sem dúvida, familiarizado com programas de recompensas de consumo – mas você sabia que pode motivar os consumidores a comprar mais e dizer a seus amigos sobre o seu novo produto? Estudos descobriram que esses tipos de recompensas melhoram a favorabilidade da marca em 54%.

image41

Você pode incentivar os visitantes do site para entrar na sua lista de e-mail, quando você recompensar as pessoas que comentaram pela primeira vez. Tenho certeza que você já viu muitos visitantes de primeira viagem que acharam o seu conteúdo útil e deixaram um comentário – mas nunca são ouvidos novamente.

Não deixe que essas pessoas simplesmente vão embora. Em vez disso, instale o plugin First Comment Redirect que envia as pessoas que comentaram pela primeira vez a qualquer landing page de sua escolha. Por exemplo, você pode redirecioná-los para sua página “sobre”, uma página de compartilhamento social, ou uma página de registro para um webinar.

Ramsay Taplin, que tem mais de 17.000 assinantes na sua lista de e-mail, e redireciona as pessoas que comentam pela primeira vez a uma página de agradecimento, onde ele encoraja-os a se inscreverem para a sua lista.

image65

Ao tirar vantagem desta estratégia simples, você vai converter muitos usuários em assinantes de e-mail. Atualmente, apenas alguns profissionais de marketing e blogueiros realmente usam essa estratégia.

Outspoken Media consegue o mesmo resultado com o plugin de redirecionamento de comentários do Yoast.

image12

13. Compreenda e use a Psicologia das Cores para Converter Visitantes

As cores têm o poder intrínseco de persuadir os visitantes do seu site. Se você não tiver cuidado ao selecionar as cores das suas landing pages, é hora de mudar isso.

Algumas semanas atrás, eu escrevi um artigo detalhado explicando a psicologia das cores e como as cores certas podem aumentar as conversões.

Mais de 600 pessoas compartilharam esse post. Isso me diz que um monte de profissionais de marketing de conteúdo estão interessados em aprender como as cores podem melhorar suas conversões.

De acordo com a Live Science, cores afetam o humor e influenciam pessoas. Conseguir que os visitantes do site se juntem a sua lista quando eles não estão preparados (talvez por causa de más experiências que tiveram com outros marketeiros) não vai ser tão fácil. Mas se você conseguir alterar o humor ou percepções deles, você pode influenciá-los mais facilmente.

image50

Jovan Will, fundador da Advisor Internet Marketing, testou o impacto das cores em uma landing page de um webinar. Inicialmente, a landing page ficou assim:

image24

Após a landing page ir ao ar, seu amigo Ford Stokes ligou para ele e sugeriu que ele mudasse a cor do cabeçalho da landing page de azul para preto, o que ele fez:

image25

Então, qual o impacto que a cor preta faz? Bem, nas palavras de Jovan:

image48

Isso é um aumento de 62,5% em conversões de leads – tudo a partir de uma pequena mudança na cor do cabeçalho em uma landing page.

Dmix teve um aumento na conversão em 34% no seu CTA mudando a cor de azul para vermelho.

image28

Sempre use as cores certas em sua landing page. Acima de tudo, continue testando, porque essa é a única maneira de saber o que funciona e o que você deve ignorar.

14. Influencie Visitantes com Prova Social

Em seu livro, Influência: A Psicologia da Persuasão, Robert B. Cialdini destacou os 6 princípios que irão ajudá-lo a convencer as pessoas certas e obter o que deseja:

  • Reciprocidade
  • Compromisso/consistência
  • Prova social
  • Autoridade
  • Gosto
  • Escassez

Cialdini definiu prova social como “gente fazendo o que veem os outros em seu campo, profissão ou círculos sociais fazendo.” Prova social pode ajudá-lo a convencer as pessoas a tomar a ação que você quer que elas façam – neste caso, assinar sua lista de e-mail. Prova social depende muito de números.

Em outras palavras, as pessoas fazem o que veem outras pessoas fazendo. Por exemplo, estamos mais propensos a ir numa festa de aniversário, se nossos melhores amigos foram também. 81% dos consumidores pedem conselhos de amigos e familiares sobre um produto antes de comprá-lo.

image61

Então, como você usa prova social no seu site para conseguir mais assinantes de e-mail?

Você pode usar depoimentos de seus clientes – peça para eles compartilharem suas histórias de sucesso.

Outro tipo de prova social também poderia funcionar para você. Por exemplo, você pode exibir os lugares que você, seu conteúdo ou seu produto já foram mencionados na mídia. Fazendo isso você conseguirá que mais pessoas assinem sua lista.

image59

Modcloth usa a prova social para convencer os navegadores para se tornarem compradores. Eles permitem que os usuários da comunidade escolham roupas que eles acham que irão vender melhor no futuro, e então são etiquetadas como “Seja o Comprador.” Os compradores são influenciados por este distintivo e as roupas marcadas vendem duas vezes mais do que as outras que não têm o distintivo.

image66

Nós usamos provas sociais no KISSmetrics para convencer os empresários a testar o nosso software. E está funcionando.

image01

Você pode exibir o número dos assinantes totais em sua landing page ou no seu LeadBox para converter mais visitantes em assinantes. Campaign Monitor faz isso muito bem no site deles.

image62

Nota: É possível que algumas pessoas possam falsificar o número de assinantes. Isso não deve ser seu objetivo. Seja honesto. A honestidade irá te compensar.

15. Use Hellobar para Levar Visitantes à Sua Página de Assinatura

Ramsey Taplin, John Chow, Darren Rowse, Derek Halpern, Chris Ducker e muitos outros blogueiros usam o plugin Hellobar para crescer suas listas de e-mail.

Muitas vezes, a melhor maneira de duplicar os seus assinantes e-mail é usar várias táticas de geração de leads e implantá-las em todo o site, e não apenas na barra lateral.

image39

Brian Carter tem 9x mais assinantes e-mail através da aplicação do Hellobar e ao testar a cor certa. Derek Halpern gerou um número extra de 1.180 assinantes de e-mail em 30 dias.

image55

Eu uso Hellobar no QuickSprout.com para redirecionar os clientes em potencial para a minha página de serviços de consultoria.

image07

Se você não estiver usando Hellobar em seu site WordPress, comece hoje.

Conclusão

Os profissionais de marketing espertos levam e-mail marketing a sério. Eles não vão fazer nada fora de suas listas porque são nelas onde o engajamento real começa e termina.

Se você está apenas começando ou é um profissional experiente, use marketing de mídia social, otimização para ferramentas de busca, publicidade nativa e outras melhores práticas comprovadas do marketing de conteúdo para converter visitantes em seu blog – mas esteja pronto para convertê-los em assinantes da lista.

Construir relacionamentos e venda de produtos online é muito mais fácil quando você atinge seu público-alvo. E é muito raro encontrar um público-alvo logo de cara, sem qualquer forma de engajamento. É por isso que os e-mails fazem a diferença.

Quanto mais assinantes qualificados você possuir na sua lista, mais tráfego você vai gerar para o seu conteúdo. E, consequentemente, você vai ganhar mais dinheiro no longo prazo.

Quais outras estratégias você já usou para crescer sua lista de assinantes de e-mail?

Share