4 Dicas de Como Melhorar o Engajamento no YouTube

youtube

O YouTube é uma mídia social muito eficaz, mas relativamente pouco utilizada, que você certamente conhece. Essa plataforma hospeda uma quantidade incrível de conteúdo em uma grande variedade de assuntos.

O Youtube alcançou a marca de 4 bilhões de visualizações/dia em 2012 (considerando 30 segundos para cada visualização. O Facebook, por exemplo, considera 3 segundos por visualização). O Google favorece resultados do Youtube em suas páginas de resultados para certos tipos de buscas. E você sabia que o Youtube é o segundo maior mecanismo de busca existente?

Essa plataforma, que possui um bilhão de usuários, pode ser uma fonte de exposição espetacular para negócios, especialmente considerando a alta barreira de entrada existente para empresas que querem publicar conteúdo em vídeo.

Em sua pesquisa, Mark Fidelman constatou que o YouTube é a plataforma de rede social com o preço mais acessível para a condução de campanhas de marketing de influenciador. Algumas das campanhas de influenciador lançadas três anos atrás pela empresa dele, continuam a dar resultados hoje.

Se você já tem um canal do YouTube, talvez já tenha percebido que o caminho para melhorar o engajamento não é muito linear. O número de visualizações é praticamente uma métrica de vaidade, que te dá apenas satisfação imediata.

O algoritmo do YouTube também não parece dar preferência a vídeos com um número alto de visualizações. Em vez disso, ele considera o “tempo de sessão” de um usuário (um dado invisível para usuários). Assim, você precisa prender a atenção do visitante, fazer com que ele passe mais tempo em seu vídeo e interagir com ele nos comentários.

É bastante trabalho, certo?

Neste post, vou te ajudar com dicas de como aumentar o engajamento no YouTube e usar essa plataforma de maneira mais eficaz.

Vamos lá. Estratégia nº 1.

1. Miniaturas simples e bonitas podem aumentar seu  engajamento no YouTube em 154%

image33

O BuzzFeed usa títulos atraentes para despertar a curiosidade de seu público e obter cliques em seus artigos.

Mas o YouTube é em si um mecanismo de busca. E quando um usuário faz uma busca em sua caixa de pesquisa…

As miniaturas dos vídeos ocupam um espaço considerável nos resultados. 

image01

Como o nosso olhar é naturalmente atraído por imagens, você provavelmente não vai atrair mais cliques para os seus vídeos usando miniaturas comuns e entendiantes.

Aqui está um fato interessante fornecido pela YouTube Creator Academy:

90% dos vídeos com melhor performance no YouTube têm uma miniatura personalizada.

Ao enviar seu vídeo, você tem a opção de selecionar uma miniatura personalizada para acompanhá-lo no YouTube.

image35

Aqui estão algumas características das miniaturas que atraem mais cliques:

1. As miniaturas são diferentes para cada vídeo, e definem as expectativas para o que será visto quando o usuário clicar no vídeo.

image36

2. Adicionar sua marca ou um texto explicativo personalizado à sua imagem pode fazer com que ela se destaque entre a concorrência.

3. As imagens devem ter resolução alta (1280 x 720 pixels) e o texto deve ser legível em todos os tamanhos de tela. Você precisa oferecer uma experiência de usuário incrível em todos os dispositivos utilizados por seus usuários.

Ao editar sua imagem, considere aumentar e diminuir o zoom para ver como ela vai aparecer em vários dispositivos. Aqui está o relatório de dispositivos do YouTube Analytics, que pode ser usado para descobrir o tamanho do seu público que usa dispositivos móveis.

image15

4. Não se esqueça de criar um título que chame a atenção do seu público. Experimente combinar a imagem e o título para criar uma história coerente e atraente.

image02

5. Miniaturas atraentes não decepcionam o usuário. Da mesma forma que títulos clickbait irritam os usuários…

Miniaturas que não atendem às expectativas do usuário vão levar a uma enorme queda no público inicial. Verifique os primeiros 10 a 15 segundos de seu relatório de otimização de público.

image16

Uma retenção baixa pode indicar que seus espectadores não estão satisfeitos com seu conteúdo em vídeo. Atualizar a miniatura e/ou o título do vídeo pode ajudar a corrigir as expectativas.

Recomendo que você faça o curso de 15 minutos do YouTube Creator Academy para aprender mais sobre como criar miniaturas excelentes.

Uma miniatura atraente também vai te dar uma vantagem quando seu vídeo aparecer na seção “Vídeos Relacionados”. Isso também pode te ajudar a reter usuários e direcionar visualizações de múltiplos vídeos em uma única seção.

Matthew Woodward usa um modelo de miniatura simples em seu canal no YouTube a fim de poder criar miniaturas atraentes rapidamente. Ele selecionou alguns gradientes especiais que utiliza para manter a coerência.

image09

Você pode criar um modelo semelhante para o seu canal. Ou, se preferir, considere adquirir o app  tubeslicer.

Finalmente, a última opção para criar modelos é utilizar dimensões personalizadas dentro do Canva,

image31

usando as dimensões 1280 x 720.

image04

2. Adicione comentários para estimular o usuário a agir como o desejado

Se você já trabalha com marketing há algum tempo, sabe que profissionais de marketing precisam ser diretos.

Quer que o usuário assine seu canal de YouTube?

Diga isso de forma direta.

Quer que ele curta seu vídeo?

Lembre-o disso.

Se você não for direto em sua comunicação, pode acabar conseguindo mais visualizações em seus vídeos sem aumentar as ações lucrativas de consumidores.

Uma forma excelente de estimular as assinaturas e o engajamento no YouTube é usar comentários.

Os comentários são pequenas caixas que aparecem durante o vídeo e lembram o usuário de agir.

image37

Aqui estão os 4 principais objetivos para o uso dos comentários:

image11

Gab Goldenberg testou o uso de comentários para pedir aos usuários que assinassem o canal e assistissem mais vídeos no canal BBALLBREAKDOWN. Como resultado, ele viu um incrível  aumento de 3.100% em suas assinaturas.

image25

Brian Dean usa comentários com links ao final de seus vídeos para aumentar o engajamento no YouTube.

image22

E direciona usuários para sua página de captura a fim de ajudar a construir sua lista de e-mails.

image34

O YouTube gosta de ver mais interação na forma de curtidas, comentários e retenção mais alta em um vídeo. Assim, adicionar um comentário simples como “curta esse vídeo”, pode ser extremamente útil. Brian triplicou o número de curtidas em seu vídeo em apenas uma semana, ao pedir que o usuário curtisse o vídeo em um comentário.

image20

Rosanna Pansino tem um canal no YouTube sobre culinária. Ela já acrescentou mais de 100 receitas de bolos, biscoitos e cupcakes em sua série especial sobre mães nerds. E ela está retirando valor de seu conteúdo evergreen através do uso eficaz de comentários.

Ao final de cada vídeo, ela adiciona comentários para melhorar o follow up e aumentar o número de assinantes. Esses comentários têm uma taxa de cliques típica de 10%. Os melhores chegam a uma taxa de cliques de 30%.

image03

Para criar seus próprios comentários, você terá que ir a Creators Studio >> Video Manager.

image26

Agora, “edite” o vídeo no qual você quer adicionar comentários.

image00

Clique no botão ‘+ Add annotation’ para ver opções de como adicionar as caixinhas ao seu vídeo.

image28

Se você deseja ver um guia passo a passo sobre a adição de comentários, leia este artigo.

Você deve fazer experiências com os vários tipos de comentários e os momentos em que eles aparecem. Quando já tiver relatórios de comentários, você poderá ver quais deles estão recebendo cliques ou sendo fechados por usuários. Assim, você saberá colocar seus comentários nos momentos mais apropriados para ter uma taxa de cliques mais alta.

image18

3. Faça vídeos curtos para reter mais usuários e deixar seus espectadores mais felizes…

Já mencionei que ter uma alta retenção de espectadores é bem visto pelo YouTube.

O tempo assistido é um fator-chave para vídeos. A porcentagem do vídeo que foi assistida é mais importante do que quantos minutos foram assistidos, mas obviamente, é bom melhorar os resultados em ambas as métricas.

Como nossa capacidade de atenção é cada vez menor, fazer com que mais pessoas permaneçam em seu vídeo é um enorme desafio. Um usuário passa em média 20 segundos em um site.

Assim, é importante prender a atenção dos seus espectadores nos primeiros 10 ou até 5 segundos. Aqui estão três maneiras de melhorar sua retenção:

1. Remova as seções de introdução e  conclusão. Vá direto ao ponto e mostre sua personalidade.

2. Conte uma boa história em seu conteúdo. Mencionei algumas estruturas de história de sucesso comprovado aqui. Gary Vaynerchuk compartilha  histórias pessoais para se conectar ao seu público.

image30

3. Quanto mais longo o vídeo, menor a retenção de usuários. Assim, não faça vídeos com mais de três minutos.

image14

Mas se você tiver algo importante e valioso a dizer, seus vídeos podem ser mais longos. E após a perda inicial, a maioria dos espectadores que permanece em seu vídeo vai assisti-lo até o final.

Brian Dean constatou também que vídeos mais longos aparecem em posições mais altas nos rankings do YouTube (ainda que isso não se aplique a todos os tipos de vídeo). Ele recomenda uma duração de pelo menos 5 minutos.

image06

Outro aspecto importante que você precisa lembrar é o uso frequente de dispositivos móveis para assistir vídeos no YouTube. 92% dos espectadores em dispositivos móveis compartilham vídeos, e a duração média de uma sessão é de incríveis 40 minutos. Assim, otimizar seus vídeos para smartphones é essencial.

image13

Você pode descobrir a porcentagem de tráfego de seu canal que é originado em dispositivos móveis ao acessar sua conta no Youtube Analytics.

image39

  • Se você estiver recebendo muito tráfego de dispositivos móveis, confirme que suas miniaturas, seu banner e seu conteúdo estão otimizados para smatphones.
  • Se você não está recebendo tráfego de dispositivos móveis, verifique se não está deixando de atender a um segmento do público. E investigue os problemas que estão afetando o seu canal.

Os comentários em especial funcionam apenas em situações limitadas com relação aos dispositivos móveis. Um ótimo substituto para eles, no caso dos smartphones, é o Featured Content, que direciona as pessoas a conteúdos relevantes em seus vídeos.

4. Princípios básicos de marketing e SEO também se aplicam ao YouTube.

Os princípios fundamentais do marketing permanecem os mesmos em todas as plataformas. São as táticas para implementação deles que variam.

Aqui estão 4 estratégias que vão te ajudar a levar seus vídeos ao topo dos resultados de busca no YouTube.

1. Promova seus vídeos ativamente  – O YouTube tem um público grande, mas quando você estiver começando, não terá muitos assinantes.

Assim, você precisa começar trabalhando em seus assinantes de lista de e-mail. Além do engajamento no Youtube, eles também vão melhorar suas métricas de engajamento no e-mail marketing.

image07

Você pode também considerar escrever um post de blog e incluir o vídeo nele. Isso é o que Derek, do Social Triggers, faz para engajar seus assinantes de e-mail.

image27

Também recomendo que você faça outreach por e-mail e convença outras publicações a incluir seus vídeos em posts relevantes. Isso vai estender a vida útil dos seus vídeos.

image05

Obter mais links em sites de autoridade é um bom sinal para o YouTube. O vídeo do Dollar Shave Club, por exemplo, recebeu mais de 9.500 backlinks. Essas menções mostram ao YouTube que o vídeo é interessante, e assim a plataforma coloca o vídeo em posições mais altas nos resultados.

image17

2. Pesquisa e Otimização de Palavras-Chave –  Esse pode ser o início do seu processo de criação de conteúdo em vídeo. Pesquisar palavras-chave é útil para determinar o volume de buscas e a concorrência.

Mas procure especialmente por  “palavras-chave para vídeos”, como “como andar de skate”.

image12

Acontece que, o Google entende que certos assuntos mais complexos precisam de demonstrações em vídeo. Nesses casos, o vídeo adiciona muito mais contexto e valor do que o conteúdo escrito. Mostrei  4 tipos de vídeos relevantes neste artigo.

image24

Se você segmentar para essas palavras-chave, não conseguirá tráfego para o seu vídeo apenas no YouTube…

O próprio Google vai direcionar tráfego para seu site a partir da primeira página de resultados.

A forma mais fácil de descobrir as “palavras-chave para vídeos” que vão te assegurar uma boa posição no Google é fazer buscas. Por exemplo, os resultados para a palavra-chave “como fazer um omelete” incluem vídeos no topo dos rankings do Google. Assim, você também tem chances de colocar seu vídeo nos resultados caso segmente para essa palavra-chave.

image38

Você também pode verificar se essa palavra-chave gera um volume de buscas razoável (Brian Dean recomenda um mínimo de 300 buscas/mês no Google). Isso vai garantir que seus esforços na criação de vídeos gerem resultados.

image21

3. Otimize o vídeo antes e depois de enviar. Após pesquisar as palavras-chave, você precisa também considerar o SEO na hora de enviar o vídeo.

Em primeiro lugar, o nome de arquivo do seu vídeo deve incluir a expressão que você quer segmentar.

image19

Você pode também acrescentar detalhes extras, usando funções como comentários sobre o sistema operacional que você utilizou.

image32

No envio, assegure-se de que sua palavra-chave aparece no título do seu vídeo (a opção mais vantajosa é colocá-la logo no início do título).

image10

E lembre-se também de escrever uma descrição com 250 palavras, seguindo os princípios da criação de textos para SEO.

image23

Adicionar algumas tags também vai ajudar o Google e o Youtube a identificar qual é o assunto do seu vídeo.

image29

Conclusão

O YouTube é um excelente canal para construir um público para o seu negócio. E o melhor é que ele ainda não está saturado por profissionais de marketing, devido à alta barreia de entrada.

Se você tem um canal, pode aproveitar as quatro táticas que apresentei aqui para aumentar seu engajamento no YouTube. Se você ainda não tem um canal no YouTube, recomendo que crie um agora mesmo.

Por acaso você usa outras estratégias para aumentar o engajamento no YouTube? Conte para nós na seção de comentários abaixo. 

Share