6 Dicas de Como Aumentar as Vendas Pela Internet

add to cart

Com sites como o Shopify, fazendo parecer fácil montar a sua própria loja de ecommerce, você já deve ter pensado em abrir uma para você.

Afinal de contas, se você quer fazer dinheiro online, montar uma loja online muitas vezes pode ser uma boa maneira de começar. 

Entretanto, se você quer aumentar as vendas pela internet, somente montar uma loja não é suficiente.

Você precisa saber como comercializar a sua loja, para que as vendas realmente aconteçam.

Neste post, nós vamos ver 6 coisas que você pode fazer, para você aumentar as vendas pela internet, na sua loja de ecommerce. 

Vamos analisar táticas específicas que você pode colocar em prática, enquanto também analisamos o porquê dessas táticas funcionarem. 

Montando uma loja de ecommerce? Veja estas 6 maneiras inteligentes para aumentar as vendas pela internet. 

No final desse post, você será capaz de transformar a sua loja em uma potência que gera vendas dia e noite. 

Vamos lá! 

1. Tráfego Pago

O tráfego pago é uma das melhores maneiras de aumentar rapidamente as vendas pela internet, na sua loja de ecommerce.

Você pode pensar que o tráfego pago é caro, e pode ter ouvido falar em várias histórias de pessoas que gastaram muito dinheiro com ele – e não obtiveram nenhum resultado. 

Porém, se for feito do jeito certo, o tráfego pago pode de fato ser bastante acessível e, uma vez que você tem uma campanha vitoriosa nas suas mãos, o tráfego pago pode realmente levar o seu negócio a um outro nível. 

Na maioria dos casos, aqueles que falham usando o tráfego pago tendem a cometer alguns erros de iniciantes. 

Então vamos ver rapidamente o que você precisa saber para se precaver.

A primeira coisa que você tem que aprender é o poder de gastar pequenas quantias para ‘testar o terreno.’

Muitas pessoas, que não têm experiência com o tráfego pago, pensam que elas precisam gastar muito dinheiro em uma campanha para analisar se o tráfego pago vai valer a pena para o seu negócio.

Mas na verdade, essa é a pior maneira de fazer o teste.

Uma maneira melhor, é simplesmente gastar pequenas quantias de cada vez. Uma boa sugestão de um valor inicial é $50. 

Mesmo que os preços dos anúncios no facebook tenham aumentado em 247%, gastar pequenas quantias nessa plataforma pode fazer com que você aprenda bastante. 

Gastar pequenas quantias é importante, porque não há garantias de que as suas campanhas vão dar certo. 

Mas tudo bem, porque se uma campanha não der certo, você sempre pode criar outra. 

A natureza do tráfego pago é que, normalmente, você não vai ter sucesso na sua primeira tentativa. 

É claro que você pode fazer os melhores testes e melhorar as suas chances de aumentar as vendas pela internet, mas você ainda vai precisar fazer muitos experimentos para otimizar os resultados. 

Você precisa adotar a mentalidade dos testes. 

Quando fizer as campanhas com tráfego pago, você não deve gastar o seu orçamento inteiro em uma simples variação no anúncio.

Ao invés disso, você deve fazer múltiplas campanhas, e múltiplas variações no anúncio para essas campanhas. 

E depois você direciona tráfego para elas, monitorando de perto as métricas para ver quais anúncios e quais campanhas estão trazendo os resultados desejados. 

A imagem abaixo explica como você deve proceder e como deve montar as coisas se você quer fazer anúncios no facebook. 

image31

Quando você observa alguns pontos positivos, você pode aumentar a quantia para esses anúncios e campanhas. 

Você também deve ter uma ideia clara de quem é o seu consumidor.

Saber quem é o seu público-alvo também te permite tirar o máximo proveito das opções fornecidas pelas plataformas que nós vamos analisar.

Um bom direcionamento garante que os seus anúncios serão mostrados para as pessoas certas. 

Se os seus anúncios são mostrados para as pessoas certas, há uma boa chance das vendas serem efetuadas no seu site de ecommerce. 

Se você está com dificuldade de descobrir quem o seu consumidor realmente é, gerar um Buyer Persona pode te ajudar.

Outra alternativa é, se você tiver uma lista de e-mail dos consumidores, considere mandar para todos eles uma pesquisa para definir quem eles são. 

Forneça um incentivo para garantir que as pessoas respondam a pesquisa rapidamente e honestamente, como um código de cupom. 

Agora que nós já definimos isso, vamos olhar algumas plataformas que você pode usar para gerar vendas. 

E são elas….

  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram

Cada plataforma funciona de um jeito diferente, então vamos analisar cada uma delas e ver como você pode usá-las para gerar vendas. 

Não há muita informação sobre o Twitter, então vamos ver como funciona o processo de criação de um anúncio no Twitter. 

Primeiramente, vá para business.twitter.com.

image33

Agora clique em ‘Twitter Ads.’

Você vai ver a seguinte página.

Quando abrir, clique em ‘Criar uma nova campanha.’

image32

Quando você clicar nesse botão, você verá esse menu.

Escolha a opção chamada ‘Cliques no site ou conversões.’

image35

Você será levado para o processo de ‘configuração’ do seu anúncio.

image34

Dê um nome para a sua campanha.

Se você tiver o tempo e a habilidade, configure o ‘rastreamento de conversão.’

Fazendo isso, você será capaz de reunir dados valiosos, em termos de como a sua campanha está funcionando, e se está trazendo os resultados esperados.

Agora você precisará ‘Selecionar a sua audiência.’

image38

Escolha uma localização que representa bem onde fica o seu público-alvo. 

Se você tiver os recursos para tal, considere escolher alguns dos melhores países falantes de inglês, como a Inglaterra, a Austrália, e a Nova Zelândia. 

Para garantir que os seus anúncios sejam mostrados para as pessoas que vão entendê-los, escolha a língua ‘Inglês.’

A opção de gênero vai depender do tipo de produto que você vai promover.

Agora, você precisa ‘Selecionar aparelhos e plataformas.’

image37

Se você vai escolher algum aparelho móvel, garanta que o seu site esteja configurado para funcionar bem nos aparelhos móveis.

A habilidade de ‘Selecionar novos aparelhos’ não importa muito nesse momento.

Agora tem a opção de ‘Selecionar Características da Audiência.’

image43

Aqui é onde você realmente pode ajustar as opções desejadas para os seus anúncios. 

Como você pode ver, há muitas opções para selecionar o público-alvo. 

‘Palavra-chave,’ permite você  selecionar usuários do Twitter que usam a palavra-chave desejada. 

Ao configurar a ‘Palavra-chave,’ você tem a opção de decidir o que você quer que o Twitter faça com as palavras-chave fornecidas. 

Vamos dizer que eu quero vender ‘ração para cachorros.’

Eu posso escolher a palavra-chave ‘ração para cachorros,’ mas eu posso decidir que eu quero variações e até versões similares da palavra-chave desejada. 

Isso pode ser uma boa ideia se você está querendo alcançar muitas pessoas.

image41

Há também a opção de ‘Combinação de frase,’ que te permite visar frases que contenham a palavra-chave que você escolheu. 

image48

Você também pode escolher a opção de ‘Combinação exata,’ que garante que somente a palavra-chave isolada seja visada. 

image44

E depois você pode inverter, escolhendo as palavras-chave de ‘Combinação negativa,’.

Aqui é onde você exclui as palavras-chave que você escolheu:

image46

Veja o que aconteceria se você escolhesse ‘Frase Negativa’:

image49

E isso é oque aconteceria se você escolhesse ‘Exata Negativa’:

image51

Quando você seleciona uma palavra-chave, o Twitter vai te informar o ‘volume diário’ estimado, baseado nos ‘tweets contendo cada palavra-chave.

image53

A opção ‘Seguidores’ te permite selecionar outros usuários do Twitter que têm interesses similares em relação à palavra-chave que você escolheu. 

image54

A opção ‘Interesses,’ como o nome sugere, te permite selecionar por interesse.

image55

A opção ‘Audiência Adaptada,te permite visar a sua lista de consumidores, ou aqueles que já visitaram o seu site. 

image56

A opção ‘Selecionar TV,’ te permite visar Comércios de TV.

image57

Você pode visar até mesmo as redes e mostrar gêneros. 

image58

Veja como você pode escolher o gênero:

image21

Você também pode visar ‘programas’ específicos. Se eu estivesse promovendo ‘ração para cachorros’ eu visaria programas de TV que estão relacionados com cachorros. 

image22

A opção ‘Comportamentos’ te permite visar pessoas pelos seus comportamentos recentes, baseado em dados do 3º partido.

image23

A opção ‘selecionar Eventos’ é quando você direciona os seus anúncios baseados em certos eventos regionais, ou até mesmo globais.

Se eu estivesse promovendo ‘ração para cachorros,’ eu usaria essa função sempre que houvesse uma convenção grande, relacionada com cachorros, em algum lugar do mundo.

image24

Como eu mencionei antes, se você quer aproveitar o máximo dessas funções, você precisa ter uma boa ideia de quem é o seu público-alvo. 

Quanto mais você conhecer a sua audiência, mais você será capaz de ver ângulos únicos de como alcançar o seu público-alvo.

O próximo passo é decidir o orçamento.

image25

Quando você escolhe um orçamento máximo diário, você vai ver (no lado direito) o ‘Alcance Estimado.’

image26

Aqui você pode ver que com o orçamento atual, o alcance estimado é ‘40K,’ mas o público-alvo é, na verdade, ‘147K.’

Isso é importante, porque permite que você conheça o potencial do mercado.

Se você tem um anúncio bem sucedido nas suas mãos, você pode aumentar o gasto com o seu anúncio e ainda garantir que ele será mostrado a uma audiência relevante que vai fazer conversões.  

image27

Agora, você precisa ‘Fazer Tweets.’

Há muita coisa para ser dita sobre criar tweets efetivos no Twitter. 

Entretanto, você vai ver que você pode aprender muito apenas olhando para alguns dos tweets de sucesso por aí.

Um bom lugar para começar é olhando a página de História de Sucesso, dentro da seção ‘Negócios,’ do Twitter.

Muitas vezes, você vai ver que as pessoas gostam de descontos e cupons no Twitter. 

Portanto, quando estiver promovendo algo na plataforma, você pode mostrar que tem uma oferta especial para os clientes.

Veja esse exemplo de uma empresa chamada Rock/Creek. Eles conseguiram um aumento de 20% nas vendas, graças aos seus esforços de promoção.

image28

Além disso, sempre que você promover um tweet, faça um esforço para incluir uma ‘call to action’ dentro de cada um deles, ou pelo menos algo que cria uma sensação de urgência. 

Veja esse outro tweet da mesma empresa, que é muito boa com essas estratégias.

image29

Se você tem um tweet que já está trazendo um bom nível de engajamento, considere promovê-lo também.

image30

Contudo, tenha em mente que se o tweet não incluir uma call to action, ele pode ajudar a sensibilizar a sua marca mais do que qualquer coisa. 

Se você quer maximizar o impacto dos seus tweet promovidos, você pode considerar o uso do ‘Cartão do site.’

image11

Um cartão como esse vai te permitir incluir uma imagem grande clicável dentro do seu anúncio. 

Também há a opção de incluir um botão, que fornece ao usuário uma call to action.

Ok, é assim que você pode usar os anúncios do Twitter para aumentar as vendas pela internet, na sua loja de ecommerce.

Agora vamos rapidamente ver como você pode usar o Facebook e o Instagram.

Mesmo que eles sejam duas plataformas diferentes, o Facebook é dono do Instagram, então você pode criar anúncios no Instagram com o Gerenciador de Anúncios do Facebook. 

Eu já falei detalhadamente sobre como você pode criar os anúncios do facebook, então vamos só dar uma olhada para algumas estratégias que você pode usar dentro dos anúncios do facebook para gerar vendas.

A primeira é ‘Audiências Parecidas.’

Aqui é onde o Facebook vai mostrar os seus anúncios, baseado na audiência que é parecida com a que você já está almejando ou servindo. 

O Facebook pode fazer isso porque você criou algo conhecido como ‘Audiência Customizada.’

O Facebook vai analisar a Audiência Customizada e visar outras pessoas no Facebook que compartilham assuntos similares.  

Isso reduz a quantidade de tempo que você tem que gastar ajustando as configurações de direcionamento, enquanto você faz com que os seus anúncios sejam mostrados para o tipo certo de pessoas.

Para criar essa audiência, o Facebook só precisa analisar os visitantes do seu site, ou até mesmo uma lista de consumidores que você possui.

Se você quer configurar as audiências semelhantes, vá para https://www.facebook.com/ads/manager/audiences/.

Quando abrir a página, você precisa primeiramente criar uma ‘Audiência Customizada.’

Para fazer isso, escolha a opção ‘Audiência Customizada’, no menu abaixo.

image12

Agora escolha a ‘Fonte de Audiência,’ que o Facebook possa analisar. 

 

image13Se você quer usar o ‘Tráfego de Site,’ como a sua ‘Fonte de Audiência,’ você precisará instalar um ‘Facebook Pixel’ no seu site.

Quando você aprender a usar os anúncios do facebook, você pode usar o Facebook Pixel para criar campanhas de anúncios voltadas para o público da sua área. 

image14

Por agora, entretanto, se você quiser usar apenas as pessoas na sua lista de e-mail, escolha a opção ‘Lista de Consumidor,’ e siga as instruções seguintes.

Ao carregar a sua Audiência Customizada para o Facebook, e após ela ter sido analisada, você precisa de selecionar a ‘Audiência Parecida’ no menu abaixo:

image15

Agora você deve ver a seguinte tela:

image16

E escolher a audiência que você configurou mais cedo, além do país. 

Mantenha o tamanho da audiência perto de 1% por agora, isso garantirá que o direcionamento seja bem preciso. 

Outra estratégia que você pode usar é o redirecionamento.

Redirecionamento (também conhecido como ‘remarketing’) é quando os seus anúncios são mostrados por pessoas que já visitaram o seu site. 

image00

Isso pode ser um bom jeito de mostrar anúncios para as pessoas que já olharam a página de um certo produto, mas não decidiram ainda. 

Para configurar o redirecionamento, você precisa seguir as instruções mencionadas acima, em termos de como criar uma Audiência Customizada. 

Entretanto, quando for ajustar a configurações para o Facebook Pixel, você pode escolher algo que representa o que você está tentando alcançar. 

Vamos dizer que você tem um site que vende ‘rações para cachorro,’ e você quer redirecionar aqueles que já visitaram a página do produto que vende ‘Rações de Frango para Cachorros.’

Primeiramente, você ajustaria o seu Facebook Pixel para que ele pegasse os dados baseando-se no ‘Tráfego do Site,’ e, mais especificamente,  as ‘Pessoas que visitaram específicas página da web.’

Depois você iria inserir a URL da página do seu produto onde as ‘Rações de Frango para Cachorros’ estão sendo vendidas. 

image17

Agora você pode clicar em ‘Criar Audiência.’  

Ao ter certeza que o seu pixel foi instalado, você pode criar um anúncio que visa esse grupo de pessoas específico (pessoas que já olharam as Rações de Frango para Cachorros no seu site mas não compraram ainda).

Para fazer isso, vá para o processo de criação do anúncio, mas quando for configurar o seu direcionamento, escolha a audiência que você criou na seção de ‘Audiência Customizada’.

image18

O processo de criação para os anúncios do Instagram é muito parecido com o dos anúncios do Facebook. 

No entanto, os criativos (as imagens) tendem funcionar diferentemente nessas plataformas. 

Porém, você não precisa se preocupar, pois eu já te expliquei como você pode criar boas imagens para a sua conta no Instagram, no último post.

Apenas certifique-se que se você for criar anúncios apenas no Instagram (ou só no Facebook), você deve remover todas as opções que não são importantes.

image19

Portanto, é assim que você pode usar o tráfego pago para impulsionar o número de vendas que você gera no seu site de ecommerce. 

Agora vamos dar uma olhada no que mais pode ser feito.

2. Aumente a confiança dentro da sua área. 

Outro método que você pode usar para aumentar as vendas pela internet, no seu site de ecommerce, é aumentar a confiança dentro da sua área. 

Isso pode soar complicado, mas vamos ver o que isso realmente significa. 

Quando alguém for comprar algo do seu site, a jornada dele provavelmente será parecida com essa: 

Ver um anúncio/Visitar o site usando a URL – > Ver a Página do Produto -> Ver o Checkout -> Completar o Processo de Checkout.

Geralmente, o processo acima representa o funil de ações que os compradores em potencial tomam antes que uma transação seja feita. 

Aumentando o nível de confiança que as pessoas têm em cada passo desse funil, você será capaz de aumentar as vendas pela internet.  

Na página do produto, há algumas coisas que você pode fazer para aumentar a confiança. 

Uma delas é incluir reviews dos produtos que estão sendo vendidos. 

Mostrando reviews, você será capaz de fornecer ‘Prova Social,’ em termos do quão bom o seu produto realmente é.

Na verdade, 77% das pessoas consultam reviews online, antes de comprar algo – então vale a pena mostrar essas reviews se você puder. 

Outro passo que você pode tomar é instalar uma opção de ‘chat ao vivo’ no seu site.

Pesquisas mostram que os consumidores preferem um chat ao vivo do que qualquer outra forma de atendimento ao cliente. 

image20

Como você pode ver, o ‘chat ao vivo’ está no topo com 73%.

79% das pessoas que gostam do chat ao vivo, o preferem  porque ele permite que as dúvidas sejam respondidas rapidamente. 

image01

Se você usar o Shopify, você pode instalar o aplicativo ‘Chat Ao Vivo,’ fazendo o processo de instalação ser fácil. 

image02

Entretanto, mesmo que você não tenha o Shopify, você ainda pode instalá-lo no seu site de ecommerce – mas você pode precisar da ajuda de alguém que tenha conhecimento técnico. 

O atendimento ao cliente é o principal fator que influencia a quantidade de confiança que as pessoas têm nas empresas que elas compram.  

image03

Implantando o Chat Ao Vivo, você garante que o seu site forneça um serviço de atendimento ao cliente muito bom. 

Também há a opção de usar ‘emblemas de segurança’ no processo de checkout inteiro.

A localização dos emblemas de segurança varia. Em alguns sites os emblemas ficam no canto superior direito do site, para que eles fiquem visíveis em todas as páginas. 

Entretanto, pode ser uma boa ideia colocar os emblemas de segurança onde eles são mais necessários – que é durante o processo de checkout. 

Afinal de contas, 17% daqueles que abandonam o carrinho de compras, abandonam por causa da ‘preocupação sobre a segurança do pagamento.’

E alguns estudos mostram que 61% das pessoas não completaram a compra, devido à falta de um selo de confiança.

O problema, porém, é que há muitos selos de confiança para escolher.

image04

Então como você pode saber qual é o mais adequado para usar no seu site? 

Na figura abaixo temos um gráfico, que visualiza como as pessoas reagem quando são questionadas sobre ‘Em quais desses logos você confia.’

image05

Como você pode ver, o logo do PayPal se deu muito bem, com 66% das pessoas confiando nele. 

Contudo, o Verisign não ficou muito atrás, com 63% das pessoas confiando nele. 

O terceiro logo mais confiado foi o McAfee, com 62% das pessoas confiando nele.

Portanto, se você está procurando implementar alguns emblemas de confiança no seu site, considere começar com esses três. 

Você é livre para mudar os logos posteriormente, se os logos escolhidos não estiverem trazendo o resultado desejado. 

Finalmente, se você conseguir, seria muito bom fornecer depoimentos na página de checkout. 

Os depoimentos são, provavelmente, uma das melhores formas de prova Social.  

Se você quer aumentar as vendas pela internet, você deve usá-los do jeito certo, pois eles podem fornecer visitantes para o seu site, com a garantia que eles precisam antes de clicar no botão de compra. 

Quanto aos selos de segurança, você pode incluir alguns depoimentos na página de checkout, para maximizar a eficácia deles. 

Os depoimentos que você usar devem relatar as preocupações que as pessoas podem ter, quando forem comprar um produto de você. 

Por exemplo, se você tivesse um depoimento como esse:

A experiência foi tão tranquila – Eles processaram meus retornos facilmente, e até me deram um cupom para a próxima compra. 

É fácil ver como um depoimento desses pode aumentar a confiança das pessoas quando elas vão comprar em uma determinada empresa. 

Obviamente, todos esses depoimentos devem ser feitos por pessoas reais.  

Mas você pode incentivar esses ótimos depoimentos, fazendo as perguntas certas para quando eles coletarem.

Por exemplo, “Do que você gostou no processo de compra?” “O que fez você se sentir confortável ao comprar o nosso produto?”

Porém, tenha em mente que você não está tentando fazer com que as pessoas falem algo.

Sempre peça por permissão antes de usar um depoimento em certas partes do site. 

3. Simplifique o seu processo de Checkout

Também há a opção de simplificar o seu processo de checkout, com o objetivo de aumentar as vendas pela internet. 

Por exemplo, você pode remover a necessidade das pessoas de terem que se inscrever antes de efetuar a compra.

Se você der a opção para as pessoas fazerem o checkout como ‘convidado,’ você vai ser capaz de acelerar o processo de checking out.

A Apple faz um bom trabalho com isso, se você já fez alguma compra no site deles, você provavelmente viu a opção de ‘Checkout de Convidado’.

image06

Na verdade, uma empresa conseguiu aumentar as vendas pela internet em $300.000.000(!), removendo a necessidade de um registro antes que uma compra possa ser efetuada. 

Tudo isso ajuda a reduzir o desgaste e, portanto, faz o trabalho de passar pelo checkout ser mais fácil, e menos cansativo.

Outra forma que você pode usar para fazer um processo de checkout mais simples, é reduzir o número de campos de formulário que os consumidores em potencial precisam preencher.

Veja essa ótima explicação da Joanna Wiebe, que explica o impacto dos campos de formulários no processo de checkout. 

image07

Você pode até mesmo adicionar funções que facilitam o preenchimento dos campos de formulários ‘necessários.’

Por exemplo, se alguém está preenchendo o endereço de entrega, você pode fornecer um botão que permite a ele usar esse mesmo endereço como o endereço do faturamento.

Além disso, você também pode fazer com que tudo que os clientes precisam preencher seja o CEP, permitindo a eles selecionar o seu endereço de uma lista. 

E, como a Joanna mencionou acima, você pode eliminar alguns campos completamente!  

Você também pode incluir uma barra de progresso dentro da sua página de checkout, embora ela não conte como uma estratégia para simplificar esse processo. 

image08

Isso dá para as pessoas a ideia de progresso, enquanto elas estão passando pelo checkout, além de engajá-las enquanto o processa termina. .

4. Use o marketing de e-mail

Outro método que você pode usar para aumentar as vendas pela internet é o marketing de e-mail. 

O marketing de e-mail tem um R.O.I de 4.300% – portanto vale muito a pena gastar um pouco de tempo com ele. 

Há duas maneiras de aproximar o marketing de e-mail com a sua loja de ecommerce. 

Uma delas é fazer o marketing para uma lista que você já tem, e a outra é criar uma lista inteiramente nova. 

Se você tem a lista de e-mail dos seus consumidores, (e normalmente as lojas de ecommerce têm, porque as pessoas fornecem o e-mail no processo de checkout) você já começou bem.

Entretanto, se você não tem uma lista de e-mail ainda, você precisa de focar, primeiramente, em fazer a sua lista. 

Você pode fazer isso gerando um tráfego pago para a página onde as pessoas possam se inscrever na sua lista de e-mail.

Se você quer fazer isso do jeito certo, realizar uma promoção pode ser uma boa ideia. 

Se você for capaz de criar uma promoção muito tentadora composta por produtos que são vendidos no seu site – você pode pedir que as pessoas insiram o endereço de e-mail para ‘colocar o nome delas na cartola.’

Promoções como essas tendem a funcionar muito bem se você gerar o tipo certo de tráfego para elas, e com isso aumentar suas vendas pela internet. 

E você pode fazer isso se mantendo aos princípios que nós discutimos mais cedo nesse post. 

Se a sua promoção for configurada propriamente, você vai ver que ela vai se dar bem espontaneamente, e o seu site não vai precisar ser promovido inteiramente com o tráfego pago.

Portanto, em primeiro lugar, é assim que você pode construir uma lista de e-mail.

Mas o que você pode fazer para gerar vendas com essa lista de e-mail?

Uma das soluções é o ‘Cross selling.’

É onde você vende os produtos que são complementares a algum produto que o cliente já comprou.

Portanto, se alguém comprou um PC, você pode vender uma impressora para ele. 

Não confunda isso com upsells.

Upsells é quando você tenta e vende um produto mais refinado para as pessoas.

Portanto se você for comprar um PC de 4GB de Ram e 128GB HD, você faz um upsell com eles para um de 16GB e 1TB HD. 

A venda cross selling é mais fácil de ser feita via e-mail, pois na maioria das vezes o upselling precisar ser feito com um pouco de interação ao vivo. 

Veremos depois como você pode implementar os upsells no seu site, com o objetivo de aumentar as vendas pela internet.

De qualquer forma, mande e-mails por uma semana ou duas, depois que alguém tenha comprado algo na sua loja, para promover produtos complementários.

Você também pode usar o marketing de e-mail para promover as suas ofertas, conectadas a eventos temáticos. 

Por exemplo, há uma chance de você fazer as promoções promovidas pela sua loja, de acordo com as seguintes datas comemorativas –

  • Dia dos Namorados
  • Dia de Ação de Graças
  • Natal
  • Dia dos Pais
  • Dia das Mães

Existem muitos outros eventos nos quais você pode comercializar os seus produtos. 

Na verdade, dependendo do que a sua loja vende, ela pode fazer um dia de promoção dedicada à indústria na qual a sua loja está inserida.

Você também pode fazer vendas periodicamente com a sua lista de e-mail. 

Você pode, por exemplo, fornecer uma promoção de 48 horas, exclusivamente para as pessoas que estão na sua lista.

Quando você ficar bom em marketing de e-mail, você será capaz de segmentar as suas listas e promover esses tipos de vendas, direcionadas à pessoas que são consumidores em potencial. Isso vai ajudar a aumentar as vendas pela internet.

5. Seja bom em mostrar os benefícios do seu produto

Outra coisa que você pode fazer para aumentar as vendas pela internet é mostrar mais detalhadamente os benefícios do seu produto. 

As pessoas compram benefícios, não características.

Há várias maneiras de fazer isso.

Talvez a maneira mais óbvia, é tirar fotos melhores dos produtos que você está mostrando. 

Tirar fotos melhores do seu produto pode ser um pouco complicado, especialmente se você não tem experiência no mundo da fotografia. 

Porém, aqui estão algumas dicas para se considerar.

A primeira, é garantir que você está tirando fotos contra um fundo bom. 

Na maioria dos casos, você usará um fundo branco. 

Veja esse ótimo exemplo de como isso pode ser feito.

image09

A próxima coisa que você tem que prestar atenção é usar o tipo certo de iluminação. 

Infelizmente, você não pode confiar muito no flash da sua câmera. 

Em alguns casos, você poderá confiar somente na iluminação natural. 

Contudo, muitos especialistas não recomendam a luz direta do sol, pois ela é muito rigorosa, portanto evite usar esse tipo de luz quando for configurar as coisas.  

Veja esse gráfico de um bom artigo do Shopify, que explica como você deve configurar as coisas.  

image10

Se você não quer fazer todo esse trabalho de fotografia por conta própria, e quiser achar um profissional que pode tomar conta disso para você, visite o Shopify Experts.

Lá, você pode simplesmente escolher os profissionais e usar a experiência deles para garantir que os seus produtos fiquem com a melhor aparência possível. 

Tenha em mente que há muitos profissionais por aí, os quais provavelmente irão cobrar cachês diferentes. Portanto, mesmo que você tenha um orçamento apertado, você pode ser capaz de achar alguém. 

Você também pode usar vídeos para mostrar os seus produtos. 

Mesmo que a criação de vídeos para os seus produtos não seja complicada, pode ser difícil criar algo que tenha uma aparência boa e profissional. 

Portanto, você também pode procurar por alguém na página do Shopify Experts.

O tipo de vídeo que você vai criar vai depender do próprio produto em questão.

Mas você vai ver que os vídeos que mostram as dimensões do produto, tal como as suas funcionalidades, tendem a ajudar muito. 

E, obviamente, a outra coisa que você pode fazer para aumentar as vendas pela internet é melhorar as descrições do seu produto. 

Se você não está acostumado em ser um ‘escritor,’ então isso pode ser difícil para você.

O que você deve fazer é garantir que tudo que você está escrevendo está claro e benéfico. 

É importante que você escreva as descrições do seu produto de uma maneira clara, para que elas sejam rapidamente escaneadas por quem está lendo a página. 

Sempre que você descrever benefícios, você precisa ter um conhecimento aprofundado sobre quem são os seus consumidores. 

Você pode contar como determinadas funções do seu produto vão simplificar os problemas dos seus consumidores. 

Se você quer enfatizar qualquer um dos pontos que você está escrevendo na página, use algumas ‘Power Words.’

Veja esse ótimo exemplo de uma descrição de um produto, que vem na página do produto do Kindle. 

image36

Observe como ela enfatiza os benefícios e não menciona nenhuma função técnica do produto.  

Por exemplo, ela te conta que o Kindle é mais leve do que um livro de bolso – e não que ele pesa 191 gramas.

Na verdade, aqui está toda a informação acima, porém mostrada em forma de especificações técnicas.

image39

Me diz você – Qual das duas é mais apelativa?

A menos que você tenha certeza que o seu público-alvo adore especificações técnicas, a primeira imagem é bem mais excitante.

6. Implemente upsells

Finalmente, você pode implementar a força dos upsells .

Para ser honesto, isso não vai aumentar as vendas pela internet de maneira muito significativa, mas vai aumentar o valor médio do pedido.

Isso acontece porque você vai levar esses consumidores que estão comprando produtos padrões ou básicos, a comprarem uma versão ‘atualizada,’ ou ‘customizada’ do produto. 

Na verdade, um estudo por ‘Predicitive Intent,’ descobriu que os upsells valem 20 vezes mais a pena do que as cross sells. 

image40

Se você quer experimentar alguns upselling próprios, dê uma olhada no processo de checkout da Apple. 

image42

Você vai notar que a medida que o processo de compra de um computador deles avança, você vai receber uma opção de atualizar, selecionando um processador diferente.  .

Você também vai receber a opção de escolher entre algumas atualizações. 

Se você tem uma loja no Shopify você pode usar um aplicativo, como o Product Upsell, para completar o trabalho.  .

Nota: a imagem mostra uma cross sell, mas a ferramenta ainda pode ser usada para implementar upsells. 

image45

Implementar uma função de upsell no seu site pode ser um pouco técnico, portanto você pode pedir a ajuda de alguém que sabe lidar com o código. 

Você pode achar esse alguém no Upwork.

Receber a ajuda de um indivíduo desse, pode custar um pouco mais, mas não há dúvidas de que se for implementado propriamente, o investimento vai valer a pena. 

Eu não sei dizer o que você pode upsell, pois eu não conheço o seu negócio e nem os produtos que você fornece.

Entretanto, há alguns princípios que você pode considerar quando fazer o upselling. 

Se você está vendendo um produto, o upselling simplesmente se resume a mostrar o ‘próximo modelo acima.’

Algumas vezes, somente mostrar isso como uma opção, vai incentivar as pessoas a agirem e comprarem a opção mais cara. 

E, não faz mal fornecer algumas informações que vão incentivar as pessoas a analisar a opção mais cara. 

Essa informação pode incluir as reviews e as avaliações de um o produto mais caro. Ela também pode incluir uma função de comparação. 

Para aumentar as vendas pela internet, você pode até mesmo providenciar um desconto para quem decidir escolher a opção mais cara em vez de escolher a mais barata. 

Veja esse screenshot do ConversionXL, que mostra como o WinZip faz isso.

image47

Uma nota rápida sobre Cross Sells.

Nós já vimos, rapidamente, como você pode usar as cross sells quando você está fazendo um marketing de e-mail. 

Contudo, você também pode usar as cross sells dentro do seu site de ecommerce, para aumentar as vendas pela internet.

Veja esse exemplo de como isso pode ser feito.

image50

A Amazon também faz isso na seção dos ‘Consumidores que já compraram.’ 

Na verdade, em 2006, a Amazon estabeleceu que Cross Sells e Upsells resultaram em 35% da sua renda.

image52

O Cross selling pode te ajudar a aumentar as vendas pela internet de itens, assim como a renda – mas pode ser que ele não seja tão rentável quanto uma boa estratégia de upsell organizada. 

Mas você também pode usar as duas estratégias tranquilamente. 

Afinal de contas, os upsells e os cross sells contribuíram para o Toyshades, alcançando uma taxa  maior do que 16% de ‘Valor da Ordem Média.’

As estratégias listadas acima podem funcionar – mas você vai levar um tempo para definir como você vai encorajar os seus consumidores a adicionarem mais itens (ou itens mais caros) nos seus carrinhos. 

Se você quer aproveitar o máximo dos upsells e dos cross sells, você pode até mesmo introduzir algumas ofertas que podem ser vendidas por um preço maior. 

Conclusão

Se você é um orgulhoso proprietário  de uma loja de ecommerce, ou planeja ser um no futuro, você provavelmente está à procura de táticas que vão te ajudar a aumentar as vendas pela internet. 

Depois de ler esse artigo, você provavelmente tem uma ideia de quais são os passos necessários a tomar para alcançar esse objetivo. 

Você tira proveito das ofertas de tráfego pago ou você implementa o marketing de e-mail – há muitas opções.

Qualquer uma das opções que você escolher, o seu sucesso vai depender do quão bem você conhece o seu cliente. 

Por exemplo, você não pode fazer uma campanha de tráfego pago, se você não sabe quem é o seu consumidor final. 

Mas em todo caso, agora que você está ciente do que precisa ser feito, só falta você começar e ver as dicas mencionadas, trabalhar para a sua loja de ecommerce

Quais táticas têm funcionado para você quando o assunto é aumentar as vendas pela internet?

Share