Como Atrair 20.000 Visitas Para o Blog Em 90 Dias

best year

Quer fazer com que este seja o seu melhor ano? Assuma esse compromisso, siga os conselhos que vou compartilhar e isso irá acontecer!

De acordo com a HubSpot, marcas B2B que possuem blogs geram uma média de 67% de leads a mais que as marcas que não fazem isso e a maioria delas quer mais tráfego.

Saber como atrair visitas para o blog não é algo de outro mundo. Se fosse tão difícil, como tantos blogs geram de 500.000 a 1.000.000 de visitas por dia?

É verdade que esse tipo de tráfego não surge da noite para o dia. Ele exige muito esforço por bastante tempo.

Você pode apresentar várias “boas” razões pelas quais o seu blog esteja emperrado no que diz respeito a atrair visitas. E, na verdade, blogar é um trabalho árduo. Mas todo tipo de modelo de negócio é assim, seja ele online ou offline.

Neste artigo, irei mostrar a você como atrair visitas para o blog em 90 dias, usando estratégias e táticas que eu uso diretamente aqui, no meu próprio blog.

Em março de 2014, o NeilPatel.com gerou 20.543 visitas. Eu não usei alguma técnica supersecreta e não gastei rios de dinheiro. O que realmente me ajudou foi uma “mudança de mentalidade.”

Percebi que nem todos os tipos de conteúdo irão atrair visitas para o blog. Se você realmente quer ver mudanças no seu blog, precisa produzir o tipo certo de conteúdo. Você irá aprender como eu produzo o tipo de conteúdo ao qual as pessoas querem se relacionar, ler e compartilhar neste post.

Se você implementar de forma consistente essas técnicas por três meses, sem desistir, você irá atrair visitas para o blog – provavelmente, 20.000 ou mais.

Mas você tem de ser consistente. Sei que falo muito sobre isso no meu blog, mas é porque trata-se realmente da chave do sucesso na escrita de blogs.

82% das empresas que escrevem diariamente em seus blogs ganham clientes facilmente. Aquelas que descartam trabalhar com blog ou o fazem esporadicamente, sempre irão ter maiores dificuldades para conseguir mais clientes.

image02

Lembre-se de que atrair visitas para o blog não é o objetivo último. É apenas um meio de alcançar a meta que você estabeleceu para o seu negócio.

Para ter o seu melhor ano, há algumas metas vitais que precisam ser alcançadas. Blogar pode ajudá-lo a alcançá-las, se você conduzir da melhor forma.

Quer alcançar o marco de 20K visitantes em 90 dias? Então siga este guia de procedimentos para alcançar o seu objetivo.

Vamos começar com as 4 táticas que você pode implementar hoje:

Como Atrair Visitas Para o Blog Passo #1. Publique em sites de revistas.

Sei que você está pensando: “Eu sou apenas um blogueiro!” – correto?

Por que você se prestaria a escrever para revistas populares online como WebMD, Inc, Forbes e outras do gênero?

Bem, há uma demanda enorme por bons escritores. Alcançar o lado de fora dos confins do seu próprio blog pode trazer recompensas poderosas.

Está na hora de apresentar as suas propostas de tópicos a editores de revistas online.

Você não precisa ser um jornalista experiente para escrever para revistas. Você já é qualificado.

Eu te aconselho a focar especificamente naquelas entidades com uma forte presença online. Apenas observe a mudança no consumo de mídia médio diário — você irá concordar comigo que a internet é uma força poderosa.

image11

Se você é um empreendedor de negócios, publicar na Entrepreneur.com pode gerar um público-alvo mais específico para o seu blog, pois é relevante para os negócios. Um jornal ou site de revista de interesse geral não seriam tão adequados para você.

Além disso, os leitores online para a maioria das revistas ultrapassou os leitores offline. O público-alvo digital da Forbes ultrapassou os 68 milhões em 2015, em comparação a apenas 6,3 milhões de membros do público-alvo do material impresso (offline).

image12

Imagine o quanto você irá atrair visitas para o blog em 90 dias se você publicar na Forbes, Entrepreneur ou quaisquer outros sites tão populares quanto esses. Milhares de pessoas se inscrevem em revistas online e muitas dessas pessoas nunca perdem uma matéria.

Muitas revistas por aí afora conquistaram um público fiel. Elas dão o seu melhor. Você pode capitalizar com esse público-alvo já definido e direcionar muitos desses leitores dedicados para o seu próprio site, enquanto, simultaneamente, constrói o seu próprio espaço nesse processo.

Veja o público-alvo de conteúdo impresso e da web dos jornais do Reino Unido . À primeira vista, você vai observar que o público-alvo da web tem aumentado exponencialmente, ultrapassando o de material impresso.

image16

Eu gosto de ler ensaios e artigos sobre assuntos variados, principalmente quando eles são bem escritos e de fácil compreensão. Eu sei que não sou o único que aprecia isso.

É exatamente isso que você deve fazer quando escreve para revistas online. Escolha  assuntos que irão engajar os seus leitores, de modo que o seu artigo venha a causar impacto e permaneça com eles após lerem-no.

Uma das nossas melhores técnicas para atrair leitores online é a narração. Você precisa contar histórias (às vezes, pessoais) que se identifiquem com o seu público-alvo.

Se você não se considera um bom contador de histórias, isso tornará mais difícil a criação de um conteúdo que seja épico para os seus leitores. Mas você não tem que escrever sobre si mesmo. Em vez disso, tente encontrar uma narrativa que surja de dentro do seu assunto.

As histórias não servem apenas para a ficção, por sinal – elas também aprimoram artigos de não-ficção. 

De acordo com Ashley C. Ford, um ensaísta e escritor da equipe do BuzzFeed,

Escrever narrativas de não-ficção não é contar a sua história. É contar histórias interessantes e que valham a pena sobre as situações humanas, utilizando exemplos da vida real. 

Você pode escrever um artigo de revista seguindo a mesma abordagem que você gostaria de adotar para a escrita de postagens em blogs. Refiro-me a postagens de blogs profundas, de grande valia – e não, àquelas genéricas, que ninguém lê.

Quando se trata de escrever para publicações de revistas online, o melhor é ter uma abordagem estratégica. Não se precipite em ter essa experiência com ideias que não estejam bem amadurecidas. Como diz Joel Barker,

A velocidade só é útil quando você está correndo na direção certa. 

Frequentemente, você não precisa criar um assunto completamente novo. Tudo o que você tem de fazer é tentar encontrar um gancho ou uma ideia criativa que permita que você faça uma ponte entre a sua “grande ideia” (ou a sua ideia principal) e “o que as pessoas já sabem”. 

É por isso que uma pesquisa minuciosa é necessária. Você pode pesquisar sobre o seu assunto em sites de redes sociais (e.x.: LinkedIn, Twitter, Facebook), que irão ajudá-lo a encontrar uma abordagem que esteja mais propensa a atrair visitas para o blog.

Acredita-se que aproximadamente 9 em 10 jornalistas usem blogs para pesquisas online. E  96% dos jornalistas mencionaram sites corporativos como fontes de informação de pesquisas online. 

image13

Se você é um profissional de marketing de conteúdo, sabe que um bom conteúdo se auto-divulga. Quando você tira um tempo para entender o seu público e criar conteúdo relevante e de grande valor para ele, o resultado é mais tráfego para o seu blog.

image07

Quando você está escrevendo para publicações de revistas online, você precisa tratar isso com uma mentalidade de marketing de conteúdo .

Em outras palavras, o seu foco último deve ser em um criar conteúdo útil que as pessoas irão ler, sentir-se entusiasmadas com ele e dispostas a compartilhar com os outros.

Muitos escritores e jornalistas freelancers estão ganhando a vida escrevendo para publicações de revistas online. Por exemplo, Carol Tice, fundadora do FreelanceWritersDen.com, tem uma renda na casa dos seis dígitos escrevendo para revistas online.

image15

Ela também atrai milhares de visitas dos seus artigos na Forbes, Entrepreneur, Copyblogger, entre outros.

Em 2012, Chris Brogan teve o privilégio de escrever a matéria de capa da Success Magazine, na qual ele entrevistou Richard Branson.

Como resultado disso, ele ganhou mais respeito, aprimorou a imagem de sua marca e atraiu mais visitas para o seu blog.

Um dos desafios que as pessoas enfrentam é saber como apresentar uma história a uma revista ou jornal.  O Professor de Jornalismo Jennifer Kahn, da Universidade de Stanford compartilha a ciência da proposta bem-sucedida para revistas.

image31

Segundo Kahn,

O propósito de um artigo de revista é envolver o leitor e desvendar a história parte por parte. 

Ela ainda acrescentou que, 

Um artigo de revista é como um strip tease, enquanto um artigo de jornal está mais para uns quinze minutos de fama.

Seguem algumas das dicas dela:

i).   Pesquise muito antes de apresentar a sua proposta: Um artigo de revista é único, pois o público-alvo ao qual você está escrevendo é motivado, normalmente. Assim, pesquise a sua história por tempo suficiente antes de apresentar a sua proposta.  

Kahn afirma que gasta até 10 horas em pesquisas e telefonemas antes de apresentar uma história para revista.

Enquanto você está pesquisando a sua história, tome notas das ideias que tiver. Faça uma checklist delas – você vai precisar dessas ideias quando for escrever.

image20

ii).   Procure por campos para e-mail nas páginas de propaganda: Você precisa contactar o editor certo. Nem todas as publicações online divulgam, publicamente, o endereço de e-mail do seu editor. Está em suas mãos fazer o trabalho extra. 

Para começar, você poderia conferir as seções “Quem somos” ou “Anúncios”. Se não conseguir encontrar o contato de e-mail correto por lá, siga o editor no Twitter ou visite o site/blog pessoal dele se ele tiver um.

Melhor ainda, preencha o formulário de contato e solicite o contato de e-mail do editor.

image26

Esteja focado em um alvo quando for apresentar propostas a editores de revistas. Você quer que os seus e-mails cheguem à caixa de entrada correta. Do contrário, você estará esperando em vão por uma resposta que não chegará. 

iii).  Envie ao editor um e-mail com uma pré-proposta: Antes da proposta principal (e.x.: detalhes da sua história), envie ao editor um e-mail breve se apresentando e informando a ele que você tem uma ideia única que o público-alvo dele irá achar interessante. 

Não precisa ser uma ideia que valha um milhão de dólares, mas garanta que ela seja relevante e direcionada aos leitores da publicação. 

Isso é necessário principalmente se você nunca tiver se encontrado ou comunicado com o editor e quiser causar uma boa primeira impressão. 

Tudo o que você precisa fazer é resumir a ideia em duas sentenças e pedir gentilmente ao editor para responder se ele/ela gostaria de uma apresentação de proposta completa.   

iv).  Você pode apresentar a sua proposta em uma página (cinco parágrafos): Não entedie o editor com muitos detalhes. Uma típica apresentação de proposta para revistas deve ter uma página ou uma página e meia no máximo.   

Use o primeiro parágrafo da sua proposta para descrever o assunto geral.

Mais importante ainda, adeque a sua proposta à publicação. Não faça com que o editor tenha mais trabalho. Apenas cole a proposta no corpo do e-mail de modo que o editor possa olhá-la rapidamente.

image25

Isto funciona melhor: Não tente anexá-la como um documento separado – blogueiros podem não ter problemas com isso, mas editores de revistas, sim. A sua apresentação de proposta precisa se parecer com esta: 

image01

Como Atrair Visitas Para o Blog Passo #2. Usar palavras-chave de cauda longa.

Palavras-chave de cauda longa não são responsáveis somente por gerar tráfego orgânico, mas também por converter usuários de busca em leads e clientes.

image03

Há um valor incrível em tirar vantagem de SEO de cauda longa, uma vez que 70% de todas as consultas de pesquisas estão relacionadas às palavras-chave de cauda longa. 

image05

Depois que o Google apresentou as atualizações de algoritmo de Panda, Penguin, and Hummingbird, ficou mais claro que o foco da busca é, agora, naquilo que os usuários querem, e não, em palavras-chave que os profissionais marketing de conteúdo querem ranquear.

No passado, era fácil escolher qualquer tipo de palavra-chave, criar um conteúdo em torno dela e esperar atrair tráfego direcionado para uma landing page.  Mas essa abordagem não funciona hoje em dia.

A abordagem moderna de marketing de conteúdo funciona deste modo: Primeiro, você identifica as necessidades do seu público-alvo. Depois, você procura as palavras-chave exatas que ele está usando para pesquisar por informação que irão ajudá-lo a satisfazer as suas necessidades e responder as suas perguntas. Então, você escreve e entrega conteúdo de peso.

Palavras-chave de cauda longa revelam o ponto ideal do marketing de conteúdo – a interseção entre aquilo que os clientes em potencial estão digitando na ferramenta de busca versus o que eles realmente querem. image22

 

E é aí que surgem as palavras-chave de cauda longa. Elas não são de cauda longa apenas por possuírem três ou mais palavras, mas também, devido a sua natureza e ao processo de pensamento por trás delas.  

Pessoas que buscam por palavras de cauda longa são motivadas e, com um empurrãozinho, irão comprar o seu produto ou se inscrever na sua lista. 

Palavras-chave de cauda longa atraem o tipo de tráfego correto. Não importa se o seu blog é antigo; se você aderir ao marketing de conteúdo efetivo e direcionar as expressões-chave de cauda longa sem tentar manipular o algoritmo de busca, você terá descoberto como atrair visitas para o blog. 

Ao criar conteúdo duradouro e capitalizar palavras de busca de cauda longa, a TechWyse aumentou o tráfego do seu blog em 200% em apenas 1 ano. 

image19

Alex Chris, fundador da Digital Marketing Pro, compartilhou insights avançados sobre como aumentar o tráfego de blogs para 400.000 visitas por mês.

Ele não utilizou o SEO da forma que tantas pessoas têm sido ensinadas a usar. Nas palavras de Chris,

Você precisa de um plano sólido e uma estratégia que vá diferenciar o seu blog dos demais.

Se você estudar detalhadamente os dois estudos de caso acima, você irá perceber algumas semelhanças significativas. Nenhum profissional de marketing de conteúdo simplesmente direcionou as palavras-chave de cauda longa e esperou ser ranqueado no top 10 do Google. 

Em vez disso, eles focaram em criar um conteúdo evergreen, sem ignorar a busca de cauda longa. 

Isso é crucial, porque se o seu foco está apenas nas palavras-chave, você perderá a oportunidade de atender às necessidades dos seus clientes.  

O SEO antigo tinha a ver com palavras-chave (de caudas longa e curta), enquanto o novo SEO se relaciona ao foco naquilo que os usuários querem (intenção). Em outras palavras, você foca na proposta por trás das palavras que eles inserem na ferramenta de busca. 

image18

Existe algo muito importante que você precisa saber sobre SEO de cauda longa. O que você está fazendo, de fato, está ajudando aos usuários de busca a encontrar a informação certa e eles irão agradecê-lo por isso.   

Os benefícios de palavras-chave de cauda longa são imensos. Integre-os naturalmente ao seu blog. 

image23

Então, qual seria a melhor forma de ter um ranqueamento elevado no caso de termos de busca de cauda longa? 

Produza conteúdo profundo e bem detalhado (in-depth).

A palavra “in-depth” é utilizada em excesso atualmente. Muitas pessoas pensam que “in-depth” signifique simplesmente um “artigo longo”.

Isso não é totalmente verdade. É possível escrever um artigo com mais de 3.000 palavras mas não torná-lo in depth

Há poucos produtores de conteúdo que entendem como o conteúdo in-depth realmente é e eles possuem resultados em relação a isso extremamente surpreendentes  para mostrar. 

Brian Dean é um exemplo. A grande maioria das postagens do blog dele são tanto in-depth quanto longas. Eis um exemplo de postagem no State of Search Rankings.

image28

Se eu disser às pessoas para escreverem um conteúdo que converta, isso não seria in-depth. A maioria dos leitores não sabem exatamente como fazer isso. 

Então, eu o torno in-depth, utilizando simplesmente uma abordagem passo a passo. 

Eu posso quebrar uma frase genérica que diga, “escreva conteúdo que converta” em 6 passos, por exemplo. Então, posso explicar cada um dos passos utilizando uma linguagem simples e recursos visuais que ajudem o leitor a compreender cada passo.  

Quando você faz isso, você começa a ranquear por várias palavras-chave de cauda longa que você não havia direcionado inicialmente quando produziu o conteúdo evergreen e in-depth.

Por exemplo, eu atualmente estou na posição #2 no Google pela palavra-chave de cauda longa “como atrair visitas para um blog de negócios”, embora eu não tenha direcionado essa palavra-chave. 

image04

Palavras-chave de cauda longa dão a você uma considerável vantagem sobre a concorrência. Quando apropriadamente integradas nas postagens do seu blog, elas também podem ajudá-lo a atrair visitas mais orgânicas para o seu site.

Para apontar as melhores palavras-chave de cauda longa que os seus concorrentes ainda não abordaram, gostaria de utilizar uma abordagem em duas etapas:

i).   Primeiro passo: Obtenha a palavra-chave primária no Google AdWords Keyword Planner. Apenas informe a sua palavra-chave principal (e.x.: ferramenta de crm social) na caixa de busca. Então, clique no botão “Obter ideias”:

image06

Agora nós temos algumas palavras-chave primárias para trabalhar no segundo passo, listadas abaixo: 

  • crm social
  • customer relationship management (gestão de relacionamento com o cliente)
  • crm de mídia social
  • ferramentas de crm 

ii).   Segundo passo: Vá para KeywordTool.io e insira uma das palavras-chave primárias do passo 1 na caixa de busca. Depois, clique no ícone de busca vermelho no lado direito. 

image21

iii).   Terceiro passo: Analise os seus resultados e selecione as suas melhores expressões-chave de cauda longa da lista.

image32

Observe que se você direciona qualquer uma das palavras-chave acima destacadas em vermelho, você provavelmente irá ranquear em posição alta nos resultados de primeira página do Google, porque a competição agora ainda é baixa – em torno de 7 páginas de resultados estão direcionado ativamente a palavra-chave.  

image14

O Google lista 10 resultados orgânicos, pois o Google ainda necessita de páginas de conteúdo informativo.  

Além disso, você irá ser ranqueado por muitas outras palavras-chave que você não direcionou especificamente e o seu tráfego orgânico irá aumentar continuamente. Finalmente, ele irá tornar-se um canal de SEO de onde você irá atrair leads e clientes para o seu negócio.

Como Atrair Visitas Para o Blog Passo #3. Atraia tráfego de referência através de parcerias online.  

Acontece com todos.

Você começou um blog e trabalhou duro para criar conteúdo. Aí você descobriu que os seus leitores não estão redirecionando outros para o seu blog. 

Construa fontes de tráfego de referência e você irá, certamente, atrair mais tráfego.

Quando se trata de atrair visitantes de referência para o seu blog, o social é a nova busca. Em outras palavras, as redes sociais irão fortalecer as suas relações com pessoas que têm a capacidade de amplificar o seu conteúdo. É interessante que o social gera mais tráfego de referência que a busca.   

image27

A atividade em redes sociais irá compensar no final. Não importa se você não pediu ou implorou aos seus seguidores para visitarem o seu blog. Com o tempo, enquanto você continua proporcionando uma experiência mais rica, eles se sentirão obrigados a conferir o seu portal de negócios. 

O social é poderoso. O Google gosta dos indicadores sociais. O Google já afirmou claramente que os indicadores sociais não são parte do seu algoritmo, mas que os efeitos colaterais desses indicadores ajudam o Google a tomar decisões mais inteligentes baseadas nos dados de comportamento do usuário.   

Os principais sites de mídia usam o social para atrair tráfego de referência. De fato, o Facebook é a fonte de tráfego social número 1 para sites de notícias.

image17

Quando comecei como um consultor de SEO, a maioria dos meus clientes veio da divulgação boca-a-boca. 

Sim, eu estava gerando tráfego orgânico – clientes em potencial que foram motivados – mas eu ainda precisava dizer a eles os benefícios do meu serviço e por que eles deveriam trabalhar comigo. 

Tráfego de referência não é assim. Na verdade, quando um cliente em potencial é indicado para você, não faz diferença alguma o quanto o seu serviço/produto vale – o cliente irá confiar em você. 

Eles confiam não porque conhecem você pessoalmente, mas porque alguém que eles respeitam e estimam muito fez uma referência a você. 

Parcerias online são a menina dos olhos do networking. Imagine o quanto as suas parcerias de negócios podem ir longe para satisfazer aos seus clientes e garantir que as metas organizacionais sejam atingidas.

Na mesma linha, a parceria online se beneficia das relações que você estabeleceu com outras pessoas (e.x.: blogueiros, especialistas em mídias sociais, pessoas influentes online, autores e escritores). 

A parceria online diz respeito a conectar-se com pessoas com pensamentos semelhantes na sua indústria com o propósito de ajudarem uns aos outros a alcançarem os seus objetivos.

Desta forma, como você estabelece parcerias online e as utiliza para atrair visitas para o blog de referência em 90 dias? Eis algumas dicas para que você comece:

i).   Comece a partir dos seus contatos: Você pode começar com os seus parceiros blogueiros que tenham aceito os seus guest posts anteriormente.

Melhor ainda, se tiver um melhor amigo, comece a parceria a partir dos contatos existentes e avance daí.

image24

ii).  Participe de um grupo de mastermind. Esse é um modo fácil de começar a se conectar com empreendedores de negócios e profissionais de marketing com pensamentos semelhantes.

Você pode procurar ao seu redor por um grupo de mastermind ou começar um você mesmo. Não precisa ser uma daqueles grupos de mastermind com um “Estilo de Vida Ponto Com”. Você sabe melhor do que ninguém.  

Um mastermind pode ser o elo que falta para atrair mais de 1.000 visitas por semana através da referência boca-a-boca em redes sociais. 

Você pode simplesmente contactar de 3 a 5 amigos e começar um grupo de mastermind. Desde que os seus objetivos e expectativas individuais sejam definidos, você irá bem.

Ao atrair visitantes de referência de fontes de mídias sociais e e-mails, ou pelo boca-a-boca, você descobrirá que é, na verdade, fácil convertê-los e agradá-los

image10

Grupos de mastermind são uma força poderosa para ser levada em consideração. Pessoas como John Lee Dumas, Pat Flynn, Glen Allsopp, e muitos blogueiros competentes se beneficiaram com masterminds, principalmente, quando estavam aumentando o público-alvo de seus blogs. 

Membros de grupos de mastermind podem falar a outras pessoas (e.x.: fãs, leitores, clientes, networks) sobre os seus blogs novos e/ou convencê-los a participar do seu CURSO.

Masterminds não contribuem somente para o tráfego do seu blog, mas também podem gerar renda diretamente para você. Por exemplo, Leigh Peele que ganhava 20 dólares e passou a ganhar 4.000 dólares por mês com o blog dela após se juntar a um Mastermind de Blogs.

iii).   Identifique os pontos fortes dos seus parceiros e trabalhe com eles para complementar o seu negócio. Esse é o objetivo real de uma parceria online.

Se você decidir se juntar a um grupo de mastermind ou conectar com os seus parceiros online através do Facebook, Twitter, LinkedIn entre outros, sempre procure formas de ajudar os outros. 

Você pode ser bom em criação de conteúdo, mas péssimo quando se trata de otimização de ferramentas de busca. O seu parceiro pode lidar com esse aspecto, enquanto você enfoca naquilo pelo que você é apaixonado. 

Em suma, parcerias online normalmente fortalecem e revelam o grande potencial de cada parceiro. A parceria online à qual me refiro não precisa ser uma em que duas ou mais pessoas se juntam para dirigir um negócio. 

Em vez disso, estou falando sobre estabelecer-se um canal de comunicação com outros donos de negócios, blogueiros, profissionais de marketing entre outros, pelo objetivo único de ajudarem uns aos outros a desenvolverem os seus negócios próprios – sem falar no direcionamento de tráfego para os seus blogs e na construção de um público-alvo.

Como Atrair Visitas Para o Blog Passo #4. Use a estratégia guest-o-graphic para atrair tráfego direcionado

Blogar é mais do que escrever postagens de blogs. Vai muito além.

Se você está apenas começando como blogueiro, é bom começar criando postagens de blogs e construindo o seu público-alvo. 

Mas, enquanto o tempo passa, você perceberá que os seus leitores não estão pedindo mais conteúdo, mas mais informação útil. 

Isso significa que você deve começar a criar conteúdo para um tipo de mídia. Você deve produzir uma variedade de conteúdo e tornar-se consistente nisso – mesmo que não tenha visto o aumento inicial no tráfego. 

Segundo o Content Marketing Benchmark 2013, criar e administrar conteúdo é um desafio para a maioria das marcas. Para piorar, 45% dos profissionais de marketing B2B se esforçam para produzir uma variedade suficiente de conteúdo. E 78% dos profissionais de marketing afirmam que o seu maior desafio é “criar conteúdo original”. 

Isso deve ser porque eles não têm tempo ou talento para fazê-lo. 

image33

Para se safar da complicação de criar postagens de blog sem fim, que ninguém lê, está na hora de adotar uma nova técnica de marketing de conteúdo que produz resultados contundentes. 

Essa técnica é popularmente conhecida como “Guest-o-graphic.”

O mesmo homem que inventou a técnica skyscraper criou a expressão acima – Brian Dean, fundador do Backlinko.com.

A Guest-o-graphic pode ser resumida por meio desta fórmula: 

Introdução do Guest article + infográfico = visibilidade online, backlinks, etc.

Tudo o que você tem de fazer é criar um infográfico de valor, com aparência profissional, sobre um assunto em voga. Então, aproxime-se de sites, editores, autores e profissionais de marketing de conteúdo cujo público-alvo irá se beneficiar do seu conteúdo visual.  

Uma das principais razões pelas quais os infográficos continuam a direcionar tráfego, backlinks e credibilidade para negócios online é eles serem essencialmente visuais. 

As suas perspectivas são elementos visuais. Dados do Forrester CSO Insights 2012 apontaram que 90% da informação transmitida ao cérebro humano é visual. 

image00

Lembrando de quando eu comecei a publicar infográficos, os resultados foram inacreditáveis. Em 2010, os infográficos contribuíram para 2.512.596 visitas e 41.142 backlinks para o blog KISSmetrics.

Embora eu não crie & publique infográficos como antes, eles ainda são efetivos para mim – principalmente quando o assunto é oportuno. 

Brian torna isso muito mais fácil. Segundo ele, em vez de criar um infográfico e torcer para que as pessoas o descubram, compartilhem-no e se conectem a ele, você pode promovê-lo através da divulgação por e-mail.   

Perrin e David usaram a técnica de Guest-o-graphic para aumentar o tráfego do seu blog em 963%. Eles implementaram as dicas apresentadas por Brian e repetiram os resultados. Em outros tempos, esse mesmo método aumentou o tráfego do Brian em 175%.

image08

Vejamos rapidamente os passos simples para direcionar tráfego através da técnica de Guest-o-graphic:

i).   Pesquise o seu assunto e crie um infográfico: Este estágio é crítico, pois ele dá o tom de toda a sua divulgação. Faça um esforço para preparar e publicar um infográfico visualmente excelente.   

Apesar de tudo o que você ouviu, o design realmente desempenha um papel fundamental para determinar aonde o infográfico irá chegar. O infográfico de Perrin é útil, oportuno e bem projetado.

image29

Se o seu assunto não for interessante, as pessoas não irão compartilhá-lo. Encontrar um assunto para o infográfico e uma perspectiva envolvente irá levá-lo ao próximo passo: 

  • Colete dados de fontes confiáveis (e.x.: blogs, publicações online, livros)
  • Crie o infográfico você mesmo, utilizando modelos prontos 
  • Contrate um designer profissional de infográficos no Dribbble
  • Terceirize a criação do infográfico no Visual.ly

ii).   Conecte-se com as pessoas: Neste ponto, você precisa encontrar pessoas que estejam interessadas no seu infográfico. Você apenas tem de fazer uma lista das pessoas (e.x.: proprietários de sites, blogueiros, profissionais de marketing de conteúdo) que provavelmente iriam querer conhecer o seu infográfico.  

Vamos imaginar que o seu infográfico fosse sobre “tornar-se vegetariano”. 

Tudo o que você tem de fazer é ir ao Google e buscar sites e blogs que discutam ativamente o tema. Você pode utilizar esta consulta de pesquisa: 

“O seu tema” + blogs

Veja o resultado que tive, quando fiz a consulta:image09

 

iii).   Envie uma apresentação prévia: Agora que você já fez uma lista de blogs relacionados, está na hora de apresentar uma proposta prévia. É justamente aqui onde a maioria dos blogueiros entende tudo errado.  

Você precisa compreender que, quando você está apresentando a sua proposta a um profissional de marketing ou proprietário de site que você nunca tenha encontrado anteriormente, você precisa pedir a permissão dele.

O primeiro e-mail que você enviar deve se parecer com este: 

Prezado (a) [primeiro nome],

O meu nome é [O seu nome aqui], e sou o fundador

de [o seu blog aqui]

Eu acabei de criar um infográfico sobre [coloque o assunto aqui].

Estou certo (a) de que o seu público-alvo irá beneficiar-se com isso.

Você gostaria de conferi-lo? 

Eu poderia enviá-lo…

Agradeço-lhe pelo grande trabalho que está fazendo em seu blog. 

Atenciosamente. 

[O seu nome aqui]

Este é um exemplo de uma pré-apresentação. Quando enviar esse tipo de e-mail, você está se fazendo conhecer pelo blogueiro. Não inclua a URL do seu infográfico, porque você está pedindo permissão primeiro. 

iv).    Envie o infográfico: Se receber uma resposta positiva, o próximo passo é enviar o infográfico. Envie uma mensagem breve e seja cortês: 

Eis um exemplo: 

Olá [primeiro nome],

Estou realmente entusiasmado por ter recebido o seu feedback. 

Segue o infográfico 

[cole a URL do infográfico aqui]

Gostaria de saber se o recebeu. E a sua opinião

seria bem-vinda, também.

Grato (a) [nome da pessoa].

[O seu nome]

v).    Sequência: Dependendo da situação, você pode querer dar sequência posteriormente. Se não tiver obtido uma resposta, envie, então, um outro e-mail breve. E, desta vez, certifique-se que você apresentou a proposta corretamente. 

Este modelo de e-mail funciona:

Olá, [primeiro nome],

Agradeço-lhe muito por conferir o meu 

infográfico.

Você gostou dele?

 Se achar que o público-alvo iria 

gostar, eu poderia escrever uma introdução (um artigo de, aproximadamente, 200 palavras) 

a fim de fazer com que a página seja única. 

O que me diz? 

Agradeço-lhe novamente. 

[O seu nome]

Lembre-se de deixar o link para o seu blog quando enviar o artigo introdutório. Dessa forma, o seu link será visível e você terá tanto tráfego quanto backlink de autoridade.   

Esses cinco passos irão fazer com que comece com o pé direito. Não há algo de especial ou secreto nisso – apenas faça o que for necessário. 

Para aumentar as suas chances de sucesso, você precisa enviar muitos e-mails. É onde entra o trabalho duro. No caso de Perrin, ele enviou 92 e-mails e teve 5 conversas. Se o seu infográfico é verdadeiramente interessante, como o do Perrin, você terá um feedback como este:

image30

Usando o mesmo método, BuzzStream ajudou a colocar um cliente local no topo das listagens orgânicas. Para aprender mais sobre o método guest-o-graphic e como atrair tráfego para o seu blog, veja o recurso abaixo: 

Estudo de Caso de Estratégia de SEO: 963% Mais Tráfego Orgânico

Conclusão

Uma coisa é certa: saber como atrair visitas para o blog não é nada fácil. Requer trabalho duro e criatividade. Mas não desista. Se eu fiz isso, você também pode!

Não espere resultados rápidos. Estabeleça uma meta de 90 dias – um período de tempo ideal para aprender, cometer erros e melhorar os seus esforços. 

Agora que está equipado com as ferramentas corretas, estudos de caso e táticas que irão ajudá-lo a atrair até 20.000 visitas para o seu blog, nada irá pará-lo. Você não precisa implementar todas as técnicas que compartilhei aqui – apenas escolha uma e coloque em prática. 

Frequentemente, quando estamos tentando aumentar o tráfego do blog, nós nos esquecemos da importância que a consistência tem. 

Sim, é muito bom sempre criar conteúdo bem detalhado, útil e longo, mas, se você não for consistente, a próxima onda do Google irá levar embora os seus resultados de busca.  

Para manter o tráfego do seu blog neste ano, você deve escrever com maior frequência e divulgar o seu conteúdo o máximo que puder.

Qual é o seu desafio número 1 que lhe impediu de atrair visitas para o blog em outros tempos? 

Share