Como Criar uma Campanha de Rede de Display do Google

secret

Ao decidir anunciar com o Google Adwords, talvez você perceba que pode escolher entre uma série de opções de publicidade.

Uma dessas opções são as campanhas na rede de display do Google.

Neste post, vamos examinar como configurar sua própria campanha na rede de display do Google.

Vamos ver que aspectos merecem atenção quando o objetivo é elaborar uma campanha bem sucedida na rede de display do Google. Veremos também o que você pode fazer para otimizar sua campanha a longo prazo.

Ao final deste post, você terá o conhecimento necessário para criar uma campanha com ROI positivo na rede de display do Google.

Vamos lá!

O que são anúncios na rede de display do Google?

Se você é um iniciante em publicidade no Adwords, provavelmente ainda não conhece os anúncios da rede de display do Google.

Os anúncios da rede de display do Google são basicamente ‘anúncios de imagem.’

Veja abaixo um anúncio de display, encontrado no site da Forbes.com.

image05

Os anúncios de rede de display do Google muitas vezes aparecem em sites que não pertencem ao Google, com exceção do Youtube.

É possível fazer anúncios no mesmo formato dos anúncios de busca na rede de display do Google. Mas a maioria das pessoas que utiliza anúncios de display faz isso porque desejam usar anúncios com muitas imagens.

O Google permite criar anúncios com imagens de vários tamanhos.

Evite estes 7 erros em suas campanhas na rede de display do Google.

Definindo sua campanha

Assim como acontece com todas as outras formas de tráfego pago, você não deve se apressar para criar uma campanha na rede de display do Google, ou provavelmente vai perder bastante dinheiro.

Em vez disso, você deve fazer um trabalho de preparação, algum tempo antes da campanha, para aumentar as probabilidades de sucesso de seus anúncios.

O primeiro elemento em que você deve focar é quem você deseja alcançar com os seus anúncios.

Se você não souber quem é o seu público-alvo, não terá como levar seus anúncios para as pessoas certas.

E sem isso, você terá poucas chances de conseguir ganhar dinheiro com seus anúncios.

E então, o que você precisa fazer para evitar esse problema?

Criar uma persona de comprador pode ser um ótimo começo.

Uma persona de comprador vai listar os traços e características de seu consumidor ideal.

É importante ter essas informações, já que você pode usá-las na hora de segmentar os seus anúncios.

Para uma campanha em rede de display, você precisa se assegurar de que tem os seguintes dados:

  • Os sites visitados por seu consumidor ideal. Em outras palavras, onde os seus consumidores passam tempo online?
  • Palavras-chave utilizadas no Google, a fim de encontrar negócios como o seu.
  • Palavras-chave relacionadas ao seu produto ou oferta.
  • Localização.

Talvez você queria também reunir alguns dados demográficos, como idade e gênero de seus consumidores, apesar de isso não ser importante para todos os tipos de negócios.

Você pode encontrar palavras-chave usando o planejador de palavras-chave do Google.

A segunda tarefa importante é verificar para onde você está enviando o tráfego.

Ao usar o Google Adwords, você pode e deve direcionar tráfego para uma landing page.

No entanto, é importante acrescentar que as landing pages que são aprovadas para campanhas de anúncios no Facebook muitas vezes não são aprovadas para campanhas no Adwords.

Para o Adwords, você precisa utilizar landing pages mais “longas”.

É muito raro, ou até impossível, poder utilizar uma página que traga somente um título, alguns tópicos e um formulário opt-in.

As landing pages usadas para campanhas de Adwords precisam conter mais informações.

Também é obrigatório incluir links para suas páginas de termos e condições e de política de privacidade.

Leadpages oferece um excelente modelo que pode usado para landing pages no Adwords.

Se você quer aumentar as probabilidades de sucesso de sua landing page no Adwords, precisa oferecer o máximo possível de informações de contato, incluindo um número de telefone e um endereço físico.

Considere também apresentar os bastidores do que você tem a oferecer e explicar porque você decidiu fazer essa oferta.

Nosso objetivo é melhorar a experiência do usuário, e o Google não acredita que isso seja possível com uma landing page superficial.

image24

A seguir, veremos como configurar uma campanha na rede de display do Google.

Configurando seus anúncios

Após se cadastrar no Adwords, você verá a página abaixo.

image27

Clique em ‘+ Campanhas’ e aí selecione ‘Apenas na Rede de Display.’

image04

Você terá que dar um nome para a sua campanha.

image08

Você verá uma opção para selecionar um ‘Objetivo de Marketing’.

Selecionar um objetivo de marketing pode ser útil se você está começando a usar o Adwords e ainda não o conhece bem.

No entanto, para este post, vamos selecionar a opção ‘Nenhum objetivo de marketing.’ Após selecionar essa opção, você precisa marcar também a opção ‘Todos os recursos.’

image11

Ao selecionar ‘Nenhum objetivo de marketing,’ você poderá decidir as definições que vai usar em sua campanha.

A primeira coisa que você deve decidir é a segmentação de localização de sua campanha. Naturalmente, você deve preencher essa opção de acordo com o persona de comprador que criou anteriormente.

image09

Observação: Se você decidir promover sua campanha em um país estrangeiro que demonstrou potencial, lembre-se de selecionar o idioma que está utilizando, a fim de garantir que seus anúncios sejam relevantes.

Após fazer a segmentação de localização, você terá que definir um orçamento para sua campanha.

O orçamento da campanha geralmente determina o quanto você quer gastar com anúncios por dia.

image07

Há também a opção de selecionar uma ‘Estratégia de lance.’

image06

Por agora é interessante selecionar ‘CPC Manual.’ Você poderá testar as outras opções quando já tiver mais experiência.

Isso vai te permitir começar a campanha com algum controle.

A seguir, você terá a opção de selecionar algumas ‘Extensões de Anúncio’ e ajustar algumas ‘Configurações Avançadas.’

Mais uma vez, esses são elementos que você deve testar quando já tiver mais experiência com a rede de display do Google.

image20

Após clicar em ‘Salvar e continuar,’ você será levado para a página abaixo:

image26

Essa é a parte mais divertida, já que você vai selecionar a segmentação para o seu anúncio.

Para começar, você precisa dar um nome para o seu grupo e selecionar o lance máximo de CPC.

O lance máximo de CPC vai definir quanto você está disposto a pagar por clique.

Como você ativou a opção manual, poderá decidir o quanto quer investir aqui. No princípio, você pode fazer um lance baixo – 10 ou 20 centavos por clique.

Você terá a possibilidade de ajustar essas opções mais tarde, já que o Adwords vai te indicar quanto deve oferecer, segundo as suas opções de segmentação.

Você deve então ‘Escolher como segmentar os anúncios.’

Se essa é a primeira vez que você configura uma campanha de rede de display, você deve selecionar a opção ‘Palavras-chave’. Essa opção vai te dar mais controle sobre a segmentação dos seus anúncios.

Nesta seção, você precisa inserir as palavras-chave que selecionou anteriormente, ao criar seu persona de comprador.

image15

Observação: Você não pode escolher os Tipos de Correspondência para Palavras-chave de Display. Na rede de display, as palavras-chave serão tratadas como de Correspondência Ampla.

Você pode usar também a opção ‘Encontre palavras-chave relacionadas,’ caso queira aumentar sua lista de palavras-chave.

No entanto, lembre-se que, quanto mais palavras-chave você selecionar, menor será a segmentação dos seus anúncios.

Além das palavras-chave, também pode ser uma boa ideia segmentar seus anúncios por Canais.

Você encontrará a opção de segmentação por Canais ao rolar a página e clicar em ‘Restrinja ainda mais a sua segmentação.’

image21

Aqui você poderá configurar seus anúncios para exibição em sites relacionados com a sua oferta.

image13

Você pode até selecionar páginas específicas onde seus anúncios devem aparecer. Faça isso clicando na opção ‘+ Vários canais’.

image23

Ao selecionar as definições para os seus anúncios, você verá também as impressões disponíveis.

Essa função te informa quanto do inventário está disponível. O inventário é o total de espaços para publicidade que o Google possui.

Um número alto significa que, se você criar uma campanha bem-sucedida, poderá aumentar o seu orçamento facilmente sem pagar demais.

Naturalmente, quanto mais precisa for a segmentação dos seus anúncios, menor será o número de impressões disponíveis.

image03

Observação: Em alguns casos, talvez você deseje criar campanhas separadas para cada opção de segmentação. Isso vai ajudar a reduzir sobreposições que podem limitar o potencial de uma opção de segmentação.

Você terá então que desenvolver a ‘Criação’ do seu anúncio.

image16

Como mencionei anteriormente, é possível criar anúncios de texto para uma campanha em rede de display, mas neste post, vamos focar em anúncios de imagem.

Se você tem os seus próprios designs de anúncios, poderá envia-los para o site ao clicar em ‘Anúncio gráfico,’ na seção ‘Criar Anúncios’.

image12

Existe também uma opção para incluir a URL do seu website, para que o próprio Google crie alguns designs de anúncios pra você.

image19

Ao fazer isso, você verá algumas sugestões que podem ser utilizadas em sua campanha em rede de display.

image18

Se você vir uma opção que goste, mas quiser personalizá-la ainda mais, basta colocar o cursor sobre ela e clicar em ‘Editar.’

image10

Você poderá então ajustar vários elementos do anúncio, ou praticamente criar um anúncio novo.

image22

O exemplo acima mostra como um anúncio pode ser personalizado.

image25

Você pode visualizar o anúncio em vários tamanhos. Para fazer isso, clique em uma das formas disponíveis logo acima da visualização do anúncio.

image14

Algumas sugestões para a resolução de problemas

Em alguns casos, uma campanha de anúncios em rede de display pode não dar os resultados que você espera.

Se você perceber que seus anúncios têm uma baixa taxa de cliques, é possível que eles não sejam muito atraentes.

Observação: Você pode usar a ferramenta Display Benchmarkings para ver se seu anúncio se encaixa bem nos padrões do mercado.

image00

É importante mencionar que, em muitos casos, os anúncios de rede de display tendem a ter as taxas de cliques mais baixas. Isso geralmente acontece porque anúncios de rede de display costumam receber menos impressões do que outros tipos de publicidade.

Anúncios de rede de display também são mais suscetíveis à ‘cegueira de banner.’

image02

Se você perceber uma diferença entre taxas de cliques ao anunciar em países diferentes, é possível que não tenha feito nada errado.

Dados demonstram que as taxas de clique podem variar entre países.

image01

Se você quiser inspiração sobre o que faz um anúncio ‘clicável’, considere examinar anúncios em que você clicou recentemente.

Estude os elementos de sucesso nesses anúncios e veja se há alguma coisa que pode ser implementada em suas próprias campanhas.

Você pode até criar um ‘portifólio,’ com todos os anúncios interessantes que você viu recentemente.

Você deve também fazer testes A/B com seus anúncios, a fim de aumentar as probabilidades de criar um anúncio que vai gerar um ROI positivo.

Se seus anúncios tiverem taxas de clique baixas, também é possível que você tenha cometido erros na segmentação. Talvez seus canais não sejam os ideais, ou suas palavras-chave não sejam específicas o suficiente.

Considere também os formatos de anúncios que você tem utilizado. Se você sempre usa um formato de anúncio, provavelmente terá também uma taxa de cliques baixa.

Isso acontece porque diferentes tipos de anúncios geram taxas de cliques diferentes.

O gráfico abaixo mostra como as taxas de clique podem variar de acordo com o formato dos anúncios.

image17

Se você tem uma taxa de cliques alta, mas não está gerando um bom ROI, examine a página para onde você envia o tráfego.

É possível que sua oferta não seja atraente o suficiente para encorajar os usuários a agir da forma que você deseja.

Se seus anúncios não estão gerando cliques ou impressões suficientes, também é possível que você tenha feito um lance baixo demais.

Isso pode ser corrigido facilmente se você aumentar os seus lances. Adicione 10 centavos por vez até observar um crescimento nos resultados.

Conclusão

Uma campanha na rede de display do Google, quando bem elaborada, tem o poder de levar o seu negócio para o próximo nível.

Neste post, exploramos como você pode criar uma campanha bem sucedida na rede de display do Google. Vimos como você pode preparar a sua landing page e também de como segmentar seus anúncios.

E também falamos brevemente sobre o que pode ser feito para otimizar seus anúncios a longo prazo.

E agora, por que não criar uma campanha na rede de display do Google e ver que tipo de resultados você pode gerar?

Boa sorte!

Quais foram as suas experiências gerando lucros com campanhas na rede de display do Google?

Share