Como Fazer Marketing de Conteúdo se Você Escreve Mal e Está Sem Dinheiro

broke

O marketing de conteúdo pode ser uma maneira fantástica de gerar leads.

Então por que será que 70% dos profissionais de marketing não têm uma estratégia de marketing consistente?

Mais do que nunca, o problema é que os profissionais de marketing pensam que para serem bem-sucedidos com o marketing de conteúdo, eles precisam ser ótimos escritores.

E além disso, muitos também pensam que precisam ter um grande orçamento para que os seus esforços sejam produtivos.

Isso não é necessariamente verdade.

Neste artigo, nós vamos dar uma olhada em como fazer marketing de conteúdo, mesmo que você não seja bom em escrita e não tenha muito dinheiro para gastar.

Nós vamos ver as estratégias específicas nas quais você pode focar e como aproveitar ao máximo cada uma dessas estratégias.

Você é um garoto ou garota comum com um orçamento restrito, mas quer saber como fazer marketing de conteúdo? Siga estes passos para aprender como fazer marketing de conteúdo com um orçamento limitado, mesmo que você não seja bom em escrita.

Ao final deste post, você deverá ter uma boa noção de como pode se juntar aos inúmeros profissionais que sabem realmente como fazer marketing de conteúdo.

Vamos começar!

Se torne um escritor melhor

Eu sei que você provavelmente pensa que é um escritor ruim, mas, na verdade, quão ruim você é?

Escrever na internet não é nada como escrever uma tese de faculdade ou até mesmo uma redação para um professor da escola.

É muito mais fácil, e não é necessário muito talento ou tempo para criar um conteúdo de valor e fácil de ler.

Você provavelmente só precisa, mais do que qualquer coisa, de um pouco de prática. E isso não é difícil de se conseguir.

Se você dedicar um tempo para escrever um post de 500 palavras um dia ou outro, em breve você irá estabelecer um hábito que te permita escrever um artigo básico a qualquer hora.

Você pode então dobrar sua contagem para 1.000 palavras, e depois de uma semana ou duas, dobre de novo.

Você irá descobrir que o difícil é se acostumar a escrever as primeiras 500 palavras, mas depois fica mais fácil.

Isso se deve ao fato de que você precisará aprender a formular suas ideias, a transformá-las em palavras e também como melhor formatar seu texto para que seja fácil de ler.

Quando você tiver essas habilidades, escrever mais é simplesmente uma forma de gerar mais valor ao seu post.

E para isso, tudo que você precisa fazer é pesquisar.

Essas são algumas dicas que você deve ter em mente sobre como fazer marketing de conteúdo, mesmo que você não esteja acostumado a escrever.

A primeira dica é criar um excelente esboço.

Então como deve ser um ótimo esboço? 

Veja o processo passo a passo para criar um esboço para um post incrível.

Primeiro, crie um novo documento no Google Docs.

Para fazer isso, registre-se no Google e entre em docs.google.com. Selecione então a opção “Blank” (em branco).

image17

Dê um título a esse documento do Google Docs.

As primeiras coisas que você irá escrever em seu esboço são os títulos dos parágrafos.

Você poderá mudá-los sempre que quiser depois. Então não se preocupe em deixá-los perfeitos.

Apenas certifique-se de escrever títulos efetivos relacionados ao conteúdo de cada seção do post.

Provavelmente você tem um pouco de conhecimento sobre o assunto que irá escrever, então esses títulos devem surgir naturalmente.

Porém, se não for o caso, apenas dê uma pesquisada rápida sobre o seu assunto no Google.

Então dê uma olhada nos primeiros posts que achar na lista de resultados e analise os assuntos que cada um dos artigos discute.

Por exemplo, digamos que eu queira escrever um post sobre como ser melhor em ‘email marketing.’

Eu vou ao Google e escrevo ‘dicas de email marketing.’

image27

Eu seria então apresentado aos resultados a seguir.

image02

Tem muita coisa para ler e pode até parecer um pouco cansativo no começo, pois existem alguns posts com ‘mais de 50 dicas de email marketing.’

No entanto, o número de dicas que você irá escrever em seu post, dependerá do quão extenso você deseja que o seu post seja.

Você tanto pode criar um post de 5.000 palavras contendo 5 dicas, quanto pode criar um post de 5.000 palavras contendo 50 dicas.

O que separa esses dois posts é o quão abrangente o conteúdo é.

Então, não se sinta sobrecarregado quando estiver pesquisando.

Apenas dê uma lida rápida para ver o que está sendo coberto frequentemente.

Identifique os pontos que você achar mais importante e os insira em seu esboço.

Por exemplo, eu cliquei nos 5 melhores resultados acima e notei que todas as páginas mencionam ‘títulos de email.’

Veja este post do Copyblogger.

image45

E este do econsultancy.

image41

Outro do econsultancy.

image50

E por fim um do Huffington Post.

image06

Todos falam sobre criar um ótimo título de email.

Então faz sentido que essa deva ser uma parte importante sobre email marketing e portanto algo que mereça ser coberto em detalhes.

A quantidade de palavras que você usar na seção de ‘título do email’ do seu post vai depender do quão longo ele vai ser.

Você consegue perceber que cada um desses posts cobre esse assunto variando nos detalhes?

Se você só for escrever algo com 500-1.000 palavras, você provavelmente tem o suficiente de cada um dos posts para criar algo de valor.

Porém, se você quiser levar as coisas um passo adiante, você precisará repetir o processo acima para este específico ‘título de parágrafo’.

Se eu quero produzir uma seção de ‘Títulos de Email’ mais detalhada, eu irei procurar sobre ‘como escrever títulos de email de email marketing.’

Você pode experimentar com um termo melhor, mas esse deve lhe dar alguns bons resultados.

image20

Você irá notar que todos os resultados são especificamente relacionados a títulos de email.

image15

Nós iremos então clicar em cada um desses posts para ver alguns pontos comuns cobertos por eles, em relação ao que é necessário para escrever emails com títulos efetivos.

Apenas clicando nesses posts, eu consigo perceber que um dos temas recorrentes é que os títulos devem ser curtos.

Veja o post do Mailchimp

image21

E um dos posts do Hubspot.

image08

E aqui o post do Unbounce.

image38

E um do Wordstream.

image04

Agora, existem vários outros pontos que esses posts têm em comum, mas, títulos curtos parece ser uma das coisas mais importantes para se prestar atenção.

Você também vai perceber que muitos desses posts citam uma estatística feita pelo Mailchimp.

Se você quiser produzir um conteúdo novo, você pode querer ter outras de fontes de informação.

Se você quiser fazer isso, vá até o Google de novo, e procure pelo termo ‘estatísticas sobre títulos de email’.

image37

E você verá o seguinte: 

image24

São muitas estatísticas para escolher!

51% dos profissionais de marketing dizem que seus esforços de marketing de conteúdo são apenas um pouco efetivos – e parte disso se deve em primeiro lugar ao conteúdo pobre.

Ao criar posts aplicáveis que contêm informações, você irá facilmente acabar produzindo um extenso conteúdo de valor para o seu público-alvo.

Isso é importante, visto que é melhor criar posts extensos. Eles geram 9x mais leads do que posts curtos.

Você também irá tirar vantagem do fato de que em média, apenas 18% das empresas produzem posts de blog com mais de 750 palavras – assim você irá se destacar em meio aos outros se produzir algo mais longo. 

Em relação ao seu estilo de escrita, apenas escreva como se você tivesse escrevendo para um amigo – ou pelo menos, da forma como você conversa.

Não use palavras elegantes se elas não são necessárias e não tente soar ‘inteligente.’

Além disso, mantenha as linhas relativamente curtas (assim como eu faço), isso fará com que seja mais fácil digerir o conteúdo.

Conforme você começar a desenvolver ou restabelecer suas habilidades de escrita, você será capaz de incorporar coisas como analogias e relatos à sua escrita.

Certifique-se também de incluir várias imagens em seu post.

Artigos com imagens têm 94% mais visualizações do que os que não têm.

Vamos falar rapidamente sobre escrever conteúdo.

Você pode criar uma grande quantidade de posts de blog que realmente fornece muito valor.

No entanto, se você não tiver a habilidade de criar um título atraente, seus posts não irão conseguir a atenção que eles merecem.

Se você quer aperfeiçoar sua habilidade de escrever títulos, mantenha um arquivo com alguns dos melhores títulos que você vir.

Então, veja como você pode imitar as estratégias utilizadas pelos seus títulos favoritos em seus próprios posts.

Considere fazer o que a Upworthy faz, e escreva 25 títulos para cada post.

image05

Assim como em todas as coisas, se tornar um escritor melhor se resume sobretudo à prática.

Porém, ao usar o processo descrito, você deve ser capaz de criar posts incrivelmente detalhados que proporcionam muito valor.

É válido mencionar que se você estiver gastando seu dinheiro com marketing de conteúdo, você constantemente estará gastando dinheiro para criar o conteúdo ou para promovê-lo.

Se você estiver confortável em escrever um post de conteúdo, vale a pena dar uma olhada em como você pode fazer posts como convidado (guest posting), para que você não tenha que gastar dinheiro promovendo seu conteúdo.

Sempre existe uma demanda por conteúdo de qualidade. Se você puder escrever alguma coisa atraente, você irá descobrir que donos/editores de blog ficarão mais do que contentes em conferir o que você oferece.

53% dos blogueiros postam conteúdo semanalmente. Como você deve ter adivinhado, manter esse tipo de consistência às vezes exige muito trabalho.

Seu post irá reduzir a carga de trabalho da semana, fazendo a vida do editor ou dono mais fácil.

Não é tão difícil encontrar oportunidades para fazer um post como convidado e você pode usar as seguintes abordagens para começar.

A maneira mais básica de achar oportunidades é combinar a frase ‘escreva para a gente’ com uma palavra-chave relacionada ao seu nicho.

Por exemplo vamos pegar um exemplo qualquer como ‘tricô,’ e ver se nós conseguimos achar blogs relevantes que aceitam guest posts.

Para fazer isso, eu procuro por ‘tricô + escreva para a gente.’

E é isto que deverá aparecer.

image48

Imediatamente, nós podemos ver que existem ótimas oportunidades de postar como convidado.

No entanto, tem outra estratégia, que foi discutida na Quicksprout University, que pode revelar ainda mais oportunidades para postar como convidado!

Veja como ela funciona.

Em vez de procurar por oportunidades para fazer posts como convidado, você poderá tentar achar um blogueiro convidado e onde ele tem postado conteúdo.

E você pode fazer isso ao colocar a seguinte palavra no Google.

‘Nicho’ + in inurl:guest author

Se você estiver procurando por blogueiros convidados que postaram em blogs de ‘tricô’, você deverá procurar o seguinte.

Tricô + in inurl:guest author

E é isto que aparecerá nos resultados de busca.

image30

Agora você tem ainda mais oportunidades de postar como convidado!

E então você pode entrar em contato e mostrar a esses blogs suas ideias de conteúdo.

Nós já falamos sobre como você pode produzir um conteúdo ótimo – mas existem algumas outras dicas que você pode usar para sugerir ideias de conteúdo que impressionem os editores de blog.

Vá ao Buzzsumo, e digite uma palavra-chave baseada em seu nicho.

Veja o que apareceu quando eu digitei ‘dicas de tricô.’

image13

Então filtre o conteúdo para ‘Mais compartilhadas.’ Eu também filtrei para mostrar apenas o conteúdo que foi postado nos últimos seis meses.

Agora você uma idéia de quais assuntos tendem a ter vários compartilhamentos.

Você pode então pegar um desses assuntos e criar algo incrivelmente detalhado utilizando o processo mencionado anteriormente.

Você também pode utilizar o Google Adwords para ter ideias de conteúdo.

Para fazer isso, faça login no Planejador de Palavras-chave do Adwords.

Digite ‘tricô,’ e clique em ‘Obter Ideias.’

image11

Você será apresentado a alguns assuntos gerais.

image28

Aqueles com grande número de buscas e altos níveis de competição, tendem a ser os tipos de assunto que as pessoas gostam de ler a respeito.

De qualquer forma, clique em um desses ‘grupos de ideias de anúncio,’ (ad group) para ver algumas ideias de assunto.

Eu cliquei no grupo ‘tricô para bebê’ e apareceu isto. 

image31

Como você pode ver, existem algumas palavras-chave aqui que você pode usar para criar um post.

Você pode usar essas ideias em seu próprio blog, ou quando você estiver procurando algo para sugerir como um post como convidado em outro blog.

Se você criar um post com lista, como por exemplo ‘101 padrões de tricô para bebês,’ existe uma boa chance de um blog de tricô se interessar.

Também será relativamente fácil promover um post como esse, pois, como você pode ver, é um assunto em demanda.

Além disso, se você se tornar um escritor melhor e aprender a achar oportunidades de postar como convidado, você pode começar a fazer marketing de conteúdo com um orçamento muito baixo.

Idealmente, se você estiver fazendo guest posting, uma boa idéia pode ser mandar as pessoas para uma landing page (nós iremos discutir mais sobre isso depois) utilizando um pequeno link em sua biografia.

Isso permitirá que você colete leads e garantirá que você ganhe um retorno em seu guest posting.

Apenas se certifique de ter a permissão do dono do blog antes de fazer isso.

Utilize outros canais de conteúdo

Uma outra opção para te ajudar a fazer marketing de conteúdo, se você não quiser escrever muito, é simplesmente pegar outro canal de conteúdo.

E o que isso significa exatamente?

Quando falo sobre outros canais de conteúdo, estou me referindo às seguintes formas de conteúdo —

  • Webinars
  • Podcasts
  • Vídeos no YouTube

Essas formas de marketing de conteúdo são relativamente fáceis de produzir se você estiver economizando. 

Os infográficos provavelmente merecem estar nessa lista, mas é válido lembrar que um bom infográfico pode custar bastante para ser criado ou requerer mais do que habilidades básicas de design gráfico que talvez você não tenha.

Como eu já disse antes, você tem o que você paga quando se trata de design.

Portanto, você pode ter que esperar até que você crie algo que pareça espetacular. Infográficos visualmente pobres não tendem a ajudar muito e podem na verdade te prejudicar.

Vamos falar sobre como você pode fazer o que foi dito acima, estando em um orçamento restrito.

Se você quer apresentar um webinar, você não precisa usar uma plataforma potencialmente cara como a GoToMeeting.

Isso porque, em vez disso, você pode usar algo como o Google Hangouts.

Veja como você pode apresentar seu próprio Google Hangout e junte-se a 61% dos profissionais de marketing que usam webinars como parte de suas estratégias de marketing de conteúdo.

Nota: Um número ‘ilimitado’ de pessoas podem assistir uma transmissão ao vivo do seu Hangout, mas apenas 10 pessoas podem ‘transmitir suas telas’ ao mesmo tempo que o Hangout.

image51

Essa é uma coisa para se ter em mente se você observar qualquer menção sobre um ‘limite’ de um Google Hangout.

Em todo caso, entre em https://hangouts.google.com/.

image09

Se você ainda não tiver uma, crie uma conta no Google.

Assim que você tiver criado uma conta e se registrado na página do Hangouts, você deverá ver a seguinte página.

image12

Clique nos 3 pontos, à esquerda da página, para expandir a coluna.

Então selecione a opção ‘Hangouts on Air.’

image32

Quando você vir a página seguinte, clique em ‘Create Hangout On Air.’

image44

Você então irá precisar criar um perfil público para sua conta do Google Plus.

image26

Depois de fazer isso você será levado para a página principal do ‘Hangouts On Air.’

Se esse for o caso, apenas clique no mesmo botão e você irá ver o seguinte.

image34

Digite a informação relevante.

Crie um título atraente para o Hangout.

Na descrição, coloque apenas uma breve introdução e então liste alguns benefícios atraentes em uma lista de pontos.

É assim que eu faço em meus webinars da Kissmetrics.

image33

Para que você possa usar o Google Hangouts, você precisa conectar sua conta do Google Plus com o YouTube.

Você saberá que precisa fazer isso, se aparecer o seguinte texto.

image10

Para conectá-los, primeiro faça o login no YouTube.

Então clique na imagem do usuário, que pode ser encontrada no topo direito da página.

image36

Selecione a opção ‘Creator Studio.’

image01

Ao lado esquerdo dessa tela, em baixo da opção ‘Channel,’ escolha ‘Status and features.’

image49

E então clique no botão ‘Verify.’

image43

Por fim verifique sua conta.

Agora você deve ser capaz de clicar no botão ‘Share’ (de onde o Hangout foi criado acima) se você não tinha conseguido clicar antes.

Quando você fizer isso, você verá esta tela.

image18

Clique no botão ‘Start,’ quando você quiser que o evento vá ao ar.

Se você quiser compartilhar o link do evento, clique no texto dos ‘Links.’

image39

Quando o Hangout estiver ao vivo, clique no ícone destacado abaixo, para compartilhar sua tela.

image22

Você deve estar pensando — ‘até aqui tudo bem, mas como você vai conseguir fazer com que as pessoas realmente apareçam?’

Se você está tendo dificuldade nessa área, você deve considerar criar uma parceria com alguém que já tenha uma lista de pessoas que representem seu público-alvo.

Se você está procurando vender algo no final do webinar, você pode propor uma divisão de receitas.

Se você não estiver procurando vender algo, as pessoas ainda estarão contentes em fazer um webinar com você, desde que, você proporcione muito valor para a lista em questão.

Isso irá fazer com que o dono da lista fique bem, e também será benéfico para eles.

Se você quiser achar oportunidades como essas, considere utilizar antes as dicas de guest posting anteriores, mas dessa vez para achar donos de sites que possuem listas que também podem ser divulgadas.

 Agora vamos falar sobre Podcasts.

Existem evidências que sugerem que 17% dos adultos ouvem um Podcast todo mês — essa é uma grande oportunidade.

Configurar seu próprio Podcast pode custar um pouco caro.

Porém, você pode fazer marketing de conteúdo utilizando Podcasts sem gastar nada.

Você pode fazer isso ao ser convidado de programas hospedados por outros.

Se você adotar essa estratégia, você será capaz de se colocar à frente de grandes audiências que já foram criadas pelo dono do Podcast.

De certo modo, esse pode ser às vezes um jeito melhor de lidar com as coisas se você está apenas começando — mesmo se você tiver um grande orçamento.

No entanto, assim como com os webinars acima, se você estiver procurando utilizar a audiência de alguém, é absolutamente essencial que você proporcione valor.

Se você não puder fazer isso, o dono do Podcast não terá razão para te ter como convidado.

Então o que conta como valor? 

Bem, talvez você tenha uma história interessante sobre negócios.

Por exemplo, você pode ter lidado com um desafio em seu negócio achando um meio inovador de superá-lo.

Na verdade, nem precisa ser de uma forma inovadora— tudo que importa é que você tenha achado um meio de superar o problema.

Sua história, por si só, irá proporcionar muito valor para as pessoas que estão ouvindo o Podcast — pelo seu conteúdo prático e inspirador.

Uma outra maneira de proporcionar valor é propondo que você ensine algo novo aos ouvintes do Podcast.

Se você for um expert em determinado assunto, isso não deve ser difícil.

Por exemplo, você pode ser um expert em Anúncios no Twitter.

Se esse for o caso, você pode abordar um Podcast que atende desenvolvedores de aplicativos e falar sobre como utilizar os Anúncios do Twitter para gerar downloads.

É importante que você pense, com antecedência, sobre como você pode moldar seu conteúdo para o público-alvo de um Podcast em particular.

Se você quiser achar um Podcasts para se apresentar considere utilizar esta abordagem.

Vá ao Google e pesquise por Podcasts incluindo uma palavra-chave relevante junto com a palavra ‘Podcast.’

Se você estiver procurando por Podcasts relacionados a imobiliárias, você deve procurar por ‘Podcast de imobiliárias.’

image35

Então veja alguns dos resultados e mande um email aos apresentadores.

Às vezes você vai encontrar Podcasts que não são atualizados há vários meses. Pode ser que esses apresentadores estão dando um tempo, em vez de terem desistido completamente do programa.

Então, considere mandar a eles uma mensagem.

Se você já tem um aplicativo de Podcast no seu dispositivo móvel, considere usá-lo para achar Podcasts relevantes.

Quando for mandar email para os apresentadores de Podcasts, não seja intrometido.

Simplesmente diga quem é você, forneça um pouco do seu histórico e explique porque você irá gerar valor aos ouvintes deles.

Se você não receber uma resposta dentro de uma semana, considere mandar novamente uma outra mensagem.

Se você conseguir uma apresentação em um Podcast, reserve um tempo para rapidamente criar uma landing page onde você possa oferecer alguma coisa de graça.

Isso é importante, pois irá permitir que você obtenha leads com a apresentação, fazendo com que a oportunidade valha o seu tempo.

Geração de leads é o que importa para 85% dos empresários que utilizam marketing de conteúdo, pois são esses leads que fazem o trabalho de marketing de conteúdo valer o tempo e o esforço. 

Além disso, quando você capturar os leads e ganhar dinheiro com eles, você será capaz de se juntar aos 56% dos blogueiros de negócios que contratam recursos adicionais para construir e promover seu marketing de conteúdo — com isso economizando seu tempo.

Instapage fornece uma plataforma ótima para aqueles que querem criar uma landing page notável de graça.

Se você quiser criar uma landing page, vá em https://instapage.com/ e crie uma conta.

Quando tiver feito isso, clique no botão ‘Create New Page.

image46

Clique então em ‘Pick a Template.’

image52

Você terá a opção de escolher um template.

O template da sua landing page pode ter um grande impacto em suas taxas de conversão — embora se você escolher algo simples você pode ser capaz de se dar muito bem logo de início.

Veja o template que eu escolhi.

image03

Veja este post que eu escrevi sobre a criação de títulos atraentes. Use-o para saber como transmitir sua mensagem quando estiver escrevendo um título para sua landing page.

Para fazer com que as pessoas possam acessa-lo em um arquivo PDF, clique em ‘Opt in box.’

Você verá esta tela:

image47

Clique no ícone ‘Redirect.’

E então selecione a opção ‘Upload File’ e escolha o arquivo que você quer compartilhar.

image00

Quando você tiver feito tudo isso, clique no botão ‘Publish.’

image23

Você então poderá dar à sua landing page uma URL.

Se você estiver procurando manter tudo a um baixo custo e ainda não tem seu próprio site, simplesmente crie uma URL do Instapage.

image14

Então dê à sua landing page uma URL fácil de memorizar.

image29

Você deve mencionar essa URL ao final de qualquer Podcast, para que as pessoas possam fazer o download de algo de valor de você.

Se você não tem certeza do que oferecer, considere fazer um checklist de quaisquer dicas que você tenha mencionado no Podcast.

A outra forma de fazer marketing de conteúdo que nós mencionamos foi um vídeo no YouTube.

72% dos profissionais de marketing B2B utilizam o YouTube para distribuir conteúdo.

Além disso, 69% dos que querem melhorar seus esforços de marketing de conteúdo almejam melhorar as coisas através da criação de um conteúdo mais atraente.

Em um mundo em que nem todo mundo está disposto a ler um post de 5.000 palavras, vídeos no YouTube podem ser uma forma brilhante de proporcionar conteúdo atraente.

Isso começa a fazer sentido quando você considera que 75% das pessoas que possuem um smartphone assistem vídeos nele.

Além disso, se você não for muito bom em escrita, a criação de um vídeo no YouTube pode ser útil.

Você não precisa fazer nada extravagante, apenas gravar um vídeo seu falando com a câmera.

Na verdade, você pode achar um ótimo exemplo de como fazer isso conferindo o que o Steli Efti tem para oferecer.

image16

Não é nada muito longo e tedioso.

É algo curto, preciso e que proporciona valor ao seu público-alvo.

Se certifique de otimizar seus vídeos apropriadamente quando você publicá-los.

Isso significa tanto criar ótimos títulos, quanto usar as ‘tags’ certas.

É muito importante que você escreva uma descrição detalhada, para aumentar ainda mais as chances de que seu vídeo seja encontrado.

Eu também sugiro que você separe um tempo para criar uma imagem de capa para o seu vídeo que chame a atenção, utilizando o Canva.

Se você quiser saber mais sobre como isso pode ser feito, eu falei bastante sobre esse assunto aqui.

Quando você tiver um conteúdo — descubra uma forma de redirecioná-lo

Existe uma outra forma de fazer marketing de conteúdo, se você estiver com pouco dinheiro e escrever mal — e é redirecionar o que você já tem.

Embora 76% dos profissionais de marketing de B2B  estão procurando produzir mais conteúdo em 2016, quando comparado com 2015— você pode apostar que nem todos irão criar conteúdo do zero.

Na verdade, 57% dos profissionais de marketing estão se esforçando em encontrar formas melhores de redirecionar o conteúdo.

Redirecionar o conteúdo significa pegar o que você já tem e transformar em outra coisa.

Isso é, é claro, dependente do fato de que você já tenha criado algo em primeiro lugar.

Mas redirecionar pode ser uma ótima forma de aumentar seus esforços, uma vez que você já tem algo que fez sucesso.

Por exemplo, se você tem um Podcast, você pode transcrevê-lo para o seu blog.

Transcrever um Podcast pode ser meio tedioso e se você puder, você pode querer contratar alguém para fazê-lo para você.

Você sempre pode usar sites como o Fiverr.com.

Como o site ser feito para oferecer ‘trabalhos’ por 5 dólares, pode ser que seja difícil encontrar alguém que transcreva um Podcast inteiro por essa quantia.

No entanto, provavelmente vai ter alguém lá disposto a fazer um acordo com você, pelo qual ele transcreve todo o seu Podcast por uma taxa maior.

Você também pode tentar sites como o Upwork.com —  embora tenha uma chance de que ele possa ser mais caro.

Mas como tudo na vida, é importante relembrar que você sempre tende a ter aquilo que paga.

De qualquer forma, esse post é todo sobre orçamentos e economia, e então, se você estiver nessa situação, você provavelmente terá que fazer isso sozinho.

O jeito mais básico de formatar uma transcrição para o seu Podcast é desta forma.

[Nome do locutor] Minutos:Segundos: O que foi dito.

Se você foi convidado do Podcast de outra pessoa, você pode perguntá-lo se você pode transcrever e postar o conteúdo em seu blog.

Essa pode ser uma ótima forma de trabalhar a cooperação com o apresentador também.

Além disso, você também pode redirecionar o conteúdo do seu Podcast gravando um vídeo da conversa conforme ela for acontecendo.

E então postar esse vídeo no YouTube.

Lewis Howes faz isso efetivamente, com o seu “Podcast sobre a Escola da Grandiosidade.”

image07

Postar no YouTube é uma boa idéia, porque ele proporciona uma outra forma para o seu conteúdo ser descoberto.

Ele também te dá a chance de alcançar pessoas que nunca leriam um post longo em seu blog.

Tenha em mente, no entanto, que você deve colocar um link, na parte da descrição, para uma landing page (como a que nós criamos anteriormente).

Dessa forma, você será capaz de capturar alguns leads.

Você também pode usar comentários para estimular as pessoas a visitarem seu site ou landing page.

Redirecionar webinars é algo que você pode considerar também.

Se o webinar for comandado por outra pessoa, você precisa pedir permissão antes de fazer algumas das sugestões que eu estou prestes a fornecer.

Em todo caso, uma coisa que você pode fazer é pegar os slides do webinar e postá-los no Slideshare.

Essa é uma boa idéia, visto que o Slidshare tem por volta de 70 milhões de usuários  e muitos dos seus usuários e conteúdos são relacionados a negócios.

Observação: Deixe os slides ‘amigáveis para o Slideshare,’  se eles ainda não o forem.

Eu já falei sobre como criar slides efetivos no Slideshare aqui.

Como aquele post mencionou, existe uma opção dentro do Slideshare onde você pode por seus formulários de leads dentro de suas apresentações.

Quando você tiver um orçamento maior, isso pode ser algo a ser levado em consideração.

Além de postar seus slides no Slideshare, você pode também postar a própria gravação do seu webinar no YouTube.

Se você quer publicar vídeos no YouTube que são mais longos do que 15 minutos, você precisa fazer o seguinte.

Faça o login no YouTube e clique em ‘Upload.’

image19

Quando você estiver nesta página, desça até o final e clique em ‘Increase your limit.’

image25

Você passará então pelo ‘processo de verificação da conta.’

image42

Depois de ter feito isso, você verá a tela abaixo.

image40

Agora você pode publicar vídeos que são mais longos do que 15 minutos!

Como já foi dito antes, se certifique de incluir alguns comentários para encorajar o espectador a visitar sua landing page e se tornar um lead.

Quando se trata de redirecionar vídeos do YouTube, nós falamos sobre os pontos principais superficialmente.

Apenas estimule os espectadores, no começo e no final dos seus vídeos, para visitarem sua landing page para que eles possam fazer o download um pouco de um conteúdo de valor.

O conteúdo fornecido pode ser um vídeo extra que vai mais a fundo no assunto ou pode ser uma parte comum de conteúdo que você usa para todos os seus vídeos.

No entanto, assim como com conteúdos melhorados nos blogs, você descobrirá que se você puder proporcionar conteúdos únicos e adaptados, você será capaz de manter uma taxa de conversão mais alta que a média.

Conclusão

Fazer marketing de conteúdo pode ser uma ótima forma de se colocar a frente do seu objetivo de mercado.

Você pode estar se segurando, pois pensa que não é um bom escritor.

Além disso, você pode pensar também que precisa de muito dinheiro para fazer marketing de conteúdo.

No entanto, como nós exploramos nesse post, nenhum dos dois pontos deveria pará-lo.

Você pode facilmente revisar suas habilidades de escrita e você pode muito facilmente fazer marketing de conteúdo com um orçamento limitado.

Na verdade, você nem precisa ser um bom escritor — você apenas precisa achar uma forma de fornecer valor e descobrir oportunidades para compartilhar esse valor.

Agora que você sabe tudo isso, o que falta para você é começar e ver quão longe pode levar as coisas com marketing de conteúdo. Boa sorte!

Como você conseguiu resultados sobre como fazer marketing de conteúdo, mesmo não sendo tão bom na escrita e com um orçamento limitado?

Share