Como Manter o Primeiro Lugar no Google Depois de Atingir o Topo

top sky

Você consegue adivinhar qual é o assunto sobre o qual mais se escreve no nicho de marketing na internet?

Provavelmente, é sobre como conseguir tráfego para o seu site. Basta olhar o número de resultados de pesquisa sobre o assunto.

Eu mesmo já escrevi vários artigos sobre estratégias de marketing que, finalmente, irão lhe ajudar a conseguir mais tráfego. Alguns exemplos incluem guest posting, distribuição de conteúdo, marketing de mídia socialconstrução de backlinks e muito mais.

Construir de tráfego é o pilar de qualquer negócio online, certo? Você não pode executar outras táticas, como otimização de conversão, até que atinja pelo menos 500-600 visitantes/dia (provavelmente mais) em seu site. Seria uma total perda de tempo.

Faça o download deste guia para se manter em primeiro lugar do Google depois de alcançar o topo.

Porém, há um assunto que raramente é discutido em blogs de marketing online:

Como manter o primeiro lugar no Google quando você chegar no topo.

Eu posso imaginar o porquê. O Google favorece as grandes marcas estabelecidas e sites de autoridade em seus resultados. Mas exige um esforço considerável em construir autoridade para ocupar o primeiro lugar no Google. É especialmente difícil para as pequenas empresas desprovidas de tempo, orçamento e recursos.

A Ascend2, em seu relatório de Síntese de SEO, descobriu que a criação de conteúdo relevante é a tática de SEO mais eficaz. Ironicamente, também foi classificada pelos profissionais de marketing como a mais difícil de ser executada. Veja os números exatos no gráfico abaixo.

image01

Esqueça as pequenas empresas. A PJ Fusco relatou que até mesmo a “nata” entre as empresas do ramo, a Fortune 500, tem dificuldades com o SEO orgânico. Conforme sua análise usando o sistema Covario SEO Audit Score™, aqui estão os obstáculos que elas enfrentam na implementação de SEO.

image12

Se você também tem dificuldades com SEO, aconselho a sair deste artigo por um momento, e ler alguns dos meus posts anteriores como: SEO feito de forma simples, pesquisa de palavras-chave, direcionando 20.000 visitantes ao seu site em 90 dias e promover seus posts.

Mas, acredito que a maioria de vocês está em uma posição melhor. Você integrou palavras-chave de cauda longa em seus posts e começou a se classificar na primeira página com pelo menos alguns termos.

Então, o que vem depois? Você permanecerá no topo com a palavra-chave alvo para sempre, mesmo durante uma reformulação do site?

Não.

O tráfego proveniente dos motores de busca é bastante estável. Se você não fizer algo suspeito em seu site, o Google não vai derrubar seus rankings.

No entanto, SEO é um processo contínuo. Você deve observar constantemente sua concorrência, para garantir que as informações em suas páginas não estejam “ultrapassadas”.

O Google ama seus usuários e gosta de mostrar a eles conteúdo relevante, de alta qualidade e atualizado.

Se você “esquecer” de uma página que está bem ranqueada e deixá-la por conta própria, basicamente, você passará uma “imagem ruim” para o seu público e para o Google também.

Com a concorrência cada vez mais feroz transformando a paisagem do marketing de conteúdo (basta olhar em sua volta e você verá que cada marca se tornou geradora de conteúdo), deve-se dar uma atenção especial para aquelas páginas que estão no topo do ranking.

Então, quais são as táticas que você deve seguir para garantir que a classificação do seu site permaneça segura (mesmo durante uma atualização do site)?

Para responder essa pergunta, eu destrinchei o processo completo para você neste artigo.

Está pronto para manter-se competitivo e impedir que o seu site caia em uma crise de tráfego?

Vamos começar!

Qual é o caminho certo para lançar um site renovado? (Dica: o redirecionamento 301 é o ingrediente mais importante)

Vamos começar com o erro mais comum que derruba a classificação e o tráfego de muitos sites:

Não configurar os redirecionamentos corretamente durante a reconstrução do site.

Um exemplo típico de um relançamento terrível de site pode ser visto nas análises da imagem abaixo.

image51

Sim, você viu isso direito.

De 6.000 visitantes/dia para zero.

Aiii!

Essa realmente doeu.

Então, quais são as razões mais comuns que levam a tais falhas durante o redesenho de um site?

Aqui estão 4 questões com dicas para resolvê-las.

1. Não tomar cuidado com o SEO on-page e não procurar oportunidades de palavras-chave escondidas.

Durante um relançamento, você precisa tomar um cuidado especial ao otimizar o conteúdo do seu site. Você precisa procurar oportunidades para aumentar o tráfego, incluindo aprimorar os títulos de suas páginas, ajustar suas metas descrições e atualizar o conteúdo.

image68

Deixe-me compartilhar uma estratégia para uma palavra-chave específica, que utilizei um tempo atrás no Quick Sprout. Eu costumava usar palavras-chave de cauda longa sugeridas pelo Google para as palavras-chave principais que já estavam muito bem classificadas.

image69

Eu integrava essas palavras-chave em meus posts publicados todos os meses.

O resultado?

Fui capaz de aumentar o tráfego do Quick Sprout de 120.365 visitantes em janeiro de 2013 para 174.496 visitantes em dezembro de 2013.

image22

2. Se você está modificando a estrutura URL do seu site, trace um plano perfeito de redirecionamento 301

Do ponto de vista de SEO, esse é o aspecto mais importante de relançamento de um site.

Se você tem um site grande e você alterar a sua estrutura de URL, então você vai perder muito tráfego de seus links de acesso para cada uma de suas páginas. Por isso, você precisa garantir que todas as suas páginas mais antigas façam o redirecionamento 301 para as páginas mais recentes.

Isso garantirá que você mantenha o seu “patrimônio” de pesquisa, perdendo apenas 10-15% do seu tráfego (o que é normal).

image44

A melhor estratégia para evitar essa questão é manter a sua mesma estrutura de URL, tanto quanto for possível.

Porém, se você está se movendo para um novo CMS ou tem uma estrutura de URL ruim, então aqui estão 3 dicas para criar seu mapa estratégico de redirecionamento 301 para URLs reescritas.

image30

Se quiser, pode ler uma análise detalhada do processo de redirecionamento 301 no SEOpoint. John Romaine mostra o processo exato usando o Excel, Screaming Frog, Text Mechanic, Yoast SEO e Notepad.

image58

3. Crie uma página 404 amigável aos usuários para lidar com os picos de erro

Depois de lançar o seu site atualizado, você pode observar em sua análise repentinos picos de erro 404.

image62

Você pode, obviamente, observar quais são as páginas que apresentam o erro e corrigi-las. Mas, também é preciso ter uma página de erro 404 otimizada para garantir que o visitante permaneça em seu site.

Eu vinculei 25-50 páginas internas à página de erro 404 no Techcrunch. O resultado foi um aumento de 9% no tráfego do site em 30 dias.

image00

Você pode até mesmo colocar um formulário de contato em sua página de erro 404, como Bem CooK fez durante o relançamento do website de seu cliente. O resultado foi e-mails de visitantes solicitando as informações que não conseguiram no novo site.

image40

4. Mostre o endereço atualizado do seu conteúdo para os mecanismos de busca, reenviando seu sitemap XML

Os robôs do Google precisam de uma “mão” sua para indexar os novos locais de URL do seu conteúdo. Primeiro você precisa verificar o seu arquivo “robots.txt” e confirmar a permissão para que os mecanismos de busca indexem o seu site. Você também vai querer ter certeza de que todo o seu site esteja indexado.

image25

Em seguida, configure o seu sitemap no local adequado a partir do arquivo.

Você pode enviar seu sitemap navegando em:

“Webmaster Tools> Crawl> Sitemaps”.

Se quiser ajudar ainda mais os motores de busca com a indexação, você também pode usar múltiplos sitemaps XML.

A Razzoo obteve um aumento no tráfego orgânico após a implementação de vários sitemaps.

image46

Quer saber como?

O número de páginas enviando tráfego e o número de palavras-chave que enviam tráfego de busca orgânica aumentaram.

image61

Kate Morris mostra como implementar múltiplos sitemaps XML neste artigo.

Se seguir as 4 estratégias que menciono acima, então você provavelmente vai manter a perda de tráfego orgânico abaixo de 5%.

image23

Acompanhe as atividades de marketing de seus concorrentes regularmente e faça melhor que eles

Talvez não saiba, mas seus concorrentes podem ter estabelecido parcerias com marcas em seu setor, para obter ajuda por meio do marketing de mídia social. Ou talvez eles tenham descoberto sites de alta reputação propícios para backlinks de pontuação.

A boa noticia é que agora você não precisa fazer o trabalho pesado. Basta acompanhar a frequência com que seus concorrentes publicam, os links que eles atraem e os trabalhos de marketing de mídia social que realizam.

Se você ficar a par das atividades de marketing de seus concorrentes, você pode superá-los e manter seu primeiro lugar no Google.

Eu sei que é demorado para logar em várias ferramentas e sites, então eu separei uma lista com 4 ferramentas que você pode usar para superar a estratégia de marketing de seus concorrentes.

1. Ahrefs

Quando se trata de ranking, backlinks ainda desempenham um papel vital.

image50

Ahrefs é a ferramenta perfeita para descobrir novos domínios de referência associados aos seus concorrentes.

Vá até o Ahrefs.com, digite a URL do seu site em “Site Explorer e clique no botão “Search Links”.

image34

Você verá um gráfico dos domínios de referência e backlinks.

image77

Para encontrar os novos links, utilize o menu de navegação para chegar em “Inbound Links >> New”.

image45

Você obterá uma lista de links para o domínio.

image73

É possível medir a autoridade dos backlinks usando métricas como classificação de domínio e classificação de URL.

Se você está construindo/atraindo backlinks de qualidade para sua página que está em primeiro lugar no Google, ambas as pontuações devem continuar a aumentar com o tempo.

image56

Também é possível configurar as notificações de email em seu painel Ahrefs.

image71

Você receberá um relatório com novos domínios de referência e backlinks do seu site (ou de seus concorrentes).

image27

Se ao analisar os backlinks do seu site, você suspeitar que esteja sob um ataque de SEO negativo, então:

A assinatura premium do Ahrefs pode ajudá-lo a rejeitar backlinks com spams, ao carregá-los em massa no Google Webmaster Tolls.

image19

2. SERPFOX

Seu tráfego proveniente de palavras-chave principais (com milhares de buscas por mês) provavelmente estará abaixo de 15-20% do total. 91% do meu tráfego no Quick Sprout foram a partir de palavras-chave de cauda longa.

No entanto, as palavras-chave de maior volume de pesquisa são como um controle de qualidade para a sua estratégia de SEO. Elas ajudam no julgamento dos 3 aspectos importantes a seguir.

A SERPFOX é uma ferramenta brilhante para rastrear a classificação de palavras-chave. Você pode facilmente manter sua página no primeiro lugar no Google com ajuda dela.

Para começar, adicione a sua URL.

image16

Em seguida, clique em “Add Keywords.”

image47

Digite as palavras-chave que deseja pesquisar na caixa “keywords”. Se preferir, pode localizar as palavras-chave em uma determinada cidade/código postal ou em vários países e mecanismos de busca.

image49

Depois de adicionar algumas palavras-chave, você verá a classificação no seu painel.

image70

Se quiser, pode clicar no ícone do gráfico para visualizar as alterações de ranking ao longo do tempo.

image24

É possível também ser notificado quando houver alterações no ranking de palavras-chave. Basta configurar o mesmo.

image74

A SERPFOX também consegue localizar rankings de palavras-chave para dispositivos móveis e tablets.

image03

3. Buzzbundle

A promoção de conteúdo é a parte mais essencial de qualquer estratégia de SEO. A Buzzbundle é uma ferramenta que economiza tempo para encontrar o seu público-alvo e engajar-se em conversas relacionadas às palavras-chave específicas.

A ferramenta pode ser usada para encontrar, em vários canais, pessoas que compartilhem e estejam interessadas em seu tipo de conteúdo.

Para começar, instale a ferramenta e clique em “Create New Project >> Create New Stream”.

Em seguida, digite as palavras-chave e URLs que deseja rastrear.

image59

Quando a ferramenta carregar, irá se estender uma lista de mídias sociais, blogs, sites de perguntas e respostas, fóruns e muito mais com conteúdos que incluem as palavras-chaves rastreadas.

image31

Você pode entrar em contato com pessoas relevantes ao conteúdo que você já escreveu (compartilhando o link para o seu post).

image15

Ou, até deixar o link para seu artigo em posts sobre o assunto em fóruns relevantes.

image06

Também é possível personalizar os resultados que deseja exibir, com base em seus tipos.

image75

Podendo até mesmo filtrar por posts de mídias sociais com maiores índices de engajamento.

image07

A Buzzbundle desempenhou um papel vital ajudando Robbie Richards a aumentar o tráfego de seu site em 272% em 30 dias.

image63

4. Simply Measured

Essa é uma ferramenta que abrange análises de mídias sociais. Você pode usá-la para encontrar as principais e mais influentes fontes de tráfego para o seu site dentre as mídias sociais.

image72

Também pode-se obter gráficos úteis do crescimento de sua audiência nos canais sociais.

image36

E também um relatório final para você saber como está se saindo diante de suas metas de presença social em um determinado período de tempo. A ferramenta também possibilita incluir concorrentes de negócio para comparar seu desempenho.

image76

Se desejar monitorar sua concorrência em mídias sociais, então você pode ver o seu desempenho, utilizando métricas como engajamento, mudança no número de seguidores com o passar do tempo, taxa média de resposta e muito mais.

image17

É possível também conectar uma conta de alguma mídia social de um concorrente seu dentro de um conjunto de ferramentas gratuitas no Simply Measured para começar imediatamente.

image33

Mantenha o ritmo do seu marketing de conteúdo e certifique-se de que você tenha uma boa presença nas mídias sociais.

Você acha que eu constantemente me envolvo na divulgação de e-mails para construir links para os vários blogs que administro?

Não.

Essa não seria a melhor maneira de utilizar o meu tempo.

Então, como eu fico no topo dos rankings de busca, mesmo para os novos artigos que publico?

Você já deve saber que cada novo backlink de autoridade para o seu site ajuda a melhorar a autoridade do seu site em geral, ajudando também suas páginas já classificadas atualmente.

Em vez de focar todos seus esforços em promover o seu conteúdo antigo, há outra maneira de permanecer no topo do jogo do marketing de conteúdo.

Ao impulsionar conteúdo de alta qualidade de forma consistente.

Existem 3 grandes benefícios nessa abordagem.

  • Você vai entregar valor para sua audiência e sua marca permanecerá para sempre em suas mentes.
  • Você pode criar links para artigos antigos e relevantes em seu blog. Isso irá ajudá-lo na classificação de palavras-chave de cauda longa sem a necessidade de construir links externos (backlinks).
  • Se você publicar mais de 16 posts por mês, o tráfego será 3,5x maior e os leads gerados serão 4,5x maior que dos sites que publicam menos de 4 posts por mês.

image48

Esses benefícios, juntamente com a minha paixão pela escrita, me dão motivação todos os dias para escalar meus negócios com marketing de conteúdo.

Não há muito o que fazer com um baixo volume de conteúdo. Se você publicar conteúdo com baixa frequência e de forma inconsistente, poderá haver uma queda no tráfego. O Buffer teve uma queda de 4% no tráfego quando parou de publicar conteúdo por um mês.

image66

Então qual é o segredo para manter o ritmo do seu marketing de conteúdo?

Aqui estão 3 estratégias.

1. Diversificar o formato de conteúdo em seu blog de forma consistente

Escrever sempre o mesmo tipo de conteúdo pode ficar chato para você e tornar entediante a experiência de leitura do seu público.

Experimente criar infográficos, podcasts, vídeos, conteúdo de longa duração e outros tipos de conteúdo.

Por exemplo, eu costumava publicar vários infográficos, tanto no kissMetrics quanto no Quick Sprout. No KISSmetrics, publiquei 47 deles entre 2010 e 2012. Isso me ajudou a atrair 2.512.596 visitantes e 41.142 backlinks de 3.741 domínios únicos.

Da mesma forma, com o Quick Sprout, cada infográfico gerou 41.487 visitantes e 469 backlinks de 38 domínios únicos, em média. Mas isso é 35% a menos de tráfego do que dos meus posts baseados em texto. Um grande benefício que recebi dos infográficos, no entanto, foi um salto nas buscas pela marca Quick Sprout.

image52

Não demorou muito, os infográficos perderam o brilho e eu estava gerando menos da metade do número de visitantes e backlinks provenientes deles no KISSmetrics. No entanto, a Unbounce descobriu que a demanda por infográficos aumentou mais de 800% em 2013 e 2014.

image43

Como resultado, eu voltei para o conteúdo de formato longo, com média de mais de 4.000 palavras por post no Quick Sprout e também no NeilPatel.com. Os resultados foram ótimos, eu comecei a receber tráfego derivado de milhares de palavras-chave de cauda longa.

Brian Dean também oferece uma variedade de conteúdo no Backlinko, incluindo seus métodos originais,

image54

estudos de caso de suas técnicas de SEO,

image04

e listas de ferramentas que são úteis para profissionais de marketing.

image55

Recentemente, ele reuniu em uma análise original de 1 milhão de resultados de buscas do google, juntamente com Eric Van Buskirk do ClickStream.

image60

Sua audiência gostou muito.

image67

2. Aumente sua lista de e-mail, tráfego de referência e a audiência de suas mídias sociais através de guest posting

Guest blogging é uma poderosa ferramenta de marketing de conteúdo que tem o potencial de oferecer uma exposição incrível para a sua marca. Jeff Goins conseguiu cadastrar mais de 10.000 assinantes em sua lista de e-mail em 18 meses através de guest posting.

image29

Eu já escrevi mais de 300 guest posts para obter um tráfego significativo e expandir a audiência do meu blog. Veja os leads qualificados que eu gero a partir de instituições e empreendedores, todos os meses, através de artigos que eu escrevo como convidado.

image32

Se o seu guest post for incrível, então você também pode ganhar novos seguidores nas mídias sociais. Basta colocar o seu Twitter em sua assinatura de autor.

image79

Mandy Kilinskis conseguiu atrair novos seguidores no Twitter depois de seu primeiro guest post no Buffer.

image14

Alguns blogs de autoridade também permitem vincular links de artigos com contextos relevantes em seus sites através do guest post. Se feito de forma consistente, você também verá um aumento no tráfego proveniente de palavras-chave de cauda longa. Sendo assim, você também pode esperar benefícios de SEO.

Eu já escrevi artigos detalhados ensinando a começar do zero campanhas de guest blogging. Você pode ler este artigo no NeilPatel.com/Br ou este no Quick Sprout.

3. Construa a sua autoridade nas mídias sociais

Há uma discussão atualmente sobre se as mídias sociais ajudam ou não em suas classificações de pesquisa.

Eu diria que há pelo menos uma correlação entre ambas.

Adicionando ações sociais em seu post, você obterá mais tráfego. Se você oferece uma boa experiência de usuário, então o seu site apresentará um bom tempo on-page e uma baixa taxa de rejeição. Você acha que isso pode ajudar em seu ranking de busca?

A Moz não estava se classificando com o seu guia de SEO para iniciantes. Mas, apenas um tweet da Smashing Magazine ajudou-os a saltar para a primeira página com a palavra-chave “guia para iniciantes”.

image37

Meus seguidores no Facebook, Twitter e outras redes sociais contribuem significativamente no direcionamento de tráfego e links para cada post que eu publico.

Se você construiu uma boa presença nas mídias sociais, suas contas sociais também aparecerão nas página de resultados dos mecanismos de busca, o que é uma ótima exposição para sua marca.

image42

Então, como manter uma boa presença nas mídias sociais?

Através do compartilhamento consistente de conteúdo relevante e interessante em suas contas sociais. Existem 2 ferramentas que o ajudarão na execução dessa estratégia.

A primeira é a BuzzSumo, para encontrar conteúdo popular em seu nicho.

image28

Então, use o Buffer para agendar atualizações de mídias sociais regularmente a partir de suas contas. Você pode compartilhar seus posts mais antigos repetidamente para duplicar ou até mesmo triplicar o tráfego derivado de suas mídias sociais.

image05

Se você quiser uma análise mais detalhada, então leia o meu artigo sobre estratégias de mídia social.

Esqueça a construção de backlinks e outros alvoroços em torno do SEO. Coloque os usuários em primeiro lugar.

É engraçado como a maioria dos profissionais de marketing gostam de complicar suas metas de negócio. Eles continuam insistindo em táticas sem pensar no ROI e no tempo que perdem.

Sua prioridade como proprietário de um negócio deve ser proporcionar uma experiência incrível para os visitantes do seu site.

Certo?

Por que motivo eles se dariam ao trabalho de visitá-lo novamente? Até o Google adotou uma postura de experiência pró-usuário. Ele mostra isso em seus rankings.

Quer um bom exemplo?

Dê uma olhada no resultado número 1 para o termo “marketing online”.

image57

Você verá esse resultado, que não me deixa mentir, ocupando o primeiro lugar no Google. E eu estou batendo marcas como Entrepreneur e Wikipedia.

Qual você acha ser o motivo número um que levou ao sucesso do guia?

Eu gastei $ 40.000 para contratar um designer profissional e uma especialista no assunto para escrever o guia. Abra o guia e veja a qualidade por si mesmo.

Sendo assim, no contexto de manter seu ranking de busca, quais são os passos que você pode seguir para garantir uma experiência de usuário incrível? Aqui estão 5.

1. Certifique-se de que seu site carregue rapidamente

A velocidade de carregamento do seu site é um fator crítico de classificação nos mecanismos de busca do Google. É muito irritante para o usuário ter que esperar os elementos de sua página aparecerem. É por isso que você perde 7% das conversões para cada segundo de atraso na velocidade de seu site. Ficou surpreso?

Então, não deixe que os visitantes novos abandonem o seu site. Faça login na ferramenta Page Speed do Google e verifique a pontuação de sua velocidade.

image53

Você verá recomendações para corrigir seu site tanto em desktop quanto em mobile. Leia também o meu guia sobre como melhorar a velocidade e o desempenho do seu site.

2. “Design Responsivo” é mais do que uma “modinha”: Otimize seu site para usuários móveis

A menos que você esteja vivendo em uma caverna, já deve estar ciente da importância de ter um design otimizado para dispositivos móveis.

Os usuários não acessam mais o seu site apenas de desktops. Eles também usam seus smartphones e tablets.

Você pode descobrir quais os dispositivos que a maioria de seu público usa logando em sua conta do Google Analytics (GA).

image18

Proporcione uma ótima experiência de usuário, ao menos, no dispositivo móvel mais utilizado pelos seus visitantes. Use o Mobile Phone Emulator para replicar diferentes tipos de dispositivos móveis e navegadores.

image38

O Google oficialmente declarou guerra contra sites que são, literalmente, uma dor para os usuários de dispositivos móveis. Se seu site for lento, aparecerá um ícone “lento para carregar” no resultado de busca móvel, matando o seu CTR.

image39

Se ele for otimizado para dispositivos móveis, você verá um ícone “mobile-friendly”.

image80

3. Otimize suas meta tags e aumente sua taxa de cliques

Se o seu site continua aparecendo no primeiro lugar do Google, mas também continua sendo ignorado pelos usuários, provavelmente você perderá sua classificação.

Isso se chama pogo sticking, e para o Google é um sinal de que os usuários não estão encontrando as informações que estão procurando.

image20

Páginas que são irrelevantes para a consulta de pesquisa dos usuários, tendem a ser empurradas para baixo. Como você deu duro para chegar ao topo, não prejudique a imagem de sua marca deixando sua classificação escapar.

Entre em seu Google Webmaster Tools. Descubra as palavras-chave que estão recebendo o maior número de impressões e cliques para seu site.

image41

Em seguida, encontre as páginas de conteúdo associadas a essas principais palavras-chave e otimize as meta tags dessas páginas. Aqui estão os dois passos que você deve seguir.

image65

Faça um título de 65 caracteres relevante e persuasivo.

Use os 160 caracteres disponíveis para meta descrição para mostrar informações específicas e atraentes para o usuário.

image09

Para mais dicas sobre CTR, leia meu artigo sobre como melhorar sua taxa de cliques.

4. Atualize sua página web, incorporando táticas de copywriting ou informações atualizadas

Quando o usuário estiver em sua página web, você vai querer que ele se envolva com o seu conteúdo e permaneça o maior tempo possível nela. Até mesmo, espera que ele visualize outras páginas relevantes.

As métricas correspondentes utilizadas pelos mecanismos de busca para medir o engajamento no seu site são sua taxa de rejeição, páginas por visitante e o tempo on-page.

image08

Então, como melhorar a experiência de conteúdo de suas páginas web?

Permita-me compartilhar 2 estratégias:

i. Atualize o conteúdo e promova-o novamente nas mídias sociais. Eu segui essa estratégia com o meu artigo sobre como obter mais seguidores no Instagram.

Ele costumava obter 121.550 visitantes do Google.

image64

Então minha classificação e, consequentemente, o tráfego para esse artigo caiu para 14.952 visitantes.

Pensei em atualizar o conteúdo com mais informações novas.

O resultado?

Dentro de 90 dias, o tráfego disparou para 62.855 visitantes/mês.

Naturalmente, o tráfego cairá novamente ao longo do tempo, porém, mais visitantes e interação em suas páginas podem ajudar a manter o seu ranking por um bom período de tempo.

ii. Use a estratégia Bucket Brigades – Brian Dean utiliza o sinal de dois pontos toda vez que acha que o usuário vai pressionar o botão “voltar”.

image35

Com essa velha estratégia utilizada por escritores em cartas de vendas, ele tem sido capaz de reduzir sua taxa de rejeição e alcançar uma incrível média de tempo on-page. Seu tempo médio em todo site é de um pouco mais de 4 minutos. Isso é um tremendo sinal positivo de classificação para o Google.

image02

5. Realize uma auditoria interna de links e certifique-se de que você tenha colocado o conteúdo que é o “pilar” do seu site na frente e no centro.

A maioria dos donos de sites não executa essa etapa.

Portanto, se você tem um monte de conteúdo consistente:

Criar links internos relevantes pode ajudá-lo a melhorar o ranqueamento (page-rank) e o desempenho de outras páginas de seu site, podendo também diminuir a sua taxa de rejeição, aumentar a rastreabilidade e ajudar o SEO do seu site em geral.

image11

Eu compartilho regularmente links para meus melhores artigos para ajudar a minha audiência a obter mais informações e navegar facilmente através do meu site.

image10

Você pode até mesmo aumentar a classificação de uma landing page nos resultados de busca vinculando-a em uma página de alto desempenho.

Sabe por que a maioria dos meus guias no Quick Sprout se classificam na primeira página do Google para suas palavras-chave alvo?

É porque eu vinculo os links aos meus artigos.

Além disso, para um novo visitante do blog, eles estão sempre acessíveis, bastando apenas o clique de um botão. Eu coloquei-os na barra lateral à direita no Quick Sprout e também aqui no NeilPatel.com/Br. Afinal, eles não podem ser desperdiçados.

image26

Se você também criou tais conteúdos para o seu público, definindo-os como “pilar” central de seu blog, considere colocá-los em um local que exija apenas um clique de seus visitantes para acessá-los. Eles funcionarão como uma forma de “tração” para os novos visitantes de seu site.

Conclusão

Com as constantes mudanças nos algoritmos, manter-se em primeiro lugar no Google pode parecer um desafio. Mas você só precisa monitorar sua concorrência, continuar a investir no marketing de conteúdo e garantir uma experiência de usuário magnífica para os visitantes do seu site.

Mesmo durante um relançamento do site, você não precisa perder bastante tráfego orgânico se planejar sistematicamente. A Moz foi realmente capaz de aumentar suas métricas de engajamento mesmo durante uma grande reformulação.

image21

Por fim, quero saber o que você pensa sobre o assunto. Você já sofreu pela perda de tráfego em seu site e foi capaz de recuperar? Quais são as estratégias que você usa para se manter no primeiro lugar do Google? Conte para nós!

Share