Vendas pela Internet: 5 Técnicas de Vendas Avançadas do Shopify

image50

Shopify alcançou uma enorme taxa de crescimento em apenas três anos com vendas pela internet. Ele ultrapassou US$ 7 bilhões em volume bruto de mercadoria, e conta atualmente com mais de 150.000 proprietários de lojas.

Um dos fundadores do Shopify, Tobias Lutke, ficou insatisfeito com as soluções de comércio eletrônico existentes. Juntamente com os co-fundadores Daniel Weinand e Scott Lake, ele criou o site inicial.

Para criar uma empresa espetacular, você tem que estar insatisfeito com o que os concorrentes estão fazendo, e ver o que é possível.

Faça o download destes passos práticos que você pode seguir para aumentar as vendas pela internet em 10x em menos de 3 anos.

Paul Zane Pitzer pode ter tido razão quando disse que você deve “começar seu próprio negócio quando você é um cliente insatisfeito.”

A importância de um grande serviço ao cliente nunca pode ser mais enfatizado. É verdade que 96% dos clientes insatisfeitos não vão reclamar, e ainda que mais de 90% dos clientes insatisfeitos não vão voltar. Por outro lado, uma experiência do cliente extraordinária constrói lealdade.

O Shopify sabe que experiências ruins dos clientes se espalham como fogo, e podem, eventualmente, matar um negócio. É por isso que eles colocaram o serviço ao cliente como prioridade.

image62

Dito isso, vamos analisar as cinco estratégias que ajudaram o Shopify a melhorar as vendas pela internet, crescendo 10x em três anos:

Estratégia de Vendas pela Internet #1:  Growth Hack 

Craig Miller, Diretor de Marketing do Shopify, acredita que você deve substituir a palavra “marketing” por “crescimento“.

image64

Growth hacking é tudo relacionado à procura de maneiras criativas de usar a tecnologia para adquirir clientes felizes para um excelente produto, todos em serviço do crescimento.

Um growth hacker é uma pessoa cujo verdadeiro norte é o crescimento. Tudo o que fazem é projetado para produzir crescimento escalável. – Sean Ellis

Se suas atividades diárias não conduzem ao crescimento do negócio, então você não é growth hacker.

Depois de seis meses de promoção do sistema de email baseado no Hotmail, os desenvolvedores Sabeer Bhatia e Jack Smith tinha gerado seus primeiros milhões de usuários. Dentro de 17 meses após isso, eles cresceram para 12 milhões de usuários – e venderam o software para a Microsoft.

image04

O Growth hacking foi introduzido pela primeira vez por Sean Ellis, fundador da Qualaroo e GrowthHackers.com. Ele explicou o termo usando uma pirâmide:

image17

Como é que o Shopify cresceu para mais de 150.000 proprietários de lojas? Eles permitiram que os usuários construíssem sua primeira loja online sem pagar um centavo por 14 dias.

image30

O período de teste grátis do Shopify fornece todas as características que um construtor típico de lojas virtuais deve ter para melhorar as vendas pela internet.

Mas aqui está o diferencial: No final desse período de teste gratuito, é quase impossível para os usuários deixarem suas lojas online desligadas.

Eles normalmente colocam muito trabalho, procurando por fornecedores de produtos, fazendo as primeiras vendas e melhorando os rankings de busca por palavras-chave populares.

O teste gratuito é um growth hack popular. De acordo com VWO, GetResponse aumentou suas conversões em 158% ao adicionar um botão de ação “Teste GetResponse – GRÁTIS por 30 dias” na sua página inicial.

image72

Surge Lab constatou que BigContacts aumentou as visitas na sua página de cadastro para o teste gratuito em 56%. E eles pretendem continuar os testes para determinar o CTA certo para o seu público-alvo, diz Bob Walton, fundador da Big Contacts.

image21

Muitas empresas de SaaS estão utilizando botões de ação “Testes Grátis” para melhorar as vendas pela internet. Conversion rate optimization foi além de testar as formulações sobre o botão CTA. Você também tem que testar cores, posicionamento e estilo (por exemplo, bordas curvas contra arestas cortantes).

Freshbooks também usa um CTA “Teste Gratuito” para solicitar aos usuários a testar o seu produto livre de risco. Se eles não gostarem dele por alguma razão, eles não têm nenhuma obrigação de continuar.

image35

Embora a estratégia de “teste gratuito” funcione bem para empresas SaaS (software como serviço) e desenvolvedores de aplicativos, ela pode não funcionar para todos os negócios.

No entanto, se você for um infoprodutor, profissional de marketing de conteúdo ou blogueiro, você pode ainda fazer growth hack, permitindo que os clientes testem seu produto premium.

Se você é um autor, você poderia liberar capítulos grátis do seu livro e incluir um botão de ação para comprar o livro inteiro no final. Ou você poderia dar uma versão em áudio, de modo que as pessoas possam ouví-la ao dirigirem.

Oferecer capítulos grátis pode aumentar as vendas de livros. Isso é exatamente o que Nathan Barry faz com o seu livro O Manual de Design para Apps.

image33

Um exemplo típico de growth hacking para autores é o recurso “preview” da Amazon, permitindo que os compradores pré-visualizarem as primeiras páginas de qualquer livro. Autores inteligentes terão uma abertura forte, que convence os leitores a fazer um pedido.

image37

Michael Stelzner também dá um capítulo livre do seu livro, Launch, que já gerou mais de 100 avaliações na Amazon até o momento.

image69

E se você estiver vendendo um curso online, em vez de um livro?

Bem, aprenda com Guillermo Ziegler. Ele usou o ZippyCourses de Derek Halpern para oferecer um curso online gratuito aos seus leitores. Isso, por sua vez, adicionou mais de 1.700 clientes potenciais qualificados para sua lista de email.

Estratégia de Vendas pela Internet #2: Foque em Pequenas Vitórias e Escalabilidade

Eu acredito fortemente que qualquer um pode começar um negócio online a partir do zero e começar a ganhar US$ 100.000 dentro de um ano, se eles se concentrarem em pequenas vitórias e, em seguida, escalar ou expandir a partir daí. Afinal, o Shopify não começou com milhares de usuários.

À medida que começou a entregar uma experiência de usuário de alto nível, o boca-a-boca positivo trouxe mais usuários.

Isso é como fazer crescer um negócio bem-sucedido. Defina um grande objetivo, mas tenha planos para ajudá-lo a atingir esses objetivos com pequenos passos. De acordo com Daniel Goleman, “pequenas vitórias” acrescentam para o sucesso e, finalmente, para grandes resultados.

image60

Por exemplo, se você quiser 20.000 visitantes orgânicos por mês, quebre esse número em uma meta diária.

20.000 dividido por 30 dias = 666.67 visitantes/dia

Focar em 667 visitantes por dia é uma jornada mais fácil e mais interessante. Ao escrever guest posts em blogs de autoridade e publicando de forma consistente artigos detalhados uma vez por semana, você vai bater o seu objetivo a tempo – um dia de cada vez.

image13

Conseguir o endereço de email de um cliente potencial é uma pequena vitória que pode se traduzir em uma transação significativa, quando você estabelecer e consolidar um relacionamento.

Em seu próprio negócio online, você pode se concentrar em pequenas vitórias compreendendo os processos que levaram a qualquer pequeno resultado que você conseguiu. Em seguida, você pode repetir e aumentar seus esforços para aumentar seus ganhos.

Se você é um blogueiro, e as pessoas estão deixando comentários, mas não compram de você, já pode ser comemorado. O próprio fato delas deixarem um comentário valioso significa que elas estão interessadas no que você está dizendo.

Talvez você só precise se relacionar mais com elas, e melhorar a experiência. As pessoas vão voltar, assinar sua lista de email, e eventualmente comprar de você.

Marie Forleo tem um carisma irresistível. Ela também está focada em pequenas vitórias que resultam em responder as perguntas dos leitores toda terça-feira.

image38

Jonah Berger, um autor de best-sellers do New York Times, também se concentra em pequenas vitórias com seus livros. Em seus posts, ele leva uma única ideia e se expande com novos insights ou abordagens num ângulo único.

image79

Estratégia de Vendas pela Internet  #3: Usar o Google Analytics para Conseguir Insights

Quando os clientes compartilham suas histórias, eles não estão apenas compartilhando suas dificuldades. Eles estão, na verdade, te ensinando como melhorar o seu produto, serviço e negócios. O Atendimento ao Cliente da sua organização deve ser projetado para se comunicar de forma eficiente essas questões. – Kristin Smaby, “Ser humano é um bom negócio

A sua empresa tem um sistema para determinar o que os clientes pensam sobre os produtos e serviços? Conseguir insights dos clientes é crucial no crescimento de qualquer negócio.

image11

O autor inglês Lewis Carroll disse uma vez que “se você não sabe para onde está indo, qualquer estrada vai te levar lá.” Isto é verdade tanto na vida e como nos negócios.

Você tem que aproveitar as análises dos seus clientes para ganhar conhecimentos cruciais sobre o que eles estão procurando para que possa atender às suas necessidades.

Você pode usar uma estratégia de multicanais para reunir insights dos clientes, tais como o envio de questionários, entrevistas um-a-um, telefonemas, email marketing, aplicativos, SMS, chat, e assim por diante. Não se esqueça do monitoramento de mídia social para as principais plataformas (Facebook, LinkedIn, Instagram, YouTube).

image49

Shopify fornece uma solução essencial de loja online, mas até que eles ganhassem uma visão do cliente sobre seu produto, eles não cresceram. Uma vez que conseguiram os dados dos clientes, eles o traduziram em ação e viram os resultados.

image84

 

O Shopify também usa os dados do cliente em seu conteúdo. Depois de entrevistar os donos de lojas de comércio eletrônico, eles publicam essas perguntas e respostas em uma página especial, com a tag “histórias de sucesso”.

image71

Aqui está um trecho da história de sucesso acima. Observe como a pergunta foi formulada, e a resposta do Greats’ Founder:

image05

O Shopify pode estar animado com os resultados que seus clientes estão conseguindo, mas também compreendem as suas necessidades, porque eles também estiveram lá. Eles se lembram quando lutavam para atrair clientes.

JCPenney lutou por muito tempo para atrair clientes e melhorar suas vendas pela internet. Em 2012, ela registrou um prejuízo no quarto trimestre de US$ 427 milhões. As vendas tinham diminuído em 28% em relação ao ano anterior.

image68

A perda foi significativa. Dê uma olhada na queda do lucro:

image23

Eles alteraram continuamente seus preços e, em seguida, removeram descaradamente a única característica que lhes deu vantagem competitiva: seus preços de venda. Não demorou muito antes que os clientes abandonassem a loja completamente.

Tudo se resume ao atendimento ao cliente. Se você gerencia um restaurante, clientes insatisfeitos não vão voltar para outra refeição.

image15

Então – após dois anos de perdas maciças – a JCPenney mudou as coisas ao redor. O valor das ações aumentou em 16,1% e eles esperam ganhar cerca de US$ 2 bilhões até o final do ano.

image43

Aqui estão algumas das maneiras que você pode usar o Google Analytics para coletar dados valiosos de seu público-alvo e com isso melhorar suas vendas pela internet:

1). Confira as palavras-chave ativas: De acordo com HubSpot, 44% dos compradores online procurando por marcas específicas vão iniciar o processo de compra com uma pesquisa palavra-chave.

Para os clientes, o motor de busca é uma ferramenta para conseguir as informações corretas sobre um determinado produto.

image66

Essas palavras-chave são de grande importância para os clientes. Se você conseguir identificar e otimizar o seu conteúdo em torno destes termos, você vai começar ter um bom posicionamento no Google, especialmente quando você se concentrar na intenção do usuário.

image16

Palavras-chave ativas são os termos de busca que seus clientes estão digitando atualmente no Google. Se eles não conseguem obter a informação que estão procurando, eles vão voltar no dia seguinte com as mesmas consultas de pesquisa.

Você precisa rastrear as palavras-chave ativas que suas páginas estão classificando nos motores de busca. Estas frases-chave ativas que estão enviando clientes para o seu site podem lhe dizer qual é a intenção do cliente — por exemplo, se eles estão pesquisando ou estão dispostos a comprar.

Siga estes passos para encontrar suas palavras-chave ativas:

Passo #1: Visite SEMrush. Insira a URL do site e clique no botão “Pesquisar”. Nosso exemplo usa dodocase.com.

image08

Passo #2: Analise suas palavras-chave ativas. Role a página de resultados, e você vai encontrar as palavras-chave que você está posicionando. (Você também pode usar URL de um concorrente para fazer a mesma análise).

Aqui estão as palavras-chave ativas que os clientes da Dodocase estão buscando:

image29

Então, se você é o dono Dodocase, você saberia que seus clientes estão procurando essas palavras-chave todos os dias. Você não teria que reinventar a roda. Em vez disso, você pode simplesmente criar mais e melhores avaliações de produtos em torno dessas palavras-chave que já são lucrativas.

Não tente manipular os rankings, mas concentre-se na criação de uma melhor experiência do usuário com seu site que irá ajudá-lo a atrair clientes e a aumentar as vendas pela internet.

2). Conheça os seus concorrentes: Auditoria competitiva é outro método de ganhar insights dos clientes.

Afinal, se os clientes não estão no seu site, então eles estão em outro lugar – muito provavelmente, nos seus concorrentes. Com muito pouco esforço, você pode identificar as estratégias e ser mais esperto que eles.

Por exemplo, o Shopify não é o único construtor de lojas online. Seus principais concorrentes agora incluem Bigcommerce e Volusion.

Usando a inteligência competitiva, você pode analisar cada passo da estratégia de vendas pela internet que seus concorrentes têm. Basta seguir estes passos simples:

Passo #1: Visite Similarsites.com. Na página inicial, insira a URL do site na busca. Pressione “Enter” ou clique no ícone de pesquisa.

image61

Passo #2: Verifique sites semelhantes que oferecem os mesmos produtos e serviços. Aprenda como eles cresceram e como você pode fazer melhor que eles.

image44

Toda empresa deve monitorar o que seus concorrentes estão fazendo. Se você possui uma loja online, você economiza tempo e esforço sabendo quais os passos que seus concorrentes tomaram.

O Shopify tem uma lista de perguntas e respostas ao procurar insights dos clientes:

image78

OpenLinkProfiler: Você pode descobrir exatamente onde seus concorrentes estão recebendo backlinks e os textos âncora que eles estão usando. Isto pode ser muito útil quando você está tentando melhorar seus rankings do Google.

Então, vamos auditar um dos sites que recebemos do Similarsites.com.

image09

Vá ao Openlinkprofiler.org. Na página inicial, insira a URL do site e clique em “Analisar backlinks.”

image18

Você terá uma visão geral do seu concorrente e do mercado que está fazendo links para ele.

Role a página para ver os sites que linkam para seu concorrente. Seu objetivo é identificar sites de autoridade e de alto valor, em seguida, se esforçar para conseguir links naturais deles para você mesmo.

image06

Todos os dados que você consegue a partir das pesquisas de clientes ajudam a prospectar, adquirir, reter e se comunicar com clientes que, por sua vez se tornam embaixadores da sua marca. É uma reação em cadeia, onde um passo leva a resultados notáveis.

image54

Nota: Você pode conseguir insights dos clientes por meio do envio de emails e fazendo uma pergunta aberta, convidando-os a expressar suas opiniões e observações. Aqui estão alguns exemplos de perguntas abertas que você poderia fazer:

O que você acha sobre o nosso (nome do seu produto)?

A partir de qualquer ângulo, qual aspecto do (seu produto) você acha que devemos melhorar?

As perguntas abertas podem ir mais longe do que “o quê, onde, quem” – eles podem te fornecer todos os aspectos das respostas que você está procurando.

Mais importante ainda, use a segmentação de emails para obter as melhores ideias e feedback dos seus clientes. Quando suas listas de contato com o cliente são segmentadas, você recebe o benefício do envio de mensagens, perguntas e conteúdos adaptados especificamente para eles.

3). Aumente o tempo dos usuários no site: A maioria dos proprietários de sites pensa que a aquisição de novos clientes é a melhor maneira de crescer um site ou negócio online. Em vez disso, você deve se concentrar em aumentar sua taxa de conversão.

Mesmo com menos de 200 visitantes por dia, você pode escalar um negócio bem-sucedido se você conseguir aumentar o tempo de cada usuário no seu site.

Usuários do Shopify passam mais tempo no site, por causa dos recursos adicionais que o site fornece para educar os usuários e lhes mostrar como começar pelo caminho certo.

image42

Criando guias detalhados sobre vários temas que são relacionados ao seu produto ou serviço é uma ótima maneira de aumentar o envolvimento dos usuários no seu site.

Meus guias avançados têm gerado mais backlinks do que qualquer outro artigo em meu blog.

image82

E desde que eu adicionei um link para meus guias avançados na barra lateral do meu blog, suas classificações têm melhorado.

Agora, eu posiciono em #3 para a palavra-chave primária “guias de SEO” e várias palavras-chave relacionadas.

image74

Se você quiser aumentar o tempo do usuário no seu site, comece a criar conteúdos mais úteis e detalhados. Você não só vai dominar os motores de busca, mas você também vai obter referências e aumentar os compartilhamentos sociais para os guias.

image20

Estratégia de Vendas pela Internet  #4: Coloque os clientes em primeiro lugar, a sua equipe em segundo

O Shopify foi capaz de crescer tanto suas vendas pela internet em três anos, porque eles respeitavam os clientes e os colocavam em primeiro lugar. Eles reconheceram o papel dos clientes para o sucesso a longo prazo.

O que é melhor para os seus clientes nem sempre é o melhor para sua empresa. De acordo com Marketo, seus clientes são o rei, e eles merecem ser tratados dessa forma.

Durante janeiro de 2012, a RyanAir recebeu menos de uma reclamação para cada 1.000 passageiros. A empresa também respondeu a 99% de todas as queixas no prazo de sete dias úteis.

image70

Como você cria e fornece um serviço ao cliente inesquecível? Às vezes, pode custar algo tangível, mas as recompensas superam o custo. Aqui estão sete maneiras simples para colocar os clientes em primeiro lugar:

1). Escute-os de todo coração: Aprenda a ser um melhor ouvinte. Grandes ouvintes fazem grandes líderes em todas as esferas da vida.

Em seu livro, Poder de Ouvir: Dominar a habilidade de negócio mais crítica de todas, o autor Bernard Ferrari disse que a maioria de nós se concentra em como se comunicar de forma eficaz, mas ignoramos a habilidade crucial de ouvir.

Ouvir bem é a chave para alcançar uma percepção mais profunda e ideias criativas que impulsionam as vendas pela internet e o sucesso empresarial.

Um exemplo típico: Sainsbury tinha um produto delicioso chamado “pão tigre.” Mas uma menina tinha uma ideia diferente – e Sainsbury escutou.

image46

Lily Robinson, com todos seus três anos e meio de idade, disse a Sainsbury que “pão tigre” mais parecia uma girafa que um tigre.

Com a ajuda de seus pais, Robinson escreveu à empresa e lhes disse isso. Esta é a carta e a resposta que obteve da Sainsbury:

image58

Como resultado da carta de Lily, Sainsbury mudou o nome do seu produto de “pão tigre” para “pão girafa.” Eles escutaram o seu cliente muito jovem e alinharam o produto com os desejos de seus clientes. Você deve fazer o mesmo.

James, um amigo meu, me disse que os especialistas de atendimento ao cliente da Shopify são bons, porque eles parecem interessados na ligação ou e-mail do cliente. Eles fazem os clientes se sentirem escutados.

Enquanto criava sua loja online, James tinha algumas perguntas e precisava esclarecer algumas coisas. Shopify deu a James – e todos os seus usuários – três meios eficazes pelos quais os usuários poderiam obter assistência imediata:

image01

James preferiu a opção de chat aberto. Em três minutos, ele tinha suas respostas. Sua loja online tem agora três meses de idade e está gerando renda para ele.

Se você quer construir confiança com os clientes, comece a ouvi-los mais. Em seu próprio negócio online, o site é o seu principal ponto de contato.

Assim, você pode começar por fazer mais fácil para eles entrarem em contato com você. Este é o ponto onde a maioria dos maiores blogueiros erram; para a maioria deles, é muito difícil conseguir um endereço de e-mail ou número de telefone. Não é para ser assim.

Lição aprendida: Não importa quão grande é a sua empresa, organização ou site, os clientes devem ser capazes de entrar em contato com você facilmente e conseguir a ajuda que necessitam rapidamente.

Um exemplo é Pipeliner CRM. Em sua página inicial, você vai encontrar várias maneiras visíveis para se conectar com a empresa:

image36

2). Diga a verdade o tempo inteiro: Você é honesto com as avaliações dos seus produtos? Não importa o que aconteça, “só diga a verdade.” Alguns profissionais de marketing parecem felizes em mentir para os clientes, apenas para fechar a venda.

Eles se esquecem que quando o cliente descobre, eles vão contar aos outros. De acordo com a Help Scout, reclamações sobre serviço ao cliente chegam a mais de duas vezes o número de pessoas que o elogio para um grande serviço ao cliente.

Não olhe apenas para seus ganhos imediatos. Diga a verdade sobre seus lucros, produtos, pessoas e assim por diante, para desenvolver essa importante reputação de ser confiável.

image67

O Shopify diz a verdade sobre o carrinho de compras e os aplicativos da loja online, que não são propriedade da Shopify, e sim de empresas de aplicativos de terceiros.

image19

Eles também são rápidos em lhe dizer que as lojas online não vão fazer de você um milionário da noite para o dia – que sucesso leva tempo e trabalho duro.

Um dos blogueiros mais honestos que conheço é David Risley. Ele diz a verdade, mesmo se você parar de visitar o seu blog.

image28

3). Cuide da sua equipe: Embora você deva colocar os clientes em primeiro lugar, você não pode negligenciar sua equipe. É o senso comum: membros da equipe felizes e com autoridade são mais capazes – e mais motivados – a cuidar dos clientes.

Apple e a Microsoft estão gerando enormes lucros a cada ano, em parte devido à forma como cada empresa fomenta e cuida dos seus funcionários. O resultado em cada caso, é uma equipe singularmente focada em garantir o crescimento de uma marca global.

image51

Criar uma cultura de equipe é exatamente o que o Shopify tem feito desde o início.

image25

De acordo com Vineet Nayar, CEO da HCL Technologies, colocar sua equipe em primeiro lugar cria um ambiente onde os funcionários são inspirados a fornecer um excelente serviço ao cliente.

Aumentar em 10x as vendas pela internet não pode acontecer se você não é um desenvolvedor de equipes – muito menos quando as pessoas ajudando você a alcançar seus objetivos são totalmente sem inspiração.

4). Localizar assuntos populares em seu nicho: Um “nicho” é um mercado especializado. O que você precisa é um mercado especializado, onde seu produto está em alta demanda e a competição é suportável.

Marketing de conteúdo é sobre como definir o seu nicho; descobrir os pontos problemáticos, prazeres, gostos e desgostos de seu público-alvo; e, em seguida, a criação de conteúdo útil para esse público. Ser capaz de influenciar os outros com o seu conteúdo é a chave para a construção de um negócio bem-sucedido online.

Não importa qual é seu nicho, há uma abundância de assuntos e questões em torno das quais você pode criar conteúdo e construir autoridade com o seu blog melhorar as vendas pela internet. Você pode influenciar as pessoas se você é uma autoridade no seu nicho.

image12

Por exemplo, se você está no nicho do marketing digital, além da criação de conteúdo sobre marketing de conteúdo nas vendas pela internet, você pode escrever sobre:

  • Design de sites
  • Link building
  • Branding
  • Email marketing
  • Marketing nas mídias sociais
  • SEO
  • Otimizar taxas de conversão (CRO)
  • Terceirização
  • Escrever conteúdo
  • Criação de produtos
  • E por aí vai…

Você pode facilmente encontrar tópicos relacionados ao seu nicho usando o Google AdWords Keyword Planner. Basta inserir sua principal palavra-chave e procurar por ela.

image27

O Shopify identificou os temas relacionados ao nicho deles (comércio eletrônico). Eles pesquisaram palavras-chave e começaram a produzir conteúdos ótimos e relevantes.

Shopify não é a única empresa que segue essa estratégia. Aweber cria guias de alta qualidade para os seus clientes fazerem download, sem custos. Esses guias funcionam como meus guias avançados, que eu também ofereço grátis.

image76

Gaste tempo e dinheiro para criar guias de alta qualidade, vídeos e whitepapers. Isso por si só pode ajudar a aumentar a sua lista de emails mais rápido e atrair mais clientes para o seu negócio.

Nota: Conteúdo agrupado que as pessoas podem facilmente fazer o download, semelhante a estes exemplos, irão aumentar sua credibilidade e pode aumentar as vendas em 600%.

5). Responda às perguntas dos clientes: Como vimos anteriormente, o Shopify coloca o cliente no centro de tudo. Seus especialistas de atendimento ao cliente são altamente treinados e extremamente úteis. Além disso, Shopify criou uma página FAQ para perguntas comuns dos clientes:

image26

Como você se sente quando suas perguntas ficam sem resposta? Você se sente animado quando uma loja não entrega os produtos encomendados? Claro que não.

Da mesma forma, seu público-alvo fica preocupado quando eles não ouvem você de volta. De acordo com eConsultancy, 83% dos compradores online precisam de algum nível de suporte ao cliente ao fazer uma compra. Você não pode dar ao luxo de perder uma conexão com seus clientes.

Um exemplo de uma empresa que responde às perguntas dos clientes com paixão é a Samsung. Foi documentado pela Bazaarvoice que as respostas que a Samsung dá aos clientes, aumentam sua taxa de engajamento.

image02

A pergunta mais comum feita pelos clientes foi: “Posso pendurar a TV na parede?” Então Samsung descobriu as respostas, escrevendo quase todo esse conteúdo a partir do zero, apenas para os clientes. Como você pode seguir o exemplo da Samsung para o seu próprio público?

Você também deve procurar palavras-chave baseadas em perguntas que estão sendo digitadas nas ferramentas de busca pelo seu público-alvo.

Essas palavras-chave dezem sobre as perguntas do seu público, então você pode criar conteúdo para resolvê-las.

Siga estes passos simples:

Passo #1: Visite o Ubersuggest.org. Escreva sua principal palavra-chave na caixa de pesquisa na forma de uma pergunta. Então, ao invés de procurar por “seo” procure “o que é SEO?”

image39

Passo #2: Escolha suas palavras-chave de cauda longa. Suas chances de classificação no topo do Google para uma frase-chave de cauda longa são muito maiores do que para uma palavra-chave primária, porque elas são mais específicas, o que significa que você pode decifrar mais facilmente a intenção do usuário por trás de cada frase-chave.

image65

Suas palavras-chave de cauda longa direcionadas serão baseadas nas palavras-chave exatas que seu público-alvo está procurando. Eles estão fazendo perguntas porque o tema parece complicado para eles.

image48

6). Crie conteúdo útil e relevante: A melhor estratégia para a criação de conteúdo que se dirige às pessoas com perguntas é se concentrar em tutoriais ou guias passo a passo.

Essa estratégia funciona ainda melhor quando é parte de uma estratégia de conteúdo planejada, o que irá ajudá-lo a atrair clientes e crescer o seu negócio.

image34

Como o Shopify conseguiu mais de 150.000 proprietários de lojas? Eles foram consistentes com seus blogs. As estatísticas da HubSpot mostram que os blogs ajudam as empresas a gerar 126% mais leads do que empresas que não possuem blogs.

image24

Um artigo em um blog também pode influenciar as decisões de compra. Ele pode persuadir compradores online relutantes a repensar a sua decisão de não comprar.

image32

E o ROI que um blog consistente  oferece não tem que levar anos para se manifestar. Isso pode acontecer nos primeiros dois a três meses.

Blogs são poderosos. Eu gerei 87% dos meus leads através de blogs. Você pode dominar as páginas de resultados de pesquisas e conseguir links naturais de sites confiáveis com uma estratégia de blogging inteligente e consistente.

image47

Conteúdos detalhados e relevantes são o novo anúncio. O Shopify entendeu isso, e é por isso que eles gastam tanto dinheiro em criação e marketing de conteúdo. Eles sabem que o comprimento do conteúdo afeta os rankings, especialmente nesta era pós-Hummingbird.

Para o Shopify, conteúdos bastante pesquisados que resolvem um problema ou desafio específico das pessoas certas é a melhor maneira de capturar, nutrir e converter as pessoas em donos de lojas online.

O blog do Shopify é ativo. Eles costumam publicar um post de alta qualidade no blog a cada dia. Não é de admirar, então, que eles aumentaram as vendas pela internet e cresceram 10X em três anos, ao passo que outras empresas de software continuam lutando para adquirir e reter clientes.

image03

Outra empresa que leva o marketing de conteúdo para o próximo nível é HelpScout. Gregory Ciotti e sua equipe cresceram sua lista de e-mail para 60.360 assinantes dentro de dois anos.

image57

Não há atalho para o crescimento do seu blog ou site de vendas pela internet. O conteúdo é a expectativa número um dos seus clientes potenciais e clientes. Sem conteúdo útil, a sua empresa não terá sucesso.

Na minha jornada para 100.000 leitores do blog por mês, eu não estou usando qualquer publicidade paga por clique ou post patrocinado. Minha única estratégia para o momento é ser “consistente” com meus artigos de mais de 5.000 palavras.

7). Alcançar seus clientes via e-mail: Nada é melhor do que e-mail marketing. Para cada US$ 1 gasto em e-mail marketing, você pode esperar um ROI de US$40.

image83

De acordo com SalesForce Pardot, quase três quartos dos profissionais de marketing concordam que e-mail gera o melhor ROI. E 43% das empresas de B2B têm equipes de email que configuram, gerenciam, acompanham e comunicam de forma eficiente com os assinantes e clientes.

Quando se trata do envio de newsletter para assinantes, não há nenhuma regra dura e rápida. No entanto, você pode aumentar as taxas de abertura em 203% ou mais, personalizando seus emails, segmentando sua lista, enviando emails pelo menos uma vez por semana e sendo extremamente útil.

image07

Uma advertência: se o seu conteúdo não é bem escrito e útil, não o envie para seus assinantes. Você corre o risco de irritá-los e eles podem acabar se descadastrando da sua lista.

Até hoje, não há nada que funciona tão bem como email marketing. De fato, 82% dos consumidores estão mais inclinados a comprar o seu produto, se você enviá-los por email.

image73

Há muitas maneiras de crescer sua lista pelo seu site. WPBeginner cresceu sua lista de email em 600% usando um plugin de pop-up.

Conversion Rates Experts usaram uma única landing page e enviaram alguns e-mails para os assinantes do Moz. Ao final, eles geraram US$1 milhão para Moz.

image81

Estratégia de Vendas pela Internet #5: Foque Em Uma Coisa de Cada Vez

Em seu livro O Poder do Foco, Jack Canfield disse algo que influenciou a minha vida ao longo dos últimos cinco anos: “A vida não acontece apenas para você. Tudo é sobre escolhas e como você responde a cada situação. ”

Eu aprendi que se você espalhar seu foco entre muitas coisas diferentes, você pode muito bem acabar com um resultado que você não vai gostar. É preciso um esforço consciente para ser focado.

Portanto, o objetivo é ser focado. Não tente conseguir tudo de uma vez. Isso não significa que você deve limitar os seus pensamentos, imaginação ou ações. Significa apenas que você deve dar um passo de cada vez, um objetivo de cada vez.

Marcus Sheridan perdeu tudo. Sua empresa não estava indo bem, porque ele negligenciou as pessoas mais importantes – os clientes.

Mas ele conseguiu dar a volta por cima e transformou a River Pools and Spas, simplesmente concentrando-se em uma coisa: responder as perguntas dos clientes.

Toda empresa já enfrentou dificuldades. As que estão por aí com sucesso, redirecionaram seu foco no que é importante: o cliente.

Essas empresas também definiram metas de negócios inteligentes, centradas em torno de fornecer aos clientes uma experiência de compra satisfatória.

Além disso, acompanhar cada passo ao longo do caminho e ficar a par das mudanças no ambiente online dinâmico de hoje.

Não seja deixado para trás. Assim como Shopify escalou seus negócios e cresceu 10x em três anos através do marketing de conteúdo, você também pode adquirir mais leads e aumentar sua renda.

Conclusão

Há um grande equívoco sobre a criação conteúdo útil não impulsionar as vendas pela internet, especialmente no mundo do SEO. Consultores de SEO acreditam que você tem que construir muitos links antes do seu site poder classificar bem nos resultados de pesquisa do Google.

Mas eu não penso assim, porque o Hummingbird mudou as coisas consideravelmente. Hoje, tudo é sobre o conteúdo útil e construção de um site focado no usuário. De KISSmetrics a CrazyEgg, meu foco sempre foi no design e conteúdo, porque eles são como dois lados da mesma moeda. Eles não podem ser separados. Um é dependente do outro se você quiser clientes satisfeitos.

Quais estratégias específicas que você está focando para o crescimento das vendas pela internet? E o qual você acha que é a vantagem competitiva do Shopify sobre outros construtores de lojas online?

Share