Como Usar Anúncios Pagos com as Estratégias de Marketing de Conteúdo

clock

Muitos profissionais de marketing acreditam que ou você utiliza o Marketing de Conteúdo ou os Anúncios Pagos para crescer um negócio – mas raramente ambos.

Eles irão escolher uma abordagem e argumentar fortemente por ela, se alguém questionar sua decisão.

Um profissional de marketing pode dizer, “o marketing de conteúdo é um benefício duradouro.”

Enquanto outro pode dizer, “os anúncios pagos tem escala, e podem lhe trazer resultados rápidos e confiáveis.

Mas, quem está certo?

Eu diria que ambas as abordagens são válidas, e que nenhuma delas precisa ser executada exclusivamente.

Por que não combinar os seus esforços em Marketing de Conteúdo com os seus esforços em Anúncios Pagos e criar uma campanha ‘híbrida’?

Dessa forma você será capaz de faturar com o seu conteúdo agora, enquanto espera que os mecanismos de busca o alcancem.

Neste post, nós vamos dar uma olhada nas táticas que você pode utilizar para combinar seus esforços em marketing de conteúdo com os anúncios pagos.

Faça o download desta folha de dicas para conhecer os 7 benefícios de se utilizar anúncios pagos para crescer seu negócio.

Você irá aprender como melhorar seu conteúdo utilizando anúncios pagos e vice versa.

No final deste post, você entenderá melhor como pode combinar as duas abordagens para tornar as suas campanhas de marketing de conteúdo mais efetivas.

Vamos começar!

O que você precisa focar primeiro

Antes de você começar com as estratégias que vamos explorar, existem algumas coisas que você precisa saber.

A primeira é a necessidade de um ótimo conteúdo.

É essencial que você crie um bom conteúdo – falhar nisso fará com que as pessoas cliquem em seu anúncio pago e cliquem no ‘botão voltar’ dentro de segundos.

Se você é novo no marketing de conteúdo, você provavelmente não tem idéia do que compõe um bom conteúdo, e até mesmo como você vai criar tal conteúdo.

Para novos profissionais de marketing, e até mesmo os mais experientes, a melhor abordagem sempre envolve trabalhar de trás para frente.

Isso significa achar uma ótima peça de conteúdo que já esteja se saindo bem em sua indústria – e então criar algo melhor.

Buzzsumo pode ser incrivelmente útil nessa parte – e eu acho que o slogan deles explica o porquê.

image01

Digamos que eu queira fazer uma campanha híbrida de Marketing de Conteúdo/Anúncios Pagos, sobre ‘ciclismo.’

Na maioria das indústrias, artigos ‘como fazer’ tendem a ser bem recebidos, e tais artigos devem sempre ser seu foco inicial.

Se você quiser criar outros tipos de conteúdo, você também pode considerar  –

  • Posts de listas
  • Posts com Pesquisa/Dados
  • Posts de perguntas frequentes
  • Estudos de caso
  • Posts em série
  • Guias definitivos – veja meu guia definitivo

Se eu quiser achar exemplos bem sucedidos de conteúdos ‘como fazer’, dentro do segmento de ciclismo, tudo que eu preciso fazer é entrar no Buzzsumo e digitar ‘“como fazer” ciclismo.’

image07

Como você pode ver, eu agora tenho um monte de idéias de conteúdo que eu posso começar a trabalhar. Por exemplo, eu posso pegar o post ‘músculos do core’ e torná-lo mais detalhado, e também posso adicionar mais imagens.

Ok – então cobrimos brevemente porquê e como você pode criar um ótimo conteúdo. Quando estiver conduzindo uma campanha híbrida, você também precisará se certificar de que você sabe como organizar uma campanha com anúncio pago.

Eu não vou me aprofundar muito nesse assunto aqui.

Porém, eu falei muito sobre isso aqui, aqui, aqui, aqui, e aqui.

Simplificando, você precisa estar ciente do seguinte  –

  • Saber quem é o seu público-alvo
  • Entender como direcionar seus anúncios
  • Ter a habilidade de criar ótimos anúncios
  • Coletar e converter leads

Você pode ter um entendimento melhor sobre o seu público-alvo no Facebook Audience Insights.

Lá, você será capaz de inserir um interesse que represente seu mercado alvo e o Facebook irá devolver dados que poderão ser utilizados para direcionar melhor seus anúncios em todas as plataformas.

Você pode criar anúncios melhores ao observar o que os seus concorrentes estão fazendo, e constantemente desenvolver testes A/B em sua abordagem.

Uma coisa que você precisa ter em mente é que você pode utilizar o Buzzsumo para lhe ajudar a ter idéias de títulos.

Assim…

Sobre o ciclismo que falamos anteriormente, havia um artigo sobre ‘músculos do core.’

Se eu digitar, ‘músculos do core,’ no Buzzsumo, eu sou presenteado com vários títulos relacionados com o assunto.

image09

Eles podem ser utilizados para inspirar um título de ‘anúncio’ que irá estimular as pessoas do seu mercado alvo que têm mais probabilidade de se interessar por esse tópico a clicarem no seu anúncio.

O assunto músculos do core pode não ser atraente para todos que pertencem ao segmento do ‘ciclismo’, mas há uma boa chance de que exista um sub nicho, dentro do nicho ciclismo, que se interessa por melhorar a força dos músculos do core.

Utilizar a técnica acima me ajudará a pensar em um título que seja atraente para aquele sub nicho.

Eu gosto do título, “Como a Prática da Yoga Fortalece Seus Músculos do Core – Sem Abdominais.”

A parte ‘Sem Abdominais,’ informa qual a maneira tradicional que as pessoas acreditam ser a de se trabalhar os músculos do core.

Se eu tenho o texto, “sem abdominais” no meu título, há uma boa chance de que isso irá gerar mais cliques pois criará um mistério, especialmente para as pessoas que estão acostumadas a exercitar a força do core da forma tradicional.

A última coisa que você precisa focar é em ter uma forma de coletar leads, e uma forma de convertê-los também.

Se você está investindo dinheiro em uma campanha com anúncios pagos para promover seu conteúdo, você irá precisar de uma forma de gerar retorno para o seu investimento.

Se você não tem algo assim em ordem, acabará ficando sem dinheiro rapidamente.

Um pop up pode ser configurado utilizando uma ferramenta como o Sumome ou o Hello Bar.

image00

Até mesmo os pop ups mais comuns são conhecidos por converter 3,09% – o que não é tão ruim, especialmente se você não estiver utilizando um post de blog para coletar leads em primeiro lugar.

Você pode utilizar um pop up para promover uma Atualização de Conteúdo – algo que é conhecido por converter muito bem.

O Bryan Harris está atingindo 20-30% de taxa de inscrição com seus posts de blog, graças às atualizações de conteúdo.

Quando as pessoas se registrarem, tenha uma resposta automática pronta que construa confiança e reciprocidade, ao mesmo tempo que também peça eventualmente por uma compra. Você também pode mandar as pessoas para um webinar, e isso também pode ser utilizado para apresentar uma oferta.

Promovendo seu conteúdo utilizando Anúncios Pagos

Se você estiver administrando uma campanha de marketing de conteúdo, você provavelmente postará conteúdo em seus perfis de mídia social.

Se esse é o caso, pode ser uma boa idéia dar uma olhada no que funcionou bem em todas as suas plataformas de mídia social, e então promover a peça de conteúdo que se saiu melhor, utilizando os anúncios pagos.

Isso funciona bem, pois você estará pegando uma peça de conteúdo que você sabe que irá funcionar, e você estará divulgando para mais pessoas utilizando os anúncios pagos. Isso aumenta as chances de que você tenha um ROI positivo nos gastos do seu anúncio.

Uma forma de fazer isso é utilizando a opção ‘Impulsionar Publicação’, na sua Página no Facebook.

Vá até a sua Página no Facebook e ache o conteúdo que tenha funcionado bem.

Embaixo dele, você verá um botão chamado, “Impulsionar Publicação.’

image04

Clique nesse botão e então você poderá configurar o direcionamento.

image02

Você também pode querer fazer campanhas consecutivas.

Primeiro, você precisa fazer uma campanha direcionada para aquelas pessoas que curtiram a sua página. Isso irá garantir que todos que estejam definitivamente interessados em seu segmento estejam cientes do seu conteúdo.

Você pode então querer que o segundo tipo de campanha seja direcionado para ‘Pessoas que curtiram a sua página e os amigos delas.’

Os amigos das pessoas que curtiram a sua página provavelmente estão interessados nas mesmas coisas. Isso pode reduzir o nível de engajamento que você irá receber, mas pode potencialmente reduzir a quantidade de tempo que você tem que gastar no direcionamento do seu anúncio.

Você pode então querer fazer uma campanha em que você insira informações de direcionamento.

Não deve ser muito difícil arranjar dados de direcionamento. Você pode utilizar a ferramenta Audience Insights para analisar sua página no Facebook, e então utilizar os dados fornecidos para direcionar seus anúncios corretamente.

Se você não tem uma página popular no Facebook, então as estratégias acima podem não funcionar para você.

Se esse for o caso, então você pode fazer o seguinte.

Ou você pode executar alguns anúncios para promover sua página no Facebook, e então, quando você tiver 400-500 membros, comece a executar anúncios para impulsionar a publicação.

Ou você pode executar anúncios para impulsionar publicação logo de cara, mesmo que você não tenha uma página popular no Facebook.

Pode ser que digam que é melhor ter uma página no Facebook com alguns fãs primeiro.

Isso porque ter fãs aumenta a probabilidade de que você mostre o seu conteúdo para pessoas que estejam interessadas (lembre-se – ao curtir a sua página, eles optaram por ser informados das atualizações) e consequentemente, o engajamento vai ser maior e mais intencional.

Você também irá se beneficiar a longo prazo, pois quando você posta conteúdo, você irá se beneficiar do ‘alcance orgânico.’

Depois de fazer uma Campanha para Impulsionar Publicação, você será presenteado com algumas estatísticas, baseadas em como a sua campanha se saiu.

image03

Se você lidar principalmente com o segmento B2B, você pode utilizar as Atualizações Patrocinadas do LinkedIn

As Atualizações Patrocinadas do LinkedIn funcionam essencialmente como um anúncio para Impulsionar Publicação funciona dentro do Facebook.

Isso porque você está pegando um ‘Atualização da Companhia’ da página da sua empresa e está escolhendo divulgá-la.

image06

Executar campanhas no LinkedIn pode custar caro e você precisa ter certeza que tem uma boa peça de conteúdo em mãos antes de pensar em fazer alguns anúncios com ela.

Na verdade, pode ser que não seja sempre uma boa idéia utilizar o LinkedIn como o primeiro método de promoção uma peça de conteúdo utilizando anúncios pagos.

Teste o conteúdo no Facebook, primeiro – se der tudo certo lá, promova no LinkedIn.

Se você promover um bom conteúdo e os seus anúncios estiverem bem direcionados, as pessoas irão começar a seguir a página da sua companhia.

A NewsCred conseguiu atingir um aumento de 4,2x nas visualizações pelas atualizações não patrocinadas de sua companhia, depois de ter executado 20 campanhas de Atualizações Patrocinadas.

image05

Além disso, eles também descobriram que as Atualizações Patrocinadas do LinkedIn resultaram em 6x o ROI de seus anúncios no AdWords.

Você pode organizar uma ‘Campanha de Conteúdo Patrocinada,’ ao utilizar o administrador de campanhas e selecionar a opção,  ‘Campanha de Conteúdo Patrocinada.’

Você poderá então selecionar a peça de conteúdo que você quer patrocinar.

image10

Nota: Se você quiser executar uma campanha de Atualização Patrocinada no LinkedIn, você precisará ter uma página da empresa.

Anúncios pagos não precisam ser utilizados apenas para promover conteúdo – você também pode utilizá-los para arranjar títulos melhores para o seu conteúdo.

Você pode utilizar o Twitter para ajudá-lo com isso.

O processo é da forma seguinte –

  1. Tenha em mente por volta de 5-7 títulos que pareçam promissores.
  2. Então, publique esses títulos como ‘Tweets Promovidos.’
  3. Depois de executá-los por cerca de 5 dias, dê uma olhada nos dados e você poderá dizer qual ‘título’ funcionou melhor.
  4. Use o título que funcionou melhor na peça de conteúdo em questão.

Agora você aumentou as chances do seu conteúdo se sair bem, organicamente.

Se você está imaginando que tipo de campanha você deve executar no Twitter, considere a opção ‘Cliques no site ou conversões.’

image08

Dessa forma, você será capaz de observar quantas pessoas estão clicando no link para o seu conteúdo, como resultado de terem lido o seu ‘título.’

Realizando remarketing no seu conteúdo de marketing

Você também pode utilizar o remarketing para lhe ajudar em seus esforços de marketing de conteúdo. Pode ser meio forçado chamar algumas destas coisas de remakerting, mas muito do que nós vamos cobrir é muito similar ao remarketing.

Em todo caso, há algumas formas de se fazer isso.

Uma estratégia é simplesmente ter um Facebook Pixel instalado que rastreie as pessoas que visualizaram o conteúdo do seu site.

Isso lhe permite criar uma ‘Audiência customizada,’ feita de pessoas que visitaram seu site no passado.

Quando você criar um post novo, execute um anúncio no Facebook direcionado para essa ‘Audiência customizada.’

Ao fazer isso, você será capaz de direcionar engajamento para o conteúdo rapidamente. Isso também pode melhorar o alcance Orgânico.

O fato de você estar fazendo esses anúncios para as pessoas que estavam previamente em seu site também garante que você esteja promovendo o seu conteúdo para pessoas que estarão interessadas.

Outra estratégia envolve divulgar, ‘Atualizações de conteúdo’ ou ‘Relatórios’ para aqueles que leram uma peça de conteúdo no seu site, mas não se registraram em sua lista.

Isso permitirá que você capitalize melhor seu site, pois você será capaz de atrair mais pessoas para o seu funil.

Isso também vai melhorar o engajamento para futuras peças de conteúdo, pois você pode mandar emails para sua lista sempre que um conteúdo novo for publicado.

Você também pode utilizar os métodos acima para administrar anúncios pagos direcionados em múltiplas plataformas.

Por exemplo, você pode fazer marketing para alguém no LinkedIn e utilizar o Facebook Pixel para rastrea-los quando estiverem em seu site. Você pode então fazer marketing para aquele indivíduo com um custo menor com um anúncio pago do Facebook.

Então, considere instalar um Facebook Pixel, mesmo que você esteja executando anúncios no LinkedIn.

Alternativamente, você pode utilizar estratégias de remarketing para divulgar outras peças de conteúdo para as pessoas que possam estar interessadas nelas – depois de já terem lido alguma coisa em seu blog.

De certa forma, isso é similar a como você promoveria produtos relacionados para alguém, se você estivesse administrando uma loja de ecommerce.

Nota: Vale a pena mencionar que você não precisa se basear no Facebook com os seus esforços em remakerting. Você também pode executar campanhas de remarketing pelo Google.

Se você vai executar uma campanha como essa, é essencial que você saiba como você vai ganhar dinheiro com o seu tráfego. Caso contrário, ele pode se tornar caro rapidamente.

Conclusão

Antes de ler esse post, você pode ter tido dificuldades para entender como o marketing de conteúdo e os anúncios pagos podem se sobrepor e coexistir entre si na realização dos seus esforços em marketing.

Porém, você agora sabe como tornar seus esforços em anúncios pagos mais efetivos com a ajuda de um ótimo conteúdo, e como adquirir um ROI mais rápido em seu marketing de conteúdo, utilizando anúncios pagos.

Implemente as estratégias que você descobriu nesse post e veja se o que você aprendeu tem a habilidade de levar o seu marketing de conteúdo e suas campanhas com anúncios pagos ao próximo nível.

Boa sorte!

Você tem alguma dica que possa compartilhar sobre como o Marketing de Conteúdo e os Anúncios Pagos podem funcionar bem juntos?  Por favor compartilhe abaixo!

Share