Como Produzir Um Texto de Qualidade Que Converte Visitantes em Clientes

big yes

Nenhum conteúdo é criado igual.

Alguns conteúdos se tornam virais, gerando toneladas de tráfego para o seu blog, enquanto outros ficarão perdidos nos arquivos. Se você quiser mais do primeiro tipo, você tem que produzir um texto que coloque os leitores em primeiro lugar.

Até agora você provavelmente sabe que uma das maneiras de fracassar no negócio é ignorar as necessidades e desejos do público-alvo. Se você produzir um texto sem uma estratégia inteligente e documentada, o seu conteúdo não irá converter.

De acordo com o Content Marketing Institute, “Profissionais de marketing business-to-business (B2B) que têm uma estratégia documentada, são mais eficazes e menos desafiados com cada aspecto do marketing de conteúdo.”

A primeira onda do marketing de conteúdo era simples: blogueiros, escritores de conteúdo e profissionais de marketing sementavam uma palavra-chave particular no conteúdo deles e se sentiam bastante confiantes de que o Google iria ao menos indexar e classificar suas páginas na frente dos concorrentes.

A próxima onda do marketing de conteúdo está provando ser muito mais desafiadora. Para aqueles que querem focar no trabalho e mudar a forma de abordagem, o sucesso é possível. A principal diferença é que, agora, você deve saber como produzir um texto que converta bem.

Definitivamente não se trata de quantidade, mas produzir um texto em seu blog pode te ajudar a converter mais visitantes em leads e clientes. Uma pesquisa da CMI mostrou que 48% dos profissionais de marketing B2C e 42% dos B2B agora publicam mais de um conteúdo por semana.

image07

Você quer saber como produzir um texto de qualidade para alcançar o resultado esperado? Siga estes 6 passos para aprender como produzir um texto poderoso que converte visitantes em clientes.

Mais do que isso, o que você precisa é de um guia passo a passo para saber como produzir um texto que converte. Abra sua mente e aprenda como eu crio conteúdo que converte o tempo todo: 

Como Produzir um Texto Passo nº 1:  Encontre ideias de conteúdo cuja conversão seja comprovada.

Ao longo dos últimos anos, os profissionais de marketing deram um grande passo na maneira com que criam conteúdo em seus blogs, plataformas de mídia social e infoprodutos.

Os blogs em WordPress estão surgindo em todo canto da web. Além do mais, um estudo recente mostra que 86% dos profissionais de marketing B2B disseram que suas empresas estão usando o marketing de conteúdo. Outro revela que 70% estão criando mais conteúdo do que fizeram no ano anterior.

image14

A demanda por conteúdo fresco e de valor é alta. Se você investe tempo em criá-lo, você irá colher os frutos. Mas a concorrência é forte. A maioria dos profissionais de marketing irá desistir, mas aqueles que aprendem os truques e conseguem obter insights dos clientes irão crescer seus negócios.

Você pode ter ideias viáveis de posts de blogs, infográficos, vídeos, capas de revista, publicações online, apresentações do slideshare e por aí vai. Ideias valiosas irão te ajudar em como produzir um texto irá gerar leads de qualidade para o seu negócio.

Por exemplo, o IntelliResponse abraçou a estratégia de conteúdo em 2010. Eles usaram algumas ideias dos concorrentes e dos próprios clientes para produzir um texto de alta qualidade que aumentou o tráfego do site deles em 4000%.

image45

Eles também viram um aumento de 100% na geração de leads, com 35% de leads mensais gerados a partir de anúncios pagos que promovem infográficos e conteúdo white paper — um aumento de 5% há dois anos.

Crowe Horwath, uma empresa de consultoria e auditoria, usou as táticas de marketing de conteúdo, tais como resumos executivos, estudos de caso, infográficos, checklists, Q & A (perguntas e respostas) e vídeo no Brainshark para expandir sua marca.

Ela gerou 778 contatos e focou no aumento do engajamento, resultando em uma taxa de abertura de emails de 70% e levou a empresa a conseguir 2 engajamentos que valeram em torno de $250k em receita.

image08

Virtualmente qualquer pedaço de conteúdo por aí afora é uma fonte potencial de ideias para sua próxima campanha. Aqui estão algumas ideias da Docstoc.com. Na homepage, existem alguns vídeos com títulos atraentes:

image54Frequentemente, não é a ideia que gera as maiores visualizações e compartilhamentos sociais do seu conteúdo, mas como você estrutura seu título.

Afinal de contas, nós sabemos que qualquer assunto de marketing de internet tem um potencial de se tornar viral.

Um dos títulos destacados acima é:

  • Checklist para Montar uma Loja de Varejo

Dessa simples ideia, você pode ter ideias diferentes para produzir um texto atrativo. Por exemplo:

  • 7 Checklists Para Montar uma Ótima Landing Page Que Funciona
  • 3-Passos de um Checklist Para Converter os Leitores do Seu Blog em Clientes

Outro título no print acima é:

  • A Razão Número Um Pela Qual Clientes Se Cadastram em Sua Lista

Aqui estão algumas ideias novas para fazer seu conteúdo atrativo:

  • A Razão Número Um Pela Qual Seus Clientes Não Irão se Cadastrar em Sua Lista de Email
  • A Razão Número Um Pela Qual Você Não Gerou 5.747 Visitantes na Última Semana

Você pode conseguir ideias para um conteúdo a partir do Issuu.com. Vá à homepage e você encontrará várias publicações online relacionadas ao marketing e revistas de nichos específicos:

image52

Ou então visitar um blog de marketing popular – você descobrirá mais ideias do que pode utilizar em um site de autoridade. Lembre-se que a maior razão pela qual esses blogs são tão populares é que o conteúdo deles é de alta qualidade, bem fundamentado e bem escrito.

Por exemplo, se você for até o MarketingProfs, em Topics > Articles, você encontrará assuntos e ideias de títulos que você pode usar como modelo:

image12

Depois, você descobrirá vários posts de blogs, títulos e dados para seu próprio artigo.

image49

O propósito de olhar para essas fontes de recursos (isto é, blogs de autoridade, vídeos populares, infográficos, etc.) é para obter ideias que irão te ajudar a criar títulos que convertem.

Se você quer ganhar força e fazer seu conteúdo se destacar entre os blogs e resultados dos mecanismos de busca (SERPs), você tem que criar títulos únicos e invocar emoções que vão fazer com que seus leitores queiram mais.

Como Produzir um Texto Passo nº 2:  Otimize seu texto como se fosse uma landing page.

De acordo com o Nielsen Norman Group, em média, visitantes somente leem em torno de 20% do conteúdo em uma página.

Se isso for verdade – e é – então seu trabalho é garantir que pontos importantes se destaquem em todo o seu conteúdo.

Você já ouviu falar do “modelo LIFT” para otimização de conversão? É uma metodologia que funciona no ambiente competitivo de marketing atual.

image42

O modelo LIFT é usualmente associado com o design e texto de uma landing page, mas você pode usar o conceito em qualquer conteúdo, não importa qual plataforma esteja utilizando.

Os 6 elementos que compõe um modelo LIFT para produzir um texto atrativo que converte são: proposta de valor, urgência, relevância, clareza, ansiedade e distração.

i).    Proposta de Valor: Um problema bem definido é metade da solução. É isso que impulsiona suas conversões. Você pode fazer com que seu conteúdo seja de alta conversão quando você define um problema específico e provê uma ação prática para resolvê-lo.

Mais de 75% dos executivos de negócio em empresas com novos produtos abaixo da performance, concordaram que uma baixa proposta de valor é a raiz do problemaCertifique-se que sua declaração esteja de acordo com os benefícios que seu produto entrega.

image27

Seu conteúdo deveria ter um objetivo base no qual cada elemento irá fluir a partir dele. Como profissionais de marketing e blogueiros, todos nós queremos criar uma primeira impressão positiva. Com uma forte proposta de valor, você pode alcançar esse objetivo.

Uma proposta de valor deveria ser clara e direta. Não tente usar palavras demais ou tente impressionar qualquer um com palavras incomuns.

Evite este tipo de proposta de valor:

A melhor empresa de desenvolvimento de software que levará seu negócio para um próximo nível na era competitiva do marketing.

Primeiro, essa proposta de valor não funciona, porque é confusa e quase insignificante. O termo “próximo nível” é muito vago. Seus clientes não vão se conectar com isso.

De acordo com Jill Konrath:

Em vez de “falas corporativas” vazias e insignificantes, use estatísticas do segmento, uma das maneiras mais eficazes de persuadir as pessoas com sua proposta de valor.

Em outras palavras, diga aos usuários exatamente aquilo que deveriam esperar ao usar seu produto/serviço, a forma como a Optimonk faz em sua landing page abaixo.

image38

Outra maneira eficaz de criar sua declaração de proposta de valor é oferecer benefícios claros. Em outras palavras, faça com que seus benefícios sejam fáceis de serem entendidos e mostre facilmente como os resultados podem ser alcançados. Por exemplo, a BidSketch promete te ajudar a criar propostas de valor para clientes em minutos.

image26

Quando você criar novos posts no blog, é importante que você usa sua declaração de proposta de valor. Você poderia reafirmar os resultados que seus clientes receberam no título ou subtítulo. Você poderia até mostrar seus resultados de testes A/B e como seu produto/oferta foi a força motriz.

Aqui está como a LeadPages.net faz isso:

image53

ii).   Adicione Urgência: Você já perdeu algum voo antes?  Como foi essa experiência, principalmente se você tinha algum compromisso importante?

Ninguém em sã consciência quer perder seus recursos valiosos. Quando você usa limitação na disponibilidade ou tempo em seu conteúdo, as pessoas irão responder a isso.

Vamos ver a definição de urgência no contexto do marketing:

image04

É muito mais fácil adicionar urgência em seus textos de venda do que em um post no blog ou artigo. Mas isso não significa que seja impossível.

Quando se trata de converter clientes, o segredo é simples: entenda o que o comprador quer e como ele quer. Por exemplo, se seus clientes estão querendo aumentar a taxa de assinatura de email, em qual formato eles vão querer usar a informação?

Eles vão preferir um breve relatório, um post no blog, um vídeo ou uma apresentação de Slideshare? Lembre-se que, quando você descobre o que eles querem e entrega no formato errado, isso irá afetar negativamente sua taxa de conversão.

De acordo com Gregory Ciotti, criar um senso de urgência em seu conteúdo é um truque que ainda é muito eficaz.

image18

A Amazon usa urgência em suas páginas de produtos:

O Dr. Robert Cialdini reconheceu a “escassez” como um dos pilares de influência que você pode usar para persuadir as pessoas. A escassez produz resultados impressionantes, pois grandes demandas vão sempre produzir o aumento das vendas.

Aqui está como incorporar a urgência em seu conteúdo. Se você irá cobrar $47 por um ebook, torne-o gratuito para as 100 pessoas que se cadastrarem e baixarem. Esse simples ato irá aumentar a percepção de valor do conteúdo.

As primeiras 100 pessoas irão correr para baixar e o burburinho vai se espalhar rapidamente, uma vez que, se eu consegui fazer o download, eu vou avisar aos meus fãs e amigos sobre isso.

Urgência pode não ser “real,” estritamente falando, mas você ainda pode usar o conceito para criar os títulos dos posts em seu blog e as introduções. Por exemplo, aqui estão alguns títulos que adicionam urgência ao mix:

  • Não Fique Para Trás: O Processo em 3 Passos Para Aumentar as Vendas do Seu Produto Novo
  • As Únicas 7 Estratégias Que Podem Impulsionar Sua Assinatura de Email, Hoje
  • 12 Erros Mortais Que Irão Sabotar Sua Taxa de Conversão Esta Semana

Aqui está um exemplo em tempo real de urgência no título:

image19

Adicionar senso de urgência também funciona em sites de e-commerce. Por exemplo, você pode aconselhar os compradores a fecharem a venda agora ou eles vão perder a promoção. Isso pode ser implementado através da urgência do estoque (ex: limite de quantos produtos estão disponíveis) e urgência baseada no tempo (ex: limite de quanto tempo irá durar a promoção).

Sites de comparação de hotéis fazem um excelente trabalho ao criarem senso de urgência. Aqui está um exemplo onde o booking.com mostra 3 instantes de urgência em sua página de reservas. O site instiga as pessoas a reservarem agora, senão irão perder os quartos disponíveis por causa da demanda.

image15

Cuidado: Quando você está usando um senso de urgência em seu conteúdo, você tem que tomar cuidado com os exageros. Uma urgência vaga irá apenas expulsar os clientes. Aqui está um estudo que prova o lado negativo da urgência:

image01

Então, qual dos dois panfletos ganhou?

image32

Conclusão: Dê instruções específicas sobre o que as pessoas vão conseguir se agirem imediatamente.

iii).   Relevância: Seu conteúdo está relacionado ao que os visitantes estavam esperando ver? É isso que significa relevância. Uma grande quantidade de conteúdo pode ser incompatível com o objetivo do negócio.

Por exemplo, se você é um corretor de imóveis, você provavelmente ia querer escrever sobre assuntos relacionados sobre isso em seu blog. Não faria sentido escrever sobre assuntos que não tenham nenhum tipo de relação – software de desenvolvimento, por exemplo, ou tradutores de línguas.

Claro, escritores criativos podem descobrir maneiras de usar temas inesperados para o objetivo principal do negócio. Por exemplo:

  • 5 Lições de Corretagem Imobiliário que Aprendi de um Tradutor Espanhol
  • 7 Oportunidades de Negócios Para Desenvolvedores de Software no Segmento de Imóveis

Mas acima de tudo, você tem que permanecer em seu tema e escalá-lo. Seu conteúdo deve usar termos, palavras-chave e expressões gramaticais que seus visitantes tenham relação e possam entender.

Steve Kamb, fundador do NerdFitness.com, faz referência aos seus fãs, visitantes do site, clientes e membros da comunidade como “rebeldes”, pois essa é a palavra que ele pegou emprestado para descrevê-los.

image46Qualquer link para o seu site deve ser relevante de alguma maneira com o tema do seu site, objetivo e visão.

Lewis Howe também oferece conteúdo relevante e um treinamento de 6 meses na School Of Greatness. Ele está comprometido com aqueles que querem construir um negócio. Os cursos de formação são concebidos para um grupo específico de empreendedores e o conteúdo no blog segue esse exemplo.

image47

iv).   Clareza: Falta de clareza na escrita pode impedir a comunicação para qualquer um, mas especialmente para os escritores e profissionais de marketing. Consequentemente, eles não serão capazes de resolver os problemas dos clientes, muito menos fornecer as soluções certas. Clareza é um sinal de que você conhece seu assunto.

image09

Para que seu conteúdo converta bem, ele precisa claramente articular a proposta de valor e um call to action. As imagens e textos utilizados em uma página da web devem complementar-se.

Stripe entende como se comunicar com clareza. Em uma tentativa de educar os clientes que os serviços de pagamento da Stripe estão abertos para os mercados no Reino Unido, EUA, Austrália, Canadá e outros países, eles usaram bandeiras para transmitir a mensagem deles.

Isso é bastante diferente de usar fotos de bancos de imagens que sejam relevantes ou relacionadas a cada um dos países.

image31

Aqui está outro exemplo típico de clareza que funciona no Mint.com:

image40

O título, as imagens, o call to action e os elementos de marca (logo, cor, etc.) todos se complementam.

Se você é um profissional de marketing B2C ou B2B, boa escrita no negócio requer clareza. Devido à limitações no tempo, profissionais de negócios, de marketing digital e CEOs, não têm tempo de analisar um documento tentando descobrir qual foi a intenção do escritor.

Quando você escreve com clareza, você elimina aquilo que é superficial e vai direto ao ponto. Gregory Ciotti, um especialista de marketing da Help Scout, sabe como fazer isso bem. Dê uma olhada na introdução de um post recente dele:

image37

v).   Ansiedade:  Deve haver um forte desejo para o seu conteúdo, produto ou serviço, quando as pessoas visitarem seu site. Começando pela homepage, seja claro naquilo que você quer alcançar.

image23

Nota: Você pode usar a ansiedade para aumentar ou diminuir as taxas de conversão. Usada de forma positiva, ela faz com que seus clientes queiram comprar. De forma negativa, ela irá expulsar os potenciais compradores.

Algumas das coisas que podem causar ansiedade em um comprador no site, especialmente em um e-commerce, são páginas de checkout inseguras, com um design de dados complicado e falta de segurança para o processo de pagamento.

image29

Quando você usa o desejo em uma direção positiva, você está encorajando a expectativa de que alguma coisa boa vai acontecer. Isso atrai o usuário e o inspira a querer aprender mais.

Para usar o tipo certo de ansiedade, faça com que seu título seja atrativo e cativante. Aqui está um exemplo de um título que mexe com a ansiedade do usuário de uma forma interessante:

image39

Instapage usa uma abordagem diferente para invocar a ansiedade. Em vez de usar um título bem destacado como a Bounce Exchange fez, ela adicionou “3 minutos” ao título.

Quando eu li isso pela primeira fez, eu fiquei ansioso para saber como alguém pode construir uma landing page tão rapidamente. Será que é possível? Ou é algum outro truque de marketing?

image41

Você pode estar pensando que a ansiedade só pode ser usada em landing pages e não em posts no blog. Isso não é verdade.

De fato, é muito mais fácil usar a ansiedade em seu conteúdo do blog, pois você pode apoiar sua opinião com dados e estudos de caso no corpo do conteúdo.

Aqui está como a Unbounce escreve títulos que chamam a atenção e são baseados em ansiedade, que fazem com que você queira clicar:

image44

vi).  Elimine as Distrações: O quanto puder, evite causar atrito em seu conteúdo eliminando as distrações.

Um estudo recente da Marketing Experiments descobriu que oferecer muitas opções em uma página causa atrito e distrai o usuário. Isso se traduz diretamente em perda de receita. Por exemplo, quando a VeggieTales removeu a navegação do seu funil dentro da página de checkout, eles aumentaram a receita por visitante (RPV) em 14%.

image21

A FSAstore.com é um site de destino para Flexible Spending Accounts (FSAs), onde os visitantes podem pesquisar e comprar produtos FSA elegíveis. Remover as subcategorias da homepage também aumentou a receita por visitante em 53,8% da FSAstore.

image25

Seu conteúdo e a landing page devem ficar livres de links de produtos e opções desnecessárias – o que, por sua vez, irá impulsionar sua taxa de conversão.

nameOn, um fornecedor escandinavo de presentes bordados personalizados, lançou um teste A/B usando o Visual Website Optimizer em sua página de “Carrinho”.

Antes disso, eles tinham 9 calls to action em sua página de checkout incluindo o “Cadastre-se para a newsletter,” “Curta-nos no Facebook,” e “Vá para a homepage”. Os únicos calls to action que permaneceram foram os botões de “Bônus de boas vindas” e “Continue com o checkout”.

image03

Eles fizeram o teste entre 24 de junho e 7 de agosto. Eles viram um aumento na performance de 11,40%, com mais pessoas querendo completar a jornada na página de checkout.

A partir do teste A/B, você pode ver que a maioria dos elementos que você provavelmente tenha em sua landing page não são necessários e podem, na verdade, estar prejudicando sua taxa de conversão.

É a mesma coisa com posts no blog. Foque nos elementos como o título, marcadores e imagens. Tentar colocar botões de compartilhamento social dentro e em torno do seu post, irá somente distrair os leitores.

Como Produzir um Texto Passo nº 3:  Crie títulos que chamam a atenção.

Escrever títulos atrativos” tem se tornado praticamente um clichê, mas eu ainda acho que vale a pena mencionar, pois esse conselho é o fundamento de uma estratégia de conteúdo vencedora.

Conteúdo que converte deve se destacar em uma multidão de conteúdos parecidos. “Um título pobre irá te render um artigo invisível,” diz Brian Clark, fundador do Copyblogger Media.

image02

Ted Nicholas, um renomado escritor e diretor, diz que 73% das decisões de compra são feitas quando os clientes entram em contato com o título. Em outras palavras, se eles compram seu produto ou não, dependerá do seu título.

A explosão do conteúdo está competindo pela atenção do leitor. Com o crescimento do marketing online, sua competição também está crescendo. A Day in the Internet mostra que 2 milhões de posts em blogs e 864.000 horas de vídeos são criados todos os dias; quando este dia terminar, mais 294 bilhões de emails terão sido enviados.

image28

Esses números são surpreendentes.

Além do mais, 80% das pessoas não vão passar do título, e somente 2 em cada 10 pessoas irão realmente ler o resto do conteúdo. Um teste recente da Koechley mostrou que o tráfego que cada conteúdo recebe na Upworthy pode variar mais de 500%, simplesmente por causa do título.

Isso significa que se você gasta tempo suficiente para melhorar seus títulos, provavelmente você irá aumentar as visualizações, compartilhamentos sociais e conversões.

Quando se trata de criar títulos que chamam a atenção, você tem que descobrir títulos que tiveram um número significativo de compartilhamentos sociais e links. Você pode então usar como modelo estes títulos virais para criar uns mais poderosos.

Siga estes passos simples:

i).   Vá para o Buzzsumo.com: Digite sua palavra-chave principal (ex: reduzir taxa de rejeição) que você gostaria de escrever dentro da caixa de pesquisa. Clique no “ícone de pesquisa” no lado direito:

image11

ii).   Analise os compartilhamentos sociais e os títulos: Veja os títulos que tiveram os maiores compartilhamentos.

image13

Os títulos virais são:

  • 9 Maneiras de Reduzir a Taxa de Rejeição do Seu Blog
  • Reduza a Taxa de Rejeição: 20 Coisas para Considerar

Esses dois títulos são realmente atrativos. Mas você ainda pode melhorá-los, usando o aumento da percepção de valor. Como fazer isso?

a).   Integre Palavras Poderosas: Se você quiser que seus títulos sejam clicáveis, você tem que adicionar palavras que chamam à atenção.

Alguns exemplos de palavras poderosas são:

  • Esperto
  • Poderoso
  • Eficaz
  • Forte
  • Converta etc.

Então vamos usar palavras poderosas em ambos os títulos:

Título original:

  • 9 Maneiras de Reduzir a Taxa de Rejeição do seu Blog

Títulos novos:

  • 9 Maneiras Poderosas de Reduzir a Taxa de Rejeição do seu Blog
  • 9 Estratégias Inteligentes para Reduzir a Taxa de Rejeição do seu Blog

Título original:

  • Reduza a Taxa de Rejeição: 20 Coisas para Considerar

Ideias de títulos novos:

  • Reduza a Taxa de Rejeição: 20 Estratégias Inteligentes para Considerar
  • Reduza a Taxa de Rejeição: 22 Aspectos Simples para Considerar

b).   Use números ímpares: De vários testes A/B anteriores, nós sabemos que usar números no título irá aumentar o engajamento. De fato, seu público-alvo em potencial tem uma preferência por esse tipo de títulos.

image50

Mas os números ímpares superam os pares. Um estudo de 150.000 títulos pela Content Marketing Institute descobriu que os números ímpares têm uma taxa de clique 20% maior do que títulos com números pares.

image30

Então para a segunda ideia, que é:

  • Reduza a Taxa de Rejeição: 20 Aspectos para Considerar

Nós poderíamos torná-la melhor usando um número ímpar em vez do par:

  • Reduza a Taxa de Rejeição: 21 Aspectos para Considerar
  • Reduza a Taxa de Rejeição: 17 Aspectos para Considerar
  • 27 Maneiras Inteligentes de Reduzir Rápido a Taxa de Rejeição
  • 31 Ajustes Simples que Irão Reduzir sua Taxa de Rejeição Hoje
  • Processo em 3 Passos para Reduzir a Taxa de Rejeição

Além de usar números ímpares em seus títulos, você poderia também usar como modelo títulos cativantes que despertaram seu interesse.

Por exemplo, aqui estão alguns títulos da Buzzfeed:

image48

Um dos títulos acima é:

  • 13 Verdades Inegáveis Sobre o que Tem no Telefone de Uma Mulher Lésbica

Aqui estão ideias de títulos se você é um profissional de marketing de conteúdo especializado em SEO, se trabalha com blog, geração de tráfego na web ou negócios online em geral:

  • 13 Verdades Inegáveis Sobre Direcionar Tráfego Orgânico a Partir do Google
  • 13 Verdades Inegáveis Que Irão Aumentar o Tráfego do seu Blog em 118%
  • 15 Verdades Inegáveis Para Aumentar a Taxa de Cliques dos Seus Títulos

Qualquer título pode ser uma fonte de inspiração para você. Você poderia até ir no Magazines.com e descobrir ideias de títulos atrativos que irão chamar a atenção do seu consumidor.

Ou usar o Upworthy. A Fast Company o descreveu como a empresa de mídia com maior crescimento da história com 28,4 milhões de visitantes únicos nos EUA e 43 milhões de visitantes globais.

Uma apresentação no Slideshare publicada pela UpWorthy revelou que 56% dos seus posts não geraram mais de 10.000 visualizações, enquanto 0,3% dos seus artigos geraram com sucesso mais de 1.000.000 de visualizações.

Alguns dos seus títulos que se tornaram virais e geraram mais de 1.000.000 de visualizações são:

image35

Aqui está um segundo que gerou vários compartilhamentos sociais:

image10

Como Produzir um Texto Passo nº 4:  Ao escrever, escreva como se estivesse conversando.

A maneira que você escreve pode fazer com que seu conteúdo seja mais fácil e pessoal. Você escreve como fala? Algumas pessoas não acreditam que isso funciona, mas é verdade.

Seth Godin, um escritor e autor de mais de 15 livros bestselling, acredita que escrever da maneira como você fala é uma forma simples para se expressar melhor:

image00

Escreva como você fala.

Esse é também o melhor conselho sobre escrita que Logan Zanelli teve do seu professor.

De acordo com Zanelli, qualquer hora que você precise para escrever, mas não pode parar diante de uma tela, ou quando você procrastina e evita o projeto esperando que ele simplesmente vá embora, você ainda não descobriu a verdade real sobre escrever.

Nota: Escrever como você fala não lhe dá total liberdade para publicar conteúdo que seja uma porcaria, ou ignorar as regras básicas da escrita.

Pelo contrário, isso significa que você irá colocar seu coração nisso e expressar sua própria visão de mundo, enquanto se apoia em opiniões, estatísticas e estudos de caso comprovados.

Quando você abraçar esse conselho simples, você poderá superar suas inseguranças e libertar sua forma de escrever. Torne-se um leitor ardente. Faça da leitura um hábito e você será um escritor ainda melhor.

image05

Isso fará de você um escritor melhor e mais produtivo e irá melhorar o engajamento do seu conteúdo.

Imagine você em um chat com um amigo. Você é livre para se expressar e dar ao seu amigo a chance de responder. Escrever dessa maneira irá aumentar seu engajamento e suas vendas.

image51

Não faça conteúdo sobre você, apenas. Você ainda tem que focar em oferecer soluções.

Se você não sabe como usar um tom para a conversa, faça uma gravação ao falar sobre o assunto. Finja que você está falando com um amigo, explicando um tópico, para se certificar que você entenda o tom da sua conversa.

Lembre-se que o conteúdo que converte usualmente apela para as emoções humanas. Isso aumenta a percepção de valor do seu conteúdo. Seus leitores irão se relacionar com sua mensagem, especialmente quando você direcioná-los a um storytelling.

image24

Como Produzir um Texto Passo nº 5:  Sempre inclua um call to action quando a emoção aflorar.

Posts em blog sem um call to action estão semi-acabados. É claro, tudo depende do seu objetivo em colocar o conteúdo em primeiro lugar. Mas se você quiser um resultado melhor, inclua um call to action quando a emoção estiver alta.

Saber como produzir um texto de alta qualidade gasta tempo. 43% dos profissionais de marketing B2B dizem que leva tempo demais, e lutam com esse processo.

image43

Ao criar o conteúdo, editá-lo, publicá-lo e começar a promovê-lo, não desperdice o esforço deixando seu conteúdo sem um call to action.

Quando os leitores terminarem de ler seu conteúdo, eles irão perguntar, “onde eu aprendo mais?” ou “como eu conheço melhor o autor?”

Um call to action é simplesmente um convite para as pessoas a tomarem alguma ação específica. Por exemplo, se seu artigo faz parte de uma série (Parte 1, 2, 3 ou mais), você poderia colocar um link para a parte 2 no post parte 1.

image16

HubSpot é uma empresa de inbound marketing de sucesso. Uma das coisas que eu mais gosto no blog da HubSpot é que eles geralmente incluem um call to action; por exemplo, pedindo a você para fazer um download de um relatório ou ebook que complementa o post que você acabou de ler.

image17

Sempre peça aos seus leitores para aprenderem mais, comprarem, assinarem sua lista de email, assistir a outro vídeo ou tomar alguma ação específica que irá beneficiá-los ainda mais.

Lembre-se que você não tem o direito de reclamar que seu conteúdo não está convertendo ao menos que você tenha call to actions neles. E você pode testar para saber o melhor lugar para seu call to action. Isso é muito importante.

Como Produzir um Texto Passo nº 6:  Formatar sua escrita facilita a leitura.

legibilidade tem muito a ver com o layout, a apresentação, um bom conteúdo e um bom estilo na escrita. Para sua escrita ser interessante e direcionar leads para seu negócio, ela deve cobrir três aspectos:

  1. Boa escrita
  2. Bom design
  3. Boa ideia

O escritor precisa produzir conteúdo de primeira linha. O designer precisa saber como apresentar o conteúdo de forma atrativa. E a ideia tem que ser alguma coisa que seu público-alvo queira.

Nós estamos vivendo em um mundo de buscadores impacientes. Em 1997, Jakob Nielsen conduziu um estudo sobre usabilidade na web e descobriu que 79% dos usuários da web podem passar o olho em vez de ler.

Pense sobre como você usa os mecanismos de busca. Quando você pesquisa por uma palavra-chave e não encontra a informação que está procurando, você irá clicar e procurar em outro lugar.

Se você quiser que seu conteúdo crie engajamento com seus leitores, você tem que fazer com que ele seja legível. Seus blocos de texto precisam ser formatados com vários espaços em branco.

image20

Agora dê uma olhada no conteúdo abaixo da Social Triggers que é bem formatado para a web:

image34

Aprender como escrever para a web irá te ajudar com relação a como produzir um texto de qualidade  que seja lido, compartilhado e promovido pelo seu público-alvo. Lembre-se que 95% do design da web é a tipografia.

Ao formatar seu conteúdo, você tem que ter em mente a hierarquia do título. Se o título for menor que o subtítulo, haverá uma sensação de “incompatibilidade” quando as pessoas lerem seu post.

image36

Um dos melhores blogs com tipografia clara, espaço em branco suficiente e conteúdo legível é o Writtent.com:

image33

O Copyblogger é outro blog de autoridade que coloca a legibilidade em primeiro lugar em seu negócio de marketing de conteúdo:

image06

Conclusão

Depois que você aprende a como produzir um texto com conteúdo de qualidade, lembre-se que você tem que promovê-lo para conseguir compartilhamentos sociais, indicadores sociais e o tipo de tração que possa melhorar a leitura do seu conteúdo e as classificações nos mecanismos de busca.

Eu reconheci o poder por trás do marketing de conteúdo anos atrás, e isso me motivou a criar o guia avançado do SEO, marketing de conteúdo, email marketing e muitos outros assuntos populares do marketing de internet.

Quando comecei a produzir textos com conteúdo mais útil e engajado, eu aumentei minha receita, gerei mais de 700.000 visitantes de 614 posts e construí 3 empresas de software de sucesso com meu parceiro, Hiteh Shah.

Me diga, você está realmente tendo dificuldades para direcionar tráfego para seu blog, atrair clientes de qualidade e aumentar as vendas? Se você puder abraçar o marketing de conteúdo e desenvolver um calendário editorial que será seu guia, você conseguirá resultados.

Eu espero que este guia passo a passo sobre como produzir um texto de qualidade que converte visitantes em clientes tenha sido útil e inspirador para você.

Meu conselho para você é: execute esses passos, pois eles são fáceis de implementar e os estudos de caso estão lá para te mostrar que você pode replicar o sucesso que outros blogueiros/profissionais de marketing tiveram.

Você já usou qualquer um desses passos para produzir um texto de qualidade que gerou leads para você, construiu sua lista de email ou aumentou suas vendas?

Share