Um Guia Rápido (e Útil) de Como Usar Google Shopping Ads Para Vender Mais

shopping bags

Existem vários jeitos de gerar vendas para sua loja virtual.

Um método que é esquecido por muitas pessoas é o Google Shopping Ads (também conhecido como Product Ads).

Na verdade, ele é tão ignorado, que o Google Shopping Ads representa apenas 20% dos cliques pagos de buscas – por isso há muitas oportunidades para você ao usá-lo.

Neste artigo, vamos ver como você pode usar o Google Shopping Ads para gerar mais vendas para sua loja de ecommerce.

Baixe esta planilha de dicas para aprender como usar o Google Shopping Ads para gerar vendas e lucros.

Vamos ver como ele funciona e como você pode maximizar o seu potencial ao usá-lo.

No final desse artigo, você vai ter todo conhecimento necessário para criar, com sucesso, um Google Shopping Ads e usá-lo para impulsionar o sucesso da sua loja online.

Vamos começar. 

O que são os Google Shopping Ads?

Você provavelmente já viu os Google Shopping Ads antes.

Eles geralmente aparecem quando você está procurando por algum produto no Google.

Aqui está um exemplo de como esse anúncio pode aparecer, quando procuramos para comprar algum “Jordan sneakers”.

image08

Esses anúncios são particularmente eficazes, porque eles mostram uma imagem de alta qualidade do produto, assim como o preço desse produto.

Como esses anúncios costumam a aparecer no topo da lista de busca, seus produtos vão aparecer onde os pesquisadores mais prestam atenção.

É por causa desses fatores que alguns anunciantes estão tendo uma taxa de conversão 130%  mais alta com esses anúncios, quando comparado aos anúncios normais de venda.

De fato, em 2015 os comerciantes gastaram 47% mais no Google Shopping Ads, do que em 2014.

image06

Mesmo se você estiver procurando impulsionar suas vendas para sua loja física (offline), o Google Shopping Ads pode ajudar.

O Sears Outlet conseguiu aumentar a taxa de visitantes na loja em 122% e chegou a um ponto que estava ganhando $8 na loja para cada $1 gasto nos anúncios.

Configurando o Google Shopping Ads

Antes de fazer qualquer coisa, você precisa criar uma conta no Google Merchant, se você ainda não tiver uma.

Ter uma conta no Google Merchant te dá a chance de fornecer ao Google informações relacionadas ao seus produtos.

Para configurar uma conta no Google Merchant, visite https://merchants.google.com.

E então, faça o processo de registro.

image10

Assim que terminar com esse processo, você precisa criar um ‘Feed’, que contém os produtos da sua loja.

Para fazer isso, clique no ‘Feeds,’ na coluna esquerda.

image09

Criando o feed, você está dando ao Google toda informação que ele precisa para mostrar seus anúncios.

Configurar o feed não é muito difícil, tudo que você precisa fazer é preencher uma planilha que o Google te dá.

Às vezes, isso poder ficar um pouco complicado, então eu recomendo que você assista este vídeo antes.

image12

Assim que você preencher o seu Feed de Produtos, você precisa conectar a sua conta do AdWords com sua conta Google Merchant.

Para fazer isso, clique em “Configurações”, na barra lateral, e então selecione AdWords.

image11

Clique no ‘Conectar Contas’.

image14

Se você não tem um conta no AdWords, você pode configurar uma pelo Merchant Center.

Quando você configura sua conta no AdWords, você tem a opção de criar uma campanha de Shopping Ads dentro do Merchant Center.

Entretanto, é melhor fazer uma campanha pelo Google AdWords.

Você pode seguir para esta página e o Google vai te guiar no processo de configuração de uma ‘Campanha de Shopping’.

Quando estiver nesse ponto, clique no botão ‘Me Guie’.

image13

Para uma visão geral, vamos dar um olhada no processo de configuração de um Google Shopping Ads.

Entre na sua conta do AdWords e clique no ‘+Campanha.’

image16

Então, selecione ‘Shopping’.

image15

Dê um nome a sua campanha.

image19

Selecione o país da sua campanha.

Importante: Certifique-se de que o país seja o mesmo que você selecionou no Feed de Produtos.

image17

Então, selecione as ‘Redes’ em que você quer que seus produtos apareçam.

Embora eu tenha selecionado abaixo ‘Incluir parceiros de busca’ pode ser melhor começar sua experiência somente com o ‘Redes de Busca do Google’.

Isso porque é melhor que o seu tráfego seja mais direcionado.

Você precisa então, decidir qual a localização da sua campanha.

image18

Depois de fazer tudo isso, você vai precisar focar nas opções de oferta.

Escolha um pequeno valor, até $10 e teste.

Quando você tiver alguns resultados, talvez depois de uma semana, você pode decidir se você quer aumentar o gasto da campanha ou se você deseja fazer algumas mudanças nela.

image20

Deixe o método de entrega como está, por enquanto.

Nota: O Google Shopping Ads não permite que você escolha palavras-chave quando faz a publicidade de um produto.

Google Shopping Ads funciona pegando os produtos do seu Feed de Produtos e mostrando-os, usando os dados de palavra-chave do próprio Google.

Então, em geral, sua publicidade é baseada nos produtos.

Pelo fato do Google ter ótimos dados sobre os tipos de palavras-chave que as pessoas estão usando quando procuram produtos como os que você oferece, seus produtos irão aparecer para as palavras-chave relevantes.

Entretanto, se você realmente quiser, você pode adicionar palavras-chave negativas em uma campanha. Isso vai fazer com que seus produtos não apareçam mais quando o pesquisador usar certas palavras-chave.

Tais palavras-chave podem incluir aquelas usadas por pesquisadores com pouca intenção de compra.

Além disso, se você quer criar campanhas para produtos específicos, ajuste as ‘Configurações Avançadas de Shopping’, na página onde você iniciou a configuração para sua campanha de Shopping Ads.

Isso pode ser um boa ideia se você quiser ter um controle rígido sobre os Shopping Ads mostrados para cada um dos seus produtos.

image22

Se você olhar a imagem acima, você vai perceber que existe uma seção chamada ‘Filtro do Inventário’.

É onde você pode selecionar os produtos que vão ser anunciados na sua campanha.

image23

Você pode selecionar os produtos baseado nos seguintes critérios:

image24

Como você deve ter adivinhado, essas informações vão ser retiradas do seu Feed de Produtos.

Você também pode ter notado uma opção chamada ‘Prioridade de Campanha’.

Essa opção é útil quando você tem várias campanhas que anunciam o mesmo produto.

Você pode usar essa opção para dar prioridade para certos produtos, para que eles tenham um investimento maior, e assim, maior exposição.

Aqui está a explicação do Google, em relação à ferramenta de Prioridade de Campanha:

image25

Quando tiver feito isso, clique em Salvar e Continuar.

image07

Você vai ser direcionado a esta página:

image26

Aqui você precisa nomear o Grupo Ad e adicionar algum texto promocional, se precisar (falarei mais disso mais para frente).

Estratégias para maximizar o rendimento quando usar o Google Shopping Ads.

Mesmo se você não executar essas estratégias, você ainda pode gerar um retorno 3x maior, como o Offie Depot fez.

Mas, se você sentir que seus resultados estabilizaram, vale a pena considerar essas dicas.

Se seus anúncios não estiverem te trazendo os melhores resultados, considere ajustar os investimentos que você definiu.

AdWords é baseado no sistema de leilão. Isso significa que quem estiver disposto a pagar mais por um anúncio, recebe, em geral, maior exposição.

Então, se você descobrir que seu anúncio não está gerando nenhum clique, pense na opção de aumentar o lance pelo seu anúncio.

Quando se trata do investimento em anúncios, é importante saber o valor do ‘tempo de vida útil’ de um cliente.

Sabendo disso, você tem mais liberdade para investir valores maiores, como se tivesse uma garantia de que você vai ser capaz de cobrir esse custo.

Se o seu anúncio não está gerando vários cliques, então talvez você deva colocar uma nova imagem.

Se você quer mudar a imagem do anúncio, você tem que ficar atento ao escolher uma imagem que esteja no seu Feed de Produtos.

Imagens podem ter um forte impacto sobre a decisão da pessoa de clicar ou não no seu anúncio.

Se você está acostumado a anunciar no Facebook, então você sabe que isso é verdade.

Dê uma olha em algumas das outras imagens de produtos que aparecem quando você pesquisa a palavra-chave relacionada ao seu produto.

Se tiver alguma que se destaque, se pergunte o que faz dela tão apelativa e como você pode se inspirar para elaborar a sua própria campanha.

Redirecionamento é outra ótima estratégia que você pode usar para maximizar seu rendimento, usando o Google Shopping Ads.

O redirecionamento aciona um pixel de rastreamento quando alguém visita o seu site. Você vai então, mostrar a eles anúncios usando outro produto do Google Ad.

Tais produtos Ad podem incluir o YouTube Ads e Google Display Ads.

Provavelmente, você vai querer criar anúncios para produtos específicos.

Vamos imaginar que alguém clique em um anúncio de venda e busca por um par específico de botas.

Então, você faz com que a pessoa que procurou pelas botas passe a ver anúncios Display das botas em sites parceiros do Google, como o YouTube.

Redirecionamento é algo que definitivamente vale a pena tentar, especialmente se considerar que uma pesquisa descobriu que 70% dos redirecionados têm convertido.

Você também pode focar em otimizar as descrições dos produtos.

Se você garantir que o nome do seu produto descreva exatamente o que você está oferecendo, você vai ser capaz de gerar mais cliques.

Copias sempre importam e, semelhante ao que você esperaria de um anúncio normal do AdWords, mudar as palavras que você usa pode melhorar suas conversões.

Se você der uma olhada no anúncio abaixo, você vai ver que o anunciante fez bastante esforço para explicar que o carregador é ‘Genuíno’.

image00

Isso é importante, porque pode ser o fator-chave que leva as pessoas a comprarem o carregador de uma loja, em vez de comprarem em outra.

Também é uma boa ideia mencionar qualquer promoção que possa estar acontecendo.

Um exemplo disso é fazer com que os pesquisadores saibam que você está oferecendo ‘Frete Grátis’.

image01

Nós mencionamos isso antes, quando estávamos falando do processo de configuração dos anúncios.

Mencionar tais benefícios na seção de promoção pode ter um grande impacto em como as pessoas entendem seu anúncio.

Afinal, mesmo que outras empresas ofereçam frete grátis, a pessoa que está vendo o seu anúncio não sabe disso até clicar no outro anúncio.

Mas, se você mencionar explicitamente no Google Shopping Ads que você oferece frete grátis, você vai ter uma vantagem em relação as outras empresas, logo na página de busca.

Outra coisa que nós mencionamos anteriormente que vale apena reforçar, é a exclusão de certas palavras-chave.

Para excluir palavras-chave que não estão beneficiando sua campanha, clique nessa campanha na página ‘Todas Campanhas’.

image02

Então, clique em ‘Palavras-chave’.

image03

Quando estiver nesta aba, coloque qualquer palavra-chave que você deseja excluir.

image04

Você vai notar que existe uma opção de excluir palavras-chave baseado no ‘Nível do Grupo Ad’ e ‘Nível Campanha’.

Seu método para excluir palavras-chave vai depender de como você configurou sua campanha inicialmente.

Mas, e se você não souber quais palavras-chave excluir?

Na mesma página, existe um link para uma página conhecida como ‘Termos de Busca’.

image05

Quando você clicar nesse botão, você vai ver todos os termos de busca que as pessoas usaram, para chegar aos seus produtos anunciados. 

Esse dado é valioso por duas razões.

Primeiro, isso pode ser usado para inspirar algumas palavras-chave que você deseja excluir. 

Isso porque você vai ser capaz de identificar qualquer palavra-chave de baixa performance que não te dá muito lucro.

Se uma certa palavra-chave está gerando vários cliques, mas as vendas estão aumentando pouco, então você sabe que essa palavra-chave não está sendo tão eficaz quanto deveria.

Agora, é claro que existem jeitos mais técnicos e mais complexos de fazer isso. Mas, se você é novo no AdWords, isso deve te dar informações suficientes.

Segundo, você pode analisar as palavras-chave usadas para encontrar seus produtos e ver se elas te ajudam a descobrir como melhorar a descrição do seu produto.

Por exemplo, imagine que você venda ‘jaquetas impermeáveis para o verão’.

Mas, a descrição do seu produto só diz ‘jaquetas impermeáveis’.

Pode acontecer de muitas pessoas verem o seu anúncio e clicar, depois de ter buscado por ‘jaquetas impermeáveis para o verão’.

Sabendo disso, você deve ajustar sua descrição, para que realmente diga ‘jaquetas impermeáveis para o verão’.

Essa descrição tem potencial para gerar melhores conversões, já que a definição do seu produto é exatamente o que as pessoas procuram. Isso faz com que o seu produto seja posicionado como a solução perfeita para a necessidade dos pesquisadores.

Conclusão

Se você comanda uma loja de ecommerce, você deve definitivamente tirar um tempo para estudar o Google Shopping Ads.

Usando o Google Shopping Ads, você consegue mostrar a imagem e um texto ‘rico’ nos anúncios, bem no topo da lista de resultados. Assim, eles vão ser vistos pelas pessoas que têm alta ‘intenção de compra’.

A configuração desses anúncios pode ser um pouco complicada no início, mas, uma vez que você começar, você vai ver que o processo é bem lógico.

Depois de um tempo com os anúncios, você provavelmente vai querer experimentar algumas das táticas mais avançadas que discutimos ao longo desse post, como o redirecionamento.

Comece a usar o Google Shopping Ads e veja o quanto ele funcionará para você.

Quais foram suas experiências com o uso Google Shopping Ads para uma loja de ecommerce?

Share